Prêmio Ichiban Brasil 2011 – Nós vamos ao encontro dos mais fortes!

Ou pelo menos vamos em busca dos mais votados… Está no ar a segunda edição do Ichiban Brasil! Vote e escolha os seus favoritos de 2010! Saiba mais.

No ano passado, quando eu ainda fazia parte da extinta Anime House (já que o que o site se tornou hoje é uma vergonha) fiquei sabendo da existência do Prêmio Ichiban Brasil, que visava eleger os melhores animes do ano de 2009. No começo fiquei com um pé atrás achando que seria mais uma enquetezinha qualquer que no final daria a vitória em todos os quesitos para Naruto ou Bleach (não desmerecendo nenhum dos dois, tendo em vista que eu também gosto de ambos). Para minha surpresa não foi assim. Tivemos uma eleição com diversos títulos diferentes e que me agradou. Pela primeira vez eu respondia algum questionário sobre animes no Brasil que não tivesse foco nos hypes.

Esse ano a votação está de volta no Ichiban 2011, que visa prestigiar os melhores de 2010 em categorias distintas: animes, mangás, doramas/live-action e música. O projeto nasceu nas mãos dos blogueiros Léo Kusanagi do Mithril. e de Denys Almeida, do Gyabbo!. Esse ano, a dupla contou com o apoio do Diogo Prado, o Didcart do MBB Anikenkai, além é claro de um grupo de colegas responsáveis pelo julgamento das categorias e que podem ser conferidos clicando aqui e quem sabe na edição de 2011 eu não esteja lá. Agora com a ajuda de vocês até o dia 31 de Março, a votação estará rolando lá no site oficial do prêmio, e contamos com a ajuda e divulgação de todos para escolhermos os melhores do ano passado. Só clicar aqui e correr pro abraço. Peço desculpas pelo atraso na divulgação do evento, mas o que vale é a intenção.

Opiniões gerais

Desde o lançamento do Ichiban 2011, venho acompanhando algumas reclamações por parte de alguns pela presença de uns e ausências de outros dentro do prêmio. É claro que todos gostariam de ter seus favoritos disputando tudo e ganhando tudo, mas vamos aos fatos: não dá pra ser assim.

Concordo quando afirmam que o prêmio ainda precisa de um planejamento melhor, talvez até uma data mais antecipada para sua realização e jurados específicos para cada categoria, mas temos que trabalhar em mente com o que temos. Não são muitos dias de votação, logo, a quantidade de votos deve ser pensada de modo a ser proporcional a esses dias. Não adianta colocarmos os 100 animes da temporada passada se chegarmos ao dia 31 e tivermos 2 votos pra cada um dos 100 animes. “Mas a probabilidade de isso acontecer é mínima” é o que alguns dizem ou pensam, mas mínimo também acontece. Também não é possível colocar 50 jurados para decidirem os membros da categoria de um projeto que ainda está na sua segunda edição. Não sei em quanto tempo isso foi organizado, mas tenho certeza que os envolvidos tentaram fazer o melhor possível. Muitos erros do primeiro estão sendo cobertos com essa edição, e novos problemas aparecerão com certeza. Para isso é necessário VOCÊ leitor aparecer, não para criticar no msn com seu amigo, não para falar mal no twitter e não votar por birra, mas sim para colaborar citando formas como os organizadores podem aperfeiçoar ainda mais ano após ano. É assim que qualquer tipo de evento ou organização que abre espaço para seus participantes deve agir, cedendo espaço para seu público. E acreditem: não é uma missão de outro mundo falar com os administradores e sugerir mudanças, podendo entrar em contato com ambos pelo twitter ou pelo e-mail do concurso.

Se vocês querem que de alguma forma, seus animes, mangás ou cantores favoritos façam parte do próximo ano, PARTICIPEM e não fiquem parados esperando que as empresas japonesas venham até o Brasil para fazerem pesquisas oficiais com vocês e vamos colaborar e valorizar boas idéias que surgem no nosso pequeno nicho brasileiro. E isso não é só para o Ichiban: serve para reclamações com editoras nacionais, lançamentos de DVDs, dublagens e seus direitos de consumidor. Vamos votar e prestigiar. Contamos com a ajuda de vocês! http://www.ichibanbrasil.com.br

E a imagem de abertura da postagem deixa bem claro quem merece ganhar o prêmio de melhor anime, não é?

Dih

Dih

Paulistano, 27 anos, corintiano e fissurado em cultura asiática e pop. Formado em Design Gráfico na FMU. Hoje é editor assistente da Panini Mangás e colecionador compulsivo de quadrinhos em geral.

Related Post