Checklist – JBC: Janeiro de 2015

green blood janeiro header checklistLançamento, mangás voltando de hiato e finalização no primeiro mês do ano.

Assim como fizemos a alguns dias o checklist da Panini, agora temos o de janeiro da JBC! Depois de muito tempo sem atualização também. Novamente, vamos tentar manter a coluna atualizada todos os meses pois sabemos de como vocês amam os checklists comentados aqui do Chuva de Nanquim.

A JBC começa janeiro com um lançamento: Green Blood. Temos o encerramento de All You Need Is Kill, do titio Takeshi Obata, e os retornos de Lost Canvas Gaiden e das garotas lutadoras de Freezing. Além disso, todos os mangás mensais já de costume da editora. Podemos perceber que em março muitos títulos chegarão ao fim: Sailor Moon, Rurouni Kenshin, Lúcifer e o Martelo, Soul Eater NOT! e After School of the Earth. A JBC preparou um grande catálogo de lançamentos para esse ano, mas com certeza outras surpresas devem aparecer.

demografia tabela jbc janeiroPor essa tabela já dá pra perceber que o negócio da JBC é se dividir entre o público shounen e tentar conquistar algo diferente com seus seinen. Sailor Moon é o único shoujo da editora, que é difícil dizer se investirá em algo mais dessa demografia depois de seu término. O mesmo para Super Onze representando o kodomo (esse talvez mais por falta do que publicar).

É hora de preparar as calculadoras e conferir os 14 volumes da JBC para o primeiro mês de 2015.


Green_Blood_01GREEN BLOOD 1

Autor: Kakisaki Masamuni
Demografia: Seinen (Young Magazine)
Periodicidade: Mensal – Completo no Japão com 5 volumes
Formato: 13,5 x 20,5 cm, 190 páginas
Preço: R$ 14,50

A JBC começa o ano com um ótimo lançamento. Trata-se de Green Blood, um mangá de faroeste – algo até então inédito no Brasil – do mesmo autor de Hideout, lançado por aqui pela Panini. Se esse estilo de mangá não é seu forte, saiba que a arte de Masamune deve ser incentivo suficiente para lhe convencer. É de encher os olhos em cada quadro da obra. Aparentemente, apenas a primeira edição do mangá terá páginas coloridas conforme dito no próprio site da editora.


All_You_Need_is_Kill_02ALL YOU NEED IS KILL 2

Autor: Takeshi Obata, Hiroshi Sakurazaka e Ryousuke Takeuchi
Demografia: Seinen (Young Jump)
Periodicidade: Mensal – Completo no Japão com 2 volumes
Formato: 12 x 18 cm, 210 páginas
Preço: R$ 12,50

O segundo volume – e final – de All You Need Is Kill chega oficialmente em janeiro (apesar de ser possível encontrar ambas as edições já em dezembro nas lojas especializadas). Pra quem não sabe ainda, a obra é uma adaptação da novel que deu origem ao filme No Limite Do Amanhã. Gosto bastante do filme e acho o mangá divertido, mas tenho curiosidade de conhecer o material original, pois sinto que em ambas as adaptações falta “algo”. Quem sabe não chega pela própria JBC? De qualquer forma, o mangá vale muito pelo trabalho do Obata na arte.


Yu_Yu_Hakusho_ESP_04YU YU HAKUSHO 4

Autor: Yoshihiro Togashi
Demografia: Shounen (Shounen Jump)
Periodicidade: Mensal – Concluído no Japão com 19 volumes
Formato: 13,5 x 20,5 cm, 200 páginas
Preço: R$ 14,90

Essas capas de Yu Yu Hakusho são lindas. Se existe um grande ponto positivo nessa nova edição é a nova capa do mangá, na minha opinião. Em compensação, confesso que sinto falta de páginas internas coloridas, ou mesmo com o freetalk do autor. Acho que a JBC ficou devendo nessa. Lembrando que não adianta cobrar páginas coloridas já que elas não existem no original. De qualquer modo, Yu Yu Hakusho é nostalgia pura e continua valendo a leitura. Yusuke é um protagonista sensacional e faz valer cada volume.


