Eu Recomendo #18 – Comédias Non-Sense

eu recomendo 18Porque rir do impossível sempre é bom.

Rir é sempre bom. Quem acompanha o Chuva de Nanquim sabe que adoramos coisas relacionadas a comédias e situações engraçadas. Não é a toa que temos aqui o Eu Recomendo de Comédias Escolares, feito há muito tempo. Mas existem tantos outros tipos de comédia, então… por que não comentar delas? Hoje temos um Eu Recomendo daquelas séries totalmente sem sentido, mas que nos fazem gargalhar a cada página virada. São 5 recomendações e 1 bônus de uma web-comic – formato que estamos explorando muito por aqui – que com certeza cairão em seu gosto de alguma forma. A seguir, o Eu Recomendo #18 – Comédias Non-Sense.

sakamotoSAKAMOTO DESU GA?
De Sano Nami
Seinen – Publicado na revista Harta
3 volumes – Em andamento

O estudante do primeiro ano do ensino médio, Sakamoto não é apenas legal, ele é o mais legal! Quase imediatamente após o início da escola, ele começou a atrair a atenção de todos. As meninas passam a amá-lo, e a maioria dos meninos de odiá-lo. Há até mesmo um menino da classe que trabalha como modelo, mas que está constantemente ofuscado por Sakamoto! Não importa o que os outros meninos tentemcontra ele, Sakamoto sempre consegue frustrá-los com facilidade e graça. Embora Sakamoto possa parecer frio e distante, ele ajuda os outros quando precisam, tal como no caso do menino em sua classe que estava sendo constantemente intimidado. Não importa quais as dificuldades que encontra, Sakamoto vive sempre com muita confiança e classe!

Já viram aquela expressão “Bitch, please, I’m fabulous!” que dizem quando alguém é extremamente bom em algo? Bem, essa poderia ser a expressão do Sakamoto durante o mangá inteiro, porque ele é simplesmente… fabulous. Até quando o cara se dá mal, ele se dá bem. Sakamoto Desu Ga foi uma surpresa incrível para os japoneses e para o mundo, mas já faz um sucesso assombroso para uma obra de apenas 3 volumes. Se você quer realmente dar risada nos capítulos rápidos e espertos de Sakamoto, pode ter certeza que não se arrependerá! Esqueça tudo que você já ouviu falar sobre ser “demais”, porque esse personagem redefiniu essa palavra.


yotsubatoYOTSUBATO!
De Kiyohiko Azuma
Shounen – Publicado na revista Comic Dengeki Daioh
12 volumes – Em andamento

Yotsuba é uma garota um pouco estranha, mas com uma grande personalidade! Mesmo nos encontros mais banais e aleatórios de um dia, a curiosidade e o entusiasmo de Yotsuba rapidamente transformam o cotidiano em algo extraordinário! Junte-se as aventuras de Yotsuba e de como ela explora as maravilhas do mundo ao seu redor.

Fofura e diversão são palavras que melhor definem a obra. Yotsubato mostra com muita simplicidade como a infância de muitos foi e como ela deveria ser – sem tablets e celulares, aquele seu priminho de cinco anos que tem esses eletrônicos não pode considerar isso infância – e de maneira bem nonsense, a pequena consegue arrancar risadas de seus leitores, mesmo em partes que deveriam ser mais comoventes. A personalidade de Yotsuba realmente lembra a de uma criança e, acredito que esse seja o ponto mais alto do mangá; a criança que se finge de adulta, que é hiperativa, curiosa, inocente, pura e que cativa a todos. 


saint onii sanSAINT ONII-SAN
De Hikaru Nakamura
Seinen – Publicado na revista Morning Two
11 volumes – Em andamento

Já ouviram falar no gênero “slice of life”? Saint Onii-san seria um divine-life, um conto de Jesus e Buda e como eles tentam experimentar o mundo moderno: neste caso, o Japão. O mangá coloca uma transforma em algo engraçado e sem ser ofensivo a religião, as atitudes, a cultura e os costumes do Japão através dos olhos de Jesus e Buda. Você vê Jesus e Buda experimentando Asakusa, banhos públicos, parques temáticos, e a internet. Ao longo da mangá, temos um pouco da história de sua grandeza divina só para ver suas aparentes insignificâncias na sociedade japonesa moderna.

