Hall da Fama #11: Kyon, o mestre do Facepalm

Hall da Fama 11 com o oposto de Haruhi Suzumiya, Kyon! Alguém conhece personagem mais famoso em facepalms do que ele?

Olá a todos, como vão?

Em primeiro lugar, gostaria de comentar sobre o Hall da Fama anterior: achei bacana como as discussões morais sobre a justiça de Light se desenvolveram, foram maiores do que eu esperava. E sejamos honestos, é o tipo de tema difícil de se discutir tanto a partir de um anime. E agora vamos ao Hall da Fama… E bem, imagino que este vai dividir muitas opiniões.

Ah, Suzumiya Haruhi no Yuutsu. Este sim é um anime que cai naquela velha classificação de “ame-ou-odeie”: não sei quanto a vocês, mas para mim é muito raro encontrar alguém que coloca este anime em meio-termo. Ou a série tem fãs apaixonados ou tem haters dedicados – e bem, como os que já me conhecem há algum tempo sabem, eu faço parte do primeiro grupo, e gosto de dsicutir meus motivos para isso. Mas isso vou explicar um pouco melhor aqui analisando uma figura da série que ficou simbólica no fandom com seus afamados “Facepalms”: Kyon. E sim, spoilers das duas temporadas do anime e um pouco do filme (Suzumiya Haruhi no Shoushitsu).

Agora, venhamos e convenhamos: imagino que mesmo entre os haters da série há um bom número de simpatizantes do Kyon, aquele garoto normal e meio “na dele” que acabou parando no mundo adoidado de Haruhi, responsável pelo surgimento de aliens, espers e viajantes do tempos graças a seu poder de alterar a realidade com sua vontade – poder que desconhece, tornando a mistura entre o mundo colegial e o mundo paranormal mais interessante. E é esse colegial pouco interessado em mudar sua vidinha comum que acaba acidentalmente sugerindo a novata Haruhi que forme um clube para atividades em busca do paranormal que esta literalmente diante dos olhos dela, conforme os membros Yuki Nagato, Mikuru Asahina e Koizumi Itsuki juntam-se a eles.

Kyon – cujo nome verdadeiro é desconhecido, sendo apenas conhecido por esse apelido – é um sujeito perspicaz e perceptivo, embora prefira fazer uso dessas habilidades para manter-se no seu canto, sem mudar muito de sua vida normal. Pode-se dizer que, de uma certa forma, ele é um personagem desestimulado e sem muita perspectiva. Porém, preso às extravagâncias de Haruhi, ele precisa aprender a conviver com todo um mundo sobrenatural dinâmico e acaba se apegando a algumas pessoas que fazem parte dele – ele consegue enxergar traços de humanidade na alienígena Yuki Nagato, criada pela Entidade Integradora de Dados para vigiar Haruhi, apega-se a fofura – e sensualidade também – da viajante temporal Mikuru e aos poucos questiona a atitude passiva dos membros da Brigada SOS em relação a sua líder hiperativa e encrenqueira.

A princípio, Kyon também é um personagem passivo e “abusado” por Haruhi em suas maluquices, questionando suas atitudes apenas internamente – e que por um tempo colocam o personagem como os olhos do espectador. Porém, sua empatia por Haruhi cresce aos poucos, assim como a ideia de que seja melhor contrariá-la para seu próprio bem – ao contrário do que pensam os outros, que consideram melhor deixá-la fazer o que quer para evitar que seu humor cause uma catástrofe no mundo. Episódios como o que Haruhi e Kyon ficam presos em uma dimensão isolada e da filmagem para o Festival Cultural na segunda temporada (é, aquela segunda temporada tem o terrível momento do Endless Eight, mas guarda também ótimos elementos para avaliar o desenvolvimento da série) – em que Haruhi se empolga em usar sem piedade Mikuru como um brinquedo e isso estoura a paciência de Kyon – são exemplos de momentos em que ele sai de sua inércia para tomar atitudes decisivas.

Só que, ao mesmo tempo que sai de sua posição de apenas observar, ele percebe que talvez não seja tão ruim fazer parte da Brigada SOS, que a vida não precisa ser parada e vale a pena se divertir e fazer do mundo ao seu redor um lugar mais vivo. Da mesma forma que, com a ajuda de Kyon, a Haruhi aprende a encontrar valor em coisas “comuns” como substituir a vocalista de uma banda em um festival escolar ou passar as férias em plena atividade com os amigos, o Kyon começa a entender que não precisa ser mais um cara normal com uma vidinha normal no mundo.