Lost_Canvas_Gaiden_11SAINT SEIYA – THE LOST CANVAS GAIDEN 11

Autor: Teshirogi Shiori e Masami Kurumada
Demografia: Shounen (Shounen Champion)
Periodicidade: Mensal – Em andamento no Japão com 12 volumes
Formato: 13,5 x 20,5 cm, 192 páginas
Preço: R$ 12,90

Já falei que sou um grande fã do trabalho da Shiori em Lost Canvas, não é? Mesmo tendo um carinho todo especial por Saint Seiya por causa da minha infância, pra mim os materiais alternativos como LC ou o próprio Episódio G estão muito acima da série original. E os volumes do Gaiden são outro exemplo disso. Cada edição é fechadinha, com uma história realmente boa e que te motiva mais com os cavaleiros sensacionais do universo de Tenma e companhia. O volume 11 chega nesse mês, enquanto no Japão o volume 12 recém foi lançado. Apesar de cada edição cobrir um cavaleiro de ouro, ainda não sabemos em qual ele se fechará.


Sailor_Moon_10SAILOR MOON 10

Autor: Naoko Takeuchi
Demografia: Shoujo (Nakayoshi)
Periodicidade: Mensal – Concluído no Japão com 12 volumes
Formato: 12 x 18 cm, 240 páginas
Preço: R$ 16,50

Sailor Moon chegando na sua reta final faltando apenas mais 3 edições para o final. Em março as aventuras das marinheiras termina, dando lugar para Short Stories e posteriormente Sailor V, ou seja, mais alguns volumes pra satisfazer os fãs. Veremos se a JBC terá interesse em publicar mais algum tipo de material da obra, como artbooks da titia Naoko Takeuchi.


Magi_07MAGI 7

Autor: Shinobu Ohtaka
Demografia: Shounen (Shounen Sunday)
Periodicidade: Mensal – Em andamento no Japão com 24 volumes
Formato: 13,5 x 20,5 cm, 196 páginas
Preço: R$ 12,90

Essas capas de Magi são uma maravilha que nem dá pra descrever. E aqui vou falar um pouquinho da discussão dos leitores quanto aos nomes escolhidos pela JBC no mangá. Muitos possuem duas leituras com seus kanjis: a chinesa e a japonesa. As duas estão corretas e cabe ao tradutor/editor escolher a que cabe melhor. Nos fansubs, todos os nomes usados foram os japoneses. Mas deixa eu lembrar uma coisa para vocês: fansubs não são oficiais! A JBC poderia ter mantido a forma como todos estão acostumados? Poderia. Mas isso não quer dizer que ela esteja errada. Não adianta usar tradução de fansubs, de scanlator ou whatever como base. A JBC pode ter se equivocado na escolha, mas não errou, ok? E no mais: vale a pena aproveitar o mangá independente disso. Ele não vai deixar de ser bom por causa de um nome diferente.


Btooom_12BTOOOM 12

Autor: Inoue Junya
Demografia: Seinen (Comic @ Bunch)
Periodicidade: Mensal – Em andamento no Japão com 16 volumes
Formato: 13,5 x 20,5 cm, 180 páginas
Preço: R$ 12,90

O mangá de Botão acaba de alcançar a marca de 1 ano de publicação pela JBC. Vou confessar que o título não faz meu estilo e até o acho bem fraquinho, mas dá pra perceber que muita gente gosta pelo fato de ser despretensioso, ter uma leitura bem agradável e com muita adrenalina. Para os que ainda querem continuar, não se esqueçam que o título já se encaminha para sua reta final no Japão.


Fairy_Tail_46FAIRY TAIL 46

Autor: Hiro Mashima
Demografia: Shounen (Shounen Magazine)
Periodicidade: Mensal – Em andamento no Japão com 47 volumes
Formato: 13,5 x 20,5 cm, 192 páginas
Preço: R$ 11,90

Fairy Tail é o mangá que encosta no Japão, mas não encosta ao mesmo tempo. Estamos tendo praticamente lançamentos “simultâneos” com os japoneses e nesse quesito a JBC segue de parabéns. No momento o mangá está no arco de Tartarus, o mesmo que receberá uma adaptação animada em abril. E essa capa já merece um prêmio por ter a nossa waifu Juvia.


Rurouni_Kenshin_26RUROUNI KENSHIN 26

Autor: Nobuhiro Watsuki
Demografia: Shounen (Shounen Jump)
Periodicidade: Mensal – Concluído no Japão com 28 volumes
Formato: 13,5 x 20,5 cm, 192 páginas
Preço: R$ 13,90

A segunda publicação de Rurouni Kenshin é mais uma que vai se encaminhando para o seu final. E é um alívio finalmente ter esse mangá publicado de forma “decente” (embora entendamos toda a questão do meio tanko e bla bla bla, e ninguém está desmerecendo isso, não confundam). Estou curioso para ver qual o próximo relançamento da lista. Fullmetal Alchemist? Shaman King? Chobits? Ficamos no aguardo.


Lucifer_e_o_Martelo_08LÚCIFER E O MARTELO 8

Autor: Satoshi Mizukami
Demografia: Seinen (Young King Ours)
Periodicidade: Mensal – Concluído no Japão com 10 volumes
Formato: 13,5 x 20,5 cm, 192 páginas
Preço: R$ 13,90

O Capeta e a Marreta também está muito próximo de chegar ao seu desfecho, com o volume final previsto para março. Gosto muito do mangá e torço para que tenha ido muito bem e que um dia a gente possa ter outras obras aqui. Ele tem toda a pegada que um fã de shounen (mesmo se tratando de um seinen) deveria curtir. Porrada, personagens extremamente cativantes e de quebra uma história muito viciante. É Lúcifer na cabeça!


Freezing_25FREEZING 25

Autor: Lim Dall-Young e Kim Kwang-Hyun
Demografia: Seinen (Comic Valkyrie)
Periodicidade: Mensal – Em andamento no Japão com 26 volumes
Formato: 13,5 x 20,5 cm, 192 páginas
Preço: R$ 12,90

Freezing é mais um dos mangás que volta de hiato. O volume 25 sai agora em janeiro, e veremos se o volume 26 chega na sequência. Jurava que esse mangá não duraria tanto assim, mas a dupla de coreanos está sempre nos surpreendendo. Como sempre existem as perguntas dos fãs, mas ainda não há nenhum sinal de que a editora publicará o spinoff Freezing Zero.


Soul_Eater_NOT_03SOUL EATER NOT! 3

Autor: Atsuhi Ohkubo
Demografia: Shounen (Shounen GanGan)
Periodicidade: Mensal – Concluído no Japão com 5 volumes
Formato: 12 x 18 cm, 190 páginas
Preço: R$ 12,50

Chegamos ao terceiro volume de Soul Eater NOT! e acho que já deu pra perceber nesse tempo que esse mangá nada tem a ver com Soul Eater que não seja o universo em que as histórias se passam. Mesmo assim a série tem um carisma muito forte com as personagens principais. Eu pelo menos me divirto muito com elas. É um K-On! no meio de Soul Eater, mas com poderes e lutas. Já não precisa falar muito mais que isso.


After_School_04AFTER SCHOOL OF THE EARTH 4

Autor: Akihito Yoshitomi
Demografia: Shounen (Champion Red)
Periodicidade: Mensal – Em andamento no Japão com 6 volumes
Formato: 13,5 x 20,5 cm, 192 páginas
Preço: R$ 13,90

Um mangá bem diferente. É a definição que melhor encontramos para After School of the Earth. A série já se encaminha para a sua segunda metade e é mais um que chega ao fim em março ao lado de Lúcifer e o Martelo, Rurouni Kenshin, Sailor Moon e Soul Eater NOT!. Veremos se a JBC irá investir mais nesse tipo de mangá “slice of life com efeitos sobrenaturais”. Se bem que Ageha, um dos próximos mangás dela, parece ter um pouquinho disso.


super onze 27 e 28SUPER ONZE 27 / SUPER ONZE 28

Autor: Yabuno Tenya
Demografia: Kodomo (Corocoro Comic)
Periodicidade: Quinzenal – 34 volumes no Brasil.
Concluído com 10 volumes no Japão.
Formato: 13,5 x 20,5 cm, 78 páginas
Preço: R$ 5,90

Outro mangá que termina em breve é Super Onze. Se a JBC mantiver o esquema de publicação de 2 volumes por mês até o fim, deveremos ter o final da série já em abril. Apesar de bem divertido, tenho minhas dúvidas quanto ao resultado final para a editora e creio que as chances de ter os volumes encadernados não sejam tão altas. Mas isso é puro achismo. Vamos ver se o formato foi bem aceito pelo público.

Dih

Dih

Paulistano, 27 anos, corintiano e fissurado em cultura asiática e pop. Formado em Design Gráfico na FMU. Hoje é editor assistente da Panini Mangás e colecionador compulsivo de quadrinhos em geral.

Related Post

  • rafael

    Achei que Kenshin teria mais uma temporada, quer dizer que a “Irmandade dos seis” é a ultima mesmo???
    Preferi Shishio =p

  • Bárbara Elias

    Que saudade desses cheklists do chunan!! 😀 levarei magi e all you need is kill

  • STX

    se me lembro bem, sailor short stories vai vir primeiro e o V depois, segundo o calendario da jbc

    • Sim, Short Stories está para abril (junto com Steins;Gate) e Codinome Sailor V está para junho. 😀

  • isa

    saudaaaaade dos checklists…. levo yuyu, magi (fase 2), all you need is kill…. mais os volumes de rurouni pra recuperar ;-; ai meu bolso

    • Isa, o que eu fiz com meu Kenshin que estava atrasado: comprei ele pelo site da Loja Jambô.
      Se passar de R$ 100,00 eles dão o frete, o que já ajuda e muito. Além disso, é uma das poucas (senão a única) que vende a preço de capa e ainda permite parcelar em até 5x sem juros.
      Se você tiver condição, fica menos pesado. Uma compra de R$ 300,00 pode ser feita em 5x de R$ 60,00 e você não paga o frete.