Quando você acha que já viu de tudo, uma mangaká cria uma história sobre Jesus e Buda dividindo um apê juntos. Ah, Japão. Ah. É estranho pensar como a autora de Arakawa Under the Bridge teve essa brilhante (e bizarra) ideia e ainda deixou a obra tão famosa e engraçada. Como seria se ambos fossem juntos a uma casa de banho? E se um deles tivesse um blog e postasse diariamente? Jesus seria comparado com o Johnny Depp por causa de sua aparência? São situações do cotidiano sendo vividas por essas duas figuras que tornam o mangá tão cômico e se tornam uma ótima recomendação.


shirokumaSHIROKUMA CAFE
De Higa Aloha
Josei – Publicado na revista Flowers
5 volumes – Em andamento

Shirokuma Café gira em torno da vida quotidiana de um grupo de animais que se misturam com os seres humanos em um café administrado por um urso polar chamado Shirokuma-kun. Seus amigos animais incluem o Panda-kun, um urso panda preguiçoso, mas bem-intencionado; Pinguim-san, um pinguim de língua afiada; e Grizzly-san, um urso pardo com uma personalidade selvagem.

Um urso polar fofo. Ok. Um panda fofo. Ok. Um pinguim fofo. Ok. Um monte de animais fofos. Ok. Agora pense em um… urso polar comandando uma cafeteria! Não tem como isso dar errado. Definitivamente não tem como não pensar em outra palavra para Shirokuma que não seja: genial. Shirokuma Cafe consegue ser tão non-sense, mas tão non-sense, que é impossível de não gostar! Além dos personagens, todas as situações e os diálogos que o mangá apresenta são ótimos e impossíveis de segurar a risada. Mangá mais do que recomendado – e de quebra o anime também.


seki kunTONARI NO SEKI-KUN
De Morishige Takuma
Seinen – Publicado na revista Comic Flapper
6 volumes – Em andamento

O menino que se senta ao lado de Yokoi em sala de aula, Seki-kun, sempre tem algo em sua mesa. Ele consegue fazer jogos de algumas formas muito elaboradas sem atrair a atenção do professor. Dos dominós, para shogi, para o Go, para modelos mecha, para brincar com gatos e… ele sempre tem algo novo para fazer. Yokoi muitas vezes encontra-se relutantemente interessada em seus jogos, mesmo que eles pareçam sempre deixando ela em apuros!

A primeira vez que tive contato com Tonari no Seki-kun foi em seu anime com episódios de cerca de 5 minutos. Aquilo já era especialmente engraçado. Mas ao ver o mangá você consegue achar ainda mais engraçado! O formato de tirinhas e o traço bem “simples” do autor acabam se tornando extremamente agradáveis durante a leitura e as risadas surgem naturalmente com cada ideia que o Seki-kun consegue elaborar no meio das aulas. E também é muito bom o modo como a Yokoi vai cada vez mais se tornando “viciada” nas atitudes do amigo. Ótimo mangá. E assim como Shirokuma, assistam o anime também.


19 days19 DAYS
De Old Shian
Publicado em Web Comic
102 capítulos – Em andamento

As aventuras bonitinhas e engraçadas de um garoto e seu melhor amigo.

Essa web comic foi o que me motivou a finalmente escrever esse Eu Recomendo. Comecei a ler por causa de sua sinopse “enganosa”, que não falava nada sobre ser um tanto… Shounen-ai. Nas primeiras páginas estranhei, pois, além de não ter falas, os garotos se beijavam logo de cara. Não, não drope antes de ler. Apesar de parecer buscar um público mais “maduro”, o manhwa foca mesmo é na maravilhosa comédia entre esses dois amigos (shipáveis) