Mangá shoujo Vitamin é anunciado pela Editora JBC

VITAMINÉ shoujo. E na JBC.

Durante o mais recente anúncio da JBC na Henshin Online 29, entre checklist e novos lançamentos, uma surpresa: o one-shot Vitamin (!).

Vitamin foi lançado em novembro de 2001 na revista Bessatsu Friends, ganhando bastante popularidade na época e até hoje, mesmo depois de mais de uma década após seu lançamento, ainda choca e causa discussões acerca de sua história por abordar um tema sério, super atual e na sua forma mais crua: o bullying.

A protagonista e heroína da história é Sawako, uma adolescente que leva uma vida comum e tem as preocupações que toda estudante colegial tem. Até aí tudo bem. Seu maior problema começa quando ela é vista com seu namorado em uma situação comprometedora. No fim das contas, o rapaz sai ileso, o que não acontece com Sawako, que passa a ser constantemente maltratada por seus “colegas” e por pessoas que até então eram suas amigas. Isso afeta não só sua vida escolar, mas também a relação com sua família. Apesar desses tempos difíceis, a garota fará de tudo para dar a volta por cima e descobrir qual é a vitamina que a fará continuar seguindo em frente.

O mangá foi a obra de estreia da premiada mangaká Suenobu Keiko, que posteriormente lançou trabalhos igualmente importantes e podemos ver em Happy Tomorrow, Limit e Life – este último sendo sua obra-prima; temas como bullying, o psicológico das personagens e superação voltam a ser focados nas histórias.

Apesar de deixar claro que preferem não se prender a gêneros, com Vitamin e Wish (outro mangá anunciado pela editora), a JBC deixou os fãs de shoujo mais esperançosos, e por que não dizer, empolgados, já que o gênero que estava quase apagado por aqui parece dar, enfim, um sinal de vida. Yay!

Related Post

  • Marcos Correia

    Shoujo não vende. Lança shoujo. Mas é um shoujo que não é shoujo. Mas anuncia como shoujo.
    Estou começando a achar que a JBC é bipolar.

  • Lucas

    A JBC FINALMENTE me surpreendeu *palmas*
    É com certeza um dos mais marcantes lançamentos de Shoujo no Brasil,nunca esperei que saísse pela jbc, mas olha só como o mundo da voltas né ? Mal posso esperar para ter na minha coleção ^^

  • Mal posso esperar para tê-lo em mãos! Parabéns pela escolha desse excelente título, JBC. Hehe <3

  • Ane

    Nunca ouvi falar :/ Não é bem o que eu queria mas é melhor que nada.

  • Keima Kaname

    Parece ser interessante, então devo comprá-lo. Vitamin possui uma premissa que, aparentemente, pode agradar diversos públicos, então suponho que venderá razoavelmente bem. E espero que isto ocorra, pois assim outros títulos da demografia poderão estrear no Brasil.

  • Eu RECOMENDO FORTEMENTE esse mangá. Tanto pela qualidade quanto pelo tema, bem pertinente a esta geração mais nova que sofre esse problema com bastante intensidade.

    Não dou a mínima se é shoujo, shounen, whatever. Pra mim mangá tem que ser BOM. E isso Vitamin é, DEFINITIVAMENTE!

  • Micael Okamura

    Opa, finalmente algum sinal de luz da boa esperança neste túnel escuro e sombrio do qual os shoujos se encontram.
    E é com um tema que com certeza pode salvar este mercado (pelo menos eu acho).
    Adaptando aquela famosa frase dos astronautas, só tenho a dizer: “Um pequeno passo para a editora, mas um grande passo para os shoujos no Brasil”.
    (P.S É impressão minha ou toda protagonista que sofre bullying se chama Sawako? Esse nome é amaldiçoado?)

    • “Um pequeno passo para a editora, mas um grande passo para os shoujos no Brasil” -> LOOOL, isto é que é criatividade. KKKKKK. Boa @Micael, pode ser que seja isto mesmo, vamos torcer, né?

      Hahaha, boa colocação sobre “Sawako”, também cheguei a pensar em algo assim… parece amaldiçoado mesmo. Por que será? xD

      • Micael Okamura

        Obrigado, sennaffogo

  • supreendeu esse lançamento, mas eu acho que isso pode ser um shoujo.

  • supreendeu esse lançamento, mas eu acho que isso pode ser um shoujo.

  • Vou comprar com toda a certeza! Acertaram nesse. Tudo bem que não é um bem um shoujo, principalmente quando vamos ver a história do mangá em si (demografias não fazem sentido), mas é uma história muito bonita de superação. No mínimo, inspirador.

  • One-Shot? .Meh.

  • julia

    Compra certa, não comprei nenhum mangá lançado esse ano pela jbc e nem pretendia, tirando os spin-offs de Sailor Moon e Wish, mas pretendo levar esse e o outro mangá que foi anunciado

  • Mike

    Volume único não é para tanto, se continuarem no embalo e trouxerem Life ou Limite da mesma autora ai sim!

    • Exactly that! Como eu havia dito mais acima.

  • Péricles

    Não entendi o motivo do Cassius Medauar fazer aquele tipo de cobrança no Twitter. Não é a primeira vez que ele tem uma atitude arrogante e desrespeitosa em relação aos fãs de mangás. Uma pena que uma pessoa como ele esteja a frente de uma editora como JBC.

    • Eu não sei o que rolou no Twitter, mas já não é a primeira vez em pouco tempo (tempo de JBC) que ouço falar da arrogância do Cassius Medauar. Ele era assim na época da Conrad??

      • Péricles

        O que rolou tá aqui => https://twitter.com/cassiusmedauar/status/573524844458983425

        Não acompanhava o que ele dizia na época da Conrad, mas quando anunciaram ele na JBC o pessoal já tinha uma bronca danada. Então, provavelmente sempre foi assim.

      • Micael Okamura

        Num gosto desse Cassius, sempre tenta ser o fodão e ser melhor que outras editoras no quesito de moralidade, eu realmente não gosto das atitudes arrogantes dele.

      • Mike

        Quem gosta dele deve ser fanboy rank 100 da JBC, vira e mexe o cara solta umas asneiras por aew.

      • Well… não vi nada de tão arrogante como pensei que leria. Achei que seria um ‘festival pesado’ neste quesito…xD
        Esperava algo de maior impacto, mas realmente teve a atitude arrogante em questão. Aquela cobrança foi realmente ridícula. Fora o que eu vi de ironia por parte dele em um tweet lá falando da “menina”.
        Vamos cobrar não só da JBC, mas das outras editoras também, o número das vendas dos mangás, para ver o que o Cassius, por exemplo, vai falar a respeito…¬¬

    • cara, pode ser que ela seja grosso, mas o cassius tirou a jbc da merda, né? na época do del greco, ambas qualidade do produto e comunicação com o público eram péssimas. o homem é chato, mas faz seu trabalho.

      • É verdade, mas isso não dá razão para as arrogâncias dele.
        Lembro aquela reunião que teve com editores que ele passou o tempo todo alfinetando as outras editoras.
        Falou da qualidade da Panini, como se o Brite 52 da JBC fosse infinitamente superior. Também criticou a NewPOP pela má revisão, esquecendo que a própria JBC comete erros ridículos em Kenshin e até mesmo no favorito Sailor Moon.
        Concordo que ele colocou a JBC nos eixos, mas ele precisa baixar a bola um pouco. Ele já começou a sair da área dele pra ficar só cutucando outras editoras e até mesmo blogs.

      • Ana

        Realmente ele melhorou muita coisa(Manteve esse padrão fisico bom no relançamentos e em SM e melhorou a comunicação com a editora). Mas olha, que estreou esse padrão na verdade foi ainda o Del graco(É so olhar vol 1 do relançamento de Sakura, o Cassius só assumiu a partir do 2). Mas a tradução deles ainda tem problemas(inconstância nas traduções de SM pelo que parece, e os nomes dos personagens de Magi, Ren Hakuryuu virou Lian Bai-Long entre outros).

  • milenart

    Ok, isso realmente me surpreendeu. Gostei muito d Life(apesar desse mangá ter me deixado muito irritada enquanto lia), então com certeza comprarei esse título!(se chegar aki, claro) Mas…pode ser considerado shoujo shoujo mesmo? Tipo, pela premissa, se for q nem Life deve ter umas coisas coisadas aí. Mas vendo como a jbc antes disse q “shoujo não vende” acho q faz sentido…? Espero q esse venda bastante pra jbc levar um tapa na cara.

    • milenart

      primeiro volume d magi chegou aki essa semana…yay

    • E você acha que não vai vender? Com uma premissa interessante e polêmica como esta, e ainda por cima volume único… eu acho que vai se esgotar rapidinho…

      • Micael Okamura

        Acho que vende, pois o tema que ele traz é bem atual e rotineiro, e com isso é possível conquistar até mesmo quem não é otaku.

      • @Micael, eu estou achando (e torcendo) que vão ter que fazer até reimpressão, de tanto que vai vender…

    • Mike

      Aew Mile, aproveita que a Comix tah com frete free para compras acima de 99R$ até dia 15, comprei uma pancada de coisa lá junto com um amigo. Também moro no interior e sei bem a dificuldade de acompanhar mangas onde só há uma loja e tudo que chega é incerto e atrasado.

      • Sei que não foi para mim, mas valeu a dica pública @Mike. Vou tentar juntar com 2 amigos e pegar algumas coisas mais urgentes. Show mano! o/

  • annacchi

    Li esse mangá por scan há um bom tempo atrás. Nem acredito que vai ser publicado aqui. \(*T▽T*)/

  • Thamy

    Tragam mais e mais shoujosssss!!!!!!(*w*)/ Só espero que não demorem muito para publica-los, gosto de shounen, mas sem outros gêneros fica sem graça e meio repetitivo…Então editoras pensem com muito mais muito carinho no shoujo ^^ valem muito apena!!!!

  • Acho que shoujos não vendem bem porque as editoras sempre trazem aquelas histórias de amor não correspondido e vida escolar,nada contra,eu compro shoujo e vou comprar Aoharaido,mas na verdade existem muitos subgêneros nesse estilo de manga,um exemplo eh Fushigi Yuugi,um manga de 18 volumes que foi totalmente publicado pela Conrad e mais recentemente temos o sucesso de Akatsuki no Yona,desafio quem diz que não curte shoujo à olhar o anime e vir dizer que não se empolgou com o ritmo da história.