  • Green Blood é de janeiro, apesar de já ter comprado em dezembro, e com certeza será um dos melhores mangás do ano. Não é do mesmo autor, mas me lembra o ritmo de Vinland Saga.
    Como também estava disponível na CCXP já li todo o All You Need is Kill e realmente falta alguma coisa nele, só acho feio destacar tanto quem fez a arte, sem os demais não teria saído algo bom.
    Olho para esse relançamento de YuYu Hakusho e não sinto vontade de comprar, já tenho a coleção antiga e ela é muito nostálgica, não sei se as adaptações da dublagem brasileira estão na nova versão, prefiro investir em algo novo e indicar ele para quem não conhece.
    Lost Canvas Gaiden volta e mesmo sendo bom já tá hora de fechar quando falar de todos os dourados, mais que isso será maçante. Falando em Episódio G alguma notícia da Conrad com o 20?
    Sailor Moon está sendo bom de ler quando fechar os arcos, pelo andar do volume 9 vou esperar fechar a série em março para ler, é um mangá que não crio expectativa nenhuma para o próximo volume, deixa o correio entregar a assinatura. Aguardo muito mais o Sailor V que só vem em junho pelo calendário divulgado.
    Magi e Btooom dois mangás que só comprei os primeiros volumes recentemente, prefiro comprar vários de uma vez do que ler mensalmente. Enquanto Magi tem belas capas Btooom está bem feia agora, principalmente o JBC ONE.
    Fairy Tail vai e volta, o hiato é ruim, a história tem seus problemas só que ainda é interessante de ler, dá até para chamar de Bleach da JBC.
    Kenshin pode estar num formato maior e tudo mais, mas invisto meu dinheiro em novos, a coleção anterior está guardada desde o primeiro volume lançado. Que o próximo relançamento não seja Shaman King, o modo como o mangá acaba todo picado é decepcionante. Apostaria mais em Chobits para cumprir a cota de Clamp.
    Não sei onde está o cativante de Lúcifer e o martelo, é muita maluquice para uma história só com um protagonista chato. Lembra muito o ritmo de Bem-vindo a N.H.K.
    Finalmente Freezing volta e nada de spin-off anunciado e acho bem improvável de que falem dele tão cedo, o tipo de mangá que é Freezing não tem se mostrado ser alvo da editora.
    Soul Eater Not! é engraçado, mas ainda bem que é curto, logo acaba e não teremos essas capas chiclete.
    After School of Earth tenho meta como ler só quando acabar a publicação, logo ali, mas slice of life geralmente são divertidos.
    Super Onze tem o formato de publicação mais bizarro e me pergunta quem compra.
    Devo comprar 5 mangás da JBC no mesmo mês, graças aos que estavam em hiato, seriam até mais se não tivesse comprado alguns na CCXP, só que depois que vários acabarem vou diminuir mais ainda porque anunciaram vários títulos e meu interesse em todos é muito baixo.

  • Duas correções: o número de volumes de After School of the Earth está errado. E, segundo o calendário divulgado pela JBC no facebook, Sailor Moon Short Stories chega primeiro (em abril), e Codename: Sailor V chega só em junho.

    No caso do Gaiden, só lembrando que o volume 12 é de Aspros de Gêmeos (esse 11 é de Defteros de Gêmeos), e o 13 é o de Shion de Áries, que deve ser o último, e assim encerraremos o Gaiden esse ano. É bom, mas já deu.

    Quanto a Magi, entendo a questão da tradução do mangá, mas depois de ter visto o anime com a pronuncia dos nomes em japonês, não consigo ler ele com os nomes diferentes.

    Agora que o Rurouni Kenshin tá acabando, apostaria em Inu Yasha ou Shaman King (dessa vez com o novo final) como próximos relançamentos. Acho que FMA só vem depois.

    Ah, só uma pergunta. Vão fazer um pequeno Checklist da Editora Abril, agora que ela entrou definitivamente no ramo de mangás? Só esse mês ela está lançando os mangás: Kingdom Hearts II 8, Kingdom Hearts 358/2 Dias 4, Operação Big Hero 01 e Princesa Kilala 01.

    • Dih

      Obrigado pelos toques, Sagitarius.
      Quanto ao checklist da Abril, não temos nada confirmado, ok? 🙂

  • Luís Cristiano

    Daqui a três meses todos os mangas da JBC que compro concluem. Meu bolso agradece

  • chupinha

    Green Blood tá caro…

  • Ane

    Que nomes estão mudados em Magi? Só fiquei sabendo do império Kou e já me desanimou muito. Custava manter o que estava em fansubs e no próprio anime, que por sinal é oficial? Pra quem não lê pela internet pode não ser tão ruim, mas e quem assistiu o anime, lê o mangá pela internet? Eu mesmo fiquei sem vontade nenhuma de ver nome diferente.
    Fiquei com vontade de comprar SE not só pra saber o final, preguiça de assistir o anime.
    Vou nem me iludir da JBC lançar algum shoujo, melhor até pro meu bolso.