E quer situação melhor para ilustrar isso do que a do filme Shoushitsu, em que ele escolhe por voltar o mundo modificado por Yuki ao normal, mesmo quando poderia finalmente viver de forma tranquila – sem garotas distorcendo a realidade ao seu redor, aliens, viajantes do tempo ou espers? No filme, a primeira reação é de desespero, seguida da atitude de tentar fazer alguma coisa, sendo o único capaz disso. Kyon reconhece-se apegado a Brigada SOS, e que a vida sem ela não teria a mesma graça; assim como entende que precisa mover-se pelas pessoas a seu redor, em uma situação em que, ironicamente, aquele que é um humano sem nenhuma habilidade especial é a pessoa certa para virar a mesa e tem seu papel mais que especial nos acontecimentos. E seus sentimentos por Yuki demonstram-se ainda mais fortes também.

Kyon é como um “lado oposto” de Haruhi. Ele tem um certo controle sobre as emoções dela, e ela causou uma grande reviravolta em sua vida. Por isso que é tão interessante ver, neste anime que é uma mistura bacana entre o sci-fi e o slice-of-life, como cada um aprende a mudar o mundo a sua volta para que torne-se um lugar especial – e não é preciso para isso apenas eventos paranormais.

Pois bem, este é o Hall da Fama de hoje. Um pouco diferente do que pretendia fazer, mas ainda estou organizando algumas coisas aqui. ^^’ Em todo caso, digam o que acharam nos comentários – como é de praxe. Até a próxima!

por Mary

Asevedo

Designer de formação, atualmente sou Assistente editorial da Panini Mangá. Acumulo mangás e HQ's, que espero conseguir ler um dia. Assisto animes de vez em nunca.

Related Post

  • TRroolFace

    First!

  • Pss

    Kyon é um dos melhores personagens masculinos com os quais tive contato. Não o acho desistimulado e sem perspectiva, o acho… Normal Oõ Ele não se esforça muito no que não é extremamente necessário, só isso.

    Mas muito bom esse Hall. Principalmente por destacar o fato do Kyon ser a contra partida da Haruhi e a única pessoa com um mínimo de razão E disposição para fazer o que é necessário na Brigada.

    Ainda acho que ele é o protagonista de SHNY, mas como quero passar longe de discussões, se acharem q é a própria Haruhi, tudo bem, né?

  • OMG GOSTEI MUITO!!!! Sou daquelas que amam muito Suzumiya Haruhi no Yuuutsu, tanto que a Haruhi já é a minha deusa UAHSAHUAHSUAHS (Haruhista) e o Kyon! o *facepalm* até que enfim algo sobre Suzumiya Haruhi no Yuuutsu!! Parabéns!! ~~

  • gabrinius

    na verdade nem dá pra dizer que ele não é o protagonista. a historia inteira é narrativa da vida e ponto de vista dele e o foco é ele.

    se ele num for o protagonista, então eu tenho que reaprender o que essa palavra significa.

    • gabrinius

      Ah, isso era referente ao ultimo paragrafo dito pelo Pss

      • Pss

        Olha, alguém concorda comigo! (q raro!)

  • Zuperman

    Com os eventos do filme Kyon tapou a boca de muita gente, ele é um verdadeiro personagem de respeito. Não só por seus ideais, ma sim pela sua força de vontade que é bem próxima de uma pessoa comum (diferente de animes que os personagens são idiotas e fazem qualquer besteira) e atitude.

  • Caramba Mary,você escreve muito bem. Tem uma visão interessante do anime e eu concordei com muita coisa que você disse ^^
    Bem,vou te dizer,eu sou uma pessoa que coloca esse anime em meio termo XD .
    Eu gosto dele,mas não sou viciada nele.Acho um anime muito bom apenas,um anime bem interessante,mas não é como Detective Conan ou Fairy Tail que são meus preferidos XD
    Hum,sabe,fiquei animada pra ver o filme…
    Eu tinha ficado um pouco decepcionada com a segunda temporada,por causa da parada do loop e tal,tanto que pulei os episódios e vi só os últimos… Mas assim que der vou assisti-lo *-*

    ”Kyon é como um ‘lado oposto’ de Haruhi. ” achei interessante essa frase,eu não tinha parado pra pensar,mas isso faz sentido.
    Ele é tudo que ela não é… XD

    Bom,adorei o post.Continue assim moça 😉

  • Itchan

    Muito Perfeito Mary, Suzumiya Haruhi é msm um dos melhores animes, e tipo tudo que é bom cria fans, que acaba sendo chamado de modinha e ai nascem os haters. Mas nossa fico mt bom esse Hall da Fama, gostaria de dizer que sou fan de Suzumiya Haruhi (até comprei a primeira novel em ingles xP), parabens pelo ótimo post e que, vc ja sabe mais, o Kyon é foda ;D

  • Escritora

    Gostei demais desse Hall da Fama: sinceramente, o Kyon é mesmo muito bacana, diferenciando da maioria dos personagens masculinos de animês e mangás. Continuem com esta coluna e sugerindo alguns personagens:
    *Rosette Christopher ou o Chrno de “Chrno Crusade”
    *Kudo Shinichi/Edogawa Conan de “Detective Conan”
    *Lina Inverse de “Slayers”
    *Ryoko de “Tenchi Muyo”

  • Kyon é brilhante. Ele é um dos meus personagens favoritos, e tbm é um dos personagens que eu mais invejo. Queria eu ser puxado pelo braço por uma Haruhi todo dia. Acho os personagens desse animê muito bem construídos. A própria Haruhi é interessantíssima, e quem assistiu, pelo menos alguns dos episódios do 8 infinito sabe q ela tem uma complexidade incrível. Quero mais temporadas. E tbm quero ler as novels… Cadê a Panini se animar em lançar?

  • Lucky

    primeiro hall da fama que eu não gosto…
    não sou um dos hates pq simplesmente não me interessei ein assistir mais do que 2 episódios desse anime… então não posso comentar muito sobre ele e muito menos odia-lo 🙂
    porem acho que tem muito mais personagens brilhantes do que esse ai, muitos comentados a cima 🙂

  • FUCKING KYON, NÃO TEM SUPERPODERES!
    Mas mesmo assim, a narrativa dele que torna o anime tão interessante….(opnião minha)

    Obrigado pelo Hall da Fama. Vocês poderiam fazer um sobre algum personagem de anime de esportes.

  • TcbBiTT

    Adorei o Hall da fama concordo em muitos pontos com você. Eu não sou fã de suzumiya só comprei todas novels disponiveis em ingles no momento kkk. Como já falaram acima o kyon é o melhor personagem masculino que já encontrei, para mim ele consegue ser um melhor que o Lelouch (0.00001%) pois ele é normal o que deixa muito interessante a sério, finalmnete um protagonista que não é um idiota completo. A narrativa pelo ponto de vista dele dexa tudo incrivel e o filme para mim que consagrou ele e tornou e top1 para mim. Otimo hall da fama continue assim simplismente perfeito.

  • Kyon no Hall da Fama = PURE LOVE. ♥♥♥

    Pra mim o balanço entre as personalidades da Haruhi e do Kyon é o que dá o “tchan” em Suzumiya Haruhi no Yuuutsu. São opostos, mas um mudou a vida do outro. Gostei muito da review, você destacou pontos importantes, como por exemplo a mudança de atitude dele em relação à Haruhi e à Brigada SOS em si. Achei mais que merecido ele ser homenageado nesse Hall da Fama, mas também acho que a Haruhi merece um, pois mesmo sendo uma tsundere loucona ela possui características únicas e mexeu muito com o mundo otaku, se tornando um ícone.

    Parabéns pelo ótimo post! ^^

  • thoty

    Fala serio !!!
    tava maneiro o Hall da Fama…
    agora voltou a ficar em queda livre

  • O anime é bom, e gosto de todos os personagens, MENOS A HARUHI.

  • O anime é bom, e gosto de todos os personagens, MENOS A HARUHI. [2]

    Para mim Kyon é o melhor…mas a Haruhi é marrenta demais, fala sério

  • telione

    aff proximo HDF BLACK STAR

  • O anime pode até ser “ame ou odeie”, mas consegue lidar muito bem com os dois opostos. Acho que Kyon é um ótimo contra-ponto na história, com ou sem a atuação da Haruhi e por isso vale a pena conferir o anime.