    • Fernanda

      Olha eu compro Magi e simplesmente ignoro os nomes diferentes, mas Império Kou virar Império Huang… E todos os membros do Império Kou estão com nomes mudados pelo visto. Pior q eu não acho isso o pior, oq eu realmente não consegui engolir foi o anime e os fansub colocarem o apelido que o Aladin deu pra Morgiana de “Mor-san” virar GIGI na versão da JBC. E Simdria virou Simbária xD

      • Matheus Viana

        Putz, aqui na minha cidade é fase 2, vamos entrar pro volume 4 agora em fevereiro, eu não vou parar de comprar magi por causa de tradução mas eu até engulo “Simbaria”, mas Gigi,pqp JBC.

  • Micael Okamura

    Só eu acho o Soul Eater NOT chato?

    • Somos 2. Nem comprei.

      • Bismuto

        Três!!!

  • Neolítico

    Lúcifer e o Martelo vai deixar saudades… excelente mangá.

    Tem um comentário acima de alguém que não entendeu a proposta da história. Faz parte. Apesar da cara de ser um mangá shonen, o Capeta e a Marreta é na verdade um mangá seinen que tem graça somente para aqueles que já vivenciaram o que tinham que vivenciar em mangás shonen.

    Para quem quer algo fora de mangás “modinha”, por assim dizer, esse mangá é recomendadíssimo.

    Assim como o Green Blood. Aliás, Dih, o nome do autor é Kakizaki Masasumi, e não Masamune.

    • Dih

      Obrigado pelo toque!

  • Diego

    O Btoom! aqui na minha cidade ta no volume 8 por que será? é assim mesmo?

    • Dih

      É normal. Geralmente isso ocorre pela distribuição por fases.

      • Diego

        Valeu!

  • Rodrigo Rocha

    Próxima republicação: Inuyasha (aposta)
    Igualzinho: “É um K-On! no meio de Soul Eater…”. kkkkkkk.

    • A sequencia diz InuYasha.
      Mas são 56 volumes, e isso da quase 5 anos de publicação, então eles devem estar meio receosos de relançar.
      Seguindo a ordem, viriam com “mais nome” Shaman King com 32 volumes ou Chobits com 8.
      Sei lá, to achando que o próximo é Shaman King mesmo. :/

      • Ainda aposto em Chobits, pela cota de Clamp, não pela demografia. Não me surpreenderia com uma republicação de títulos gigantes como .hack, El Hazard, Onegai Twins, Samurai Girl, Utena ou até Love Junkies.

      • Eu prefiro Chobits (se não vier InuYasha claro).
        Love Junkies até pode ser uma opção, pois é 2003 assim como Shaman King e Chobits. Os outros são pós-2005 e a JBC vem seguindo a ordem de publicação.
        Esse é o motivo pelo qual eu não acredito em FullMetal.

  • Destes, já comprei quase todos que eu coleciono.
    All You Need Is Kill #2 e Green Blood #1 eu já tinha comprado em dezembro, e agora já comprei o Green Blood #2 na loja especializada, junto com YuYu #4 e Sailor Moon #10.
    Me falta ainda nesse checklist o Freezing #25 e o Kenshin #26.
    Já estou me preparando para o estrago de fevereiro, com Zetsuen pelos salgados R$ 14,50. Mas fazer o que né. :/

    Só um detalhe Dih, no checklist da Panini você esqueceu dois mangás: Sword Art Online e Gigantomachia que estão para janeiro.
    Fiz um comentário lá falando sobre eles.

    • Dih

      Sim, depois adiciono por lá. Obrigado pelo toque. 🙂

    • Apenas um pós-comentário: será que Sailor Moon (e Tom Sawyer) vendeu mal a ponto de eles não tentarem outro shoujo após os finais? Não consigo acreditar nisso.
      Podem até tentar usar essa desculpa com os esportes, embora Super Onze, meio-tanko e mais parecendo Turma da Mônica, não possa ser usado para analise de mercado.
      Agora, DÚVIDO que a JBC tenha tido algum tipo de prejuízo com os seus últimos shoujos. E nem adianta o Cassius vir com aquele papo de que são “diferentes”.

      • csj

        o super onze não chega nem a meio tanko, é 1/3 de tanko… 10 edições viraram 34… o formato é horrivel, não da para tirar como padrao mesmo. Conheço muita gente que gostaria de comprar o manga mas que desistiu pelo formato turma da monica

      • Eu fiz isso.
        Lembro quando cheguei na banca e não achei ele nos mangás, ai comentei com o vendedor e ele me falou de um “gibi” de futebol que tinha chegado. Fui ver nos gibis e ele estava junto do Turma da Mônica e do Tio Patinhas.
        Desisti na hora.
        Só que é triste ver a editora pegar um fiasco desses e querer usar como modelo pra dizer que mangá de esporte não vende. Poxa, eles estragam a obra e ainda querem que o pessoal engula?

  • Geovanna

    ‘nossa waifu Juvia’ fez meu dia asuiahusuiashuai <3 essa linda salvando o Gray-sama.

  • Gabriela Bassi

    Que bom poder ver o Checklist por aqui de novo!!! Agora não me perco mais com os lançamentos dos quais nunca ouvi falar 😛
    E olha que Green Blood eu comprei sem saber nada dele (além de que era do mesmo autor de Hideout, que gostei d+) e não me arrependi, ufa XD
    E sobre All You Need is Kill, tbm acho que eles deviam ter lançado a novel junto com o mangá mesmo, que nem fizeram com No Game No Life e pretendem fazer com No. 6…

  • Xandy Mashiro

    Vey… cadê o Love Hina?? descaso fdp da JBC com os fãs e compradores da série >=(

    • Flynn

      Também gostaria muito de saber! Foi concluído e eu não fiquei sabendo?! Porque aqui onde eu moro (interior de MG), parou no 10 há alguns meses e não chegou nenhuma outra edição em lugar nenhum da região.

      • Xandy Mashiro

        que nada cara… a JBC parou no 11º e já vai fazer 3 meses que Love Hina, que na teoria é mensal, não sai ¬¬

      • Mike

        Sou de ITBA interior de MG também, muito tenso quando só tem um local de vende mangás na cidade… na maioria das vezes não chega oque você quer, vem volumes antigos no lugar dos atuais, maior zica ;<

    • Love Hina tem um processo demorado como eles já explicaram, mas chega até a ser desrespeitoso com quem compra. No início vinha certinho mensalmente, agora parece até que a editora colocou de canto. Lembro de ter assinado no Festival do Japão quando já estava no volume 4, deve ter uns dois anos isso já.

    • julia

      Eu sou do RJ e nada de Love Hina 11. Eles falaram que saiu no começo do mês, mas procurei por todo lugar e nada de achar a tal edição 11, acho mt sacanagem floparem um mangá faltando 4 edições pra acabar. Se fizerem isso, completo minhas coleções de mangá e nunca mais compro NADA da JBC, muito descaso com o colecionador fazer uma coisa dessas…

      • Willian Uchôa

        Olá Julia, realmente já saiu, não sei se pode anunciar mas na Loja Comix e na Jambô já estão a venda.

  • João

    Vocês podiam fazer esse checklist todo mês T_T

  • EliabexD

    Alguém sabe se está nos planos da JBC publicarem “A SAKABATOU DE YAHIKO” ???

  • Bismuto

    Está muito longe do ponto positivo do relançamento do Yu Yu Hakusho ser as capas. Pelo contrário, a mudança do fundo das capas para branco, foi o grande ponto negativo do relançamento.

    Desse checklist levo Yu Yu Hakusho, CDZ Lost Canvas Gaiden e Fairy Tail!!