  • Nem li o texto porque eu provavelmente sou o único otaku que nunca viu suzumiya haruri no yuutsu, mas uma sugestão para o próximo Hall da fama seria o Emiya Shirou de Fate.

  • Infelizmente ainda não vi o anime (mas fiquei com vontade de ver) então não tenho muito o que comentar, apenas dar uma sugestão:
    Mashiro Moritaka/ “Saiko” de Bakuman

  • Kyon melhor personagem disparado de SHNY 🙂

  • Renatoy

    Próximo hall da fama, Katsuragi Keima de Kami nomi? .-.

  • Julio

    Você poderia fazer um Hall da fama de Johan de Monster,seria bem legal.

  • Pietro

    kyon
    eu acho um dos melhores personagens masculinos, bem explorado tanto q a suzumiya percebe isso e n larga dele, ele se esforça por todos os personagens sem pensar e acredita q possa ajudar, mesmo se ferrando na maioria das vezes
    assisti ao filme umas 40x pois lembro de ver o começo dele e ficar em desespero como ele não aguentava ficar sem saber oq estava acontecendo ( tanto q adorei o filme q comprei o BD oficial japones edição especial lindo demais )

    agora uma coisa a falar do personagem: ñ tem como falar do kyon sem falar de seu dublador o Tomokazu Sugita, q colocou muito da personalidade dele no personagem ( ja vi muitos animes q ele atua como dublador ) e vi q realmente ele tem essa característica de ser sarcástico e de humor negro ao extremo ( p quem já assistiu aos shows ou a algumas entrevistas dos dubladores ve q ele realmente é assim e ñ esconde )

    mereceu muito esse Hall da Fama

  • Jonny-kun

    Eu sou o unico que não entende por que “Eikichi Onizuka, 22 anos de idade, solteiro.” rsrs

    Não está no hall da fama a muito tempo ?

  • erick-h

    É um pouco tarde pra falar (muito tarde, acabei de ler esse Hall da Fama), mas vale a pena essa observação: algumas pessoas estavam dizendo que na verdade o Kyon é o personagem principal porque ele que narra, mas essa não é uma boa desculpa pra ele ser o principal, porque existe um tipo de narração (que agora eu não lembro o nome) em que um personagem secundário narra a historia e não o principal, o maior exemplo desse tipo de narração (além de Suzumiya Haruhi no Yuutso) é Sherlock Holmes, que para os que não sabem, é na verdade o Watson que narra, e não o Holmes.
    Bem, era só isso que eu queria dizer, talvez (ou provavelmente) ninguem vai ler isso, mas não custava tentar.

    • Existe sim de fato esse tipo de narração, mas o narrador não é considerado o personagem principal quando ele narra o acontecimento com outros, ou a sua participação é pequena.
      O Kyon é o narrador e personagem importantissimo nas 11 light novel (prefiro falar livro).
      Mas discutir isso é insignificante, não acha? xD
      Meu comentário foi desnecessário, mas achei legal comentar :O

      • Luffles

        Mas esse não é o caso de Sherlock ;S

        O Wattson também é o narrador, e personagem importantíssimo. Aliás, no livro “O Cão dos Baskerville”, Holmes mal aparece!

  • E comentando como o Kyon é um bom personagem: Ele tem uma construição mais natural. Para mim é extremamente dificil gostar de uma personagem que tenha super atributos e o caramba a quatro. O Kyon é alguém com que eu consigo me identificar. E a vida dele, é como mencionado nos livros ” personagem relativamente normal envolvido em situações fantásticas ”.
    E isso faz com que seja mais fácil gostar dele do que outros personagens.
    PS: Não estou aqui para avaliar o mangá que vocês gostam, mas se desejam realmente fazer comparações, o façam em suas cabeças, pois não mostrar o por que faz com que seu comentário seja vazio. xD

    Onizuka realmente seria um ótimo personagem pra o HdF! Assim como muitos outros mencionados.
    Adorei o post, e espero que muitos como esse continuem. Só um fato (preferencia pessoal): eu não sei se é só eu mesmo, ou todos sentem isso, mas com a revelação de spoilers mais ou menos pesados, tira-se em muito o ‘tesão’ da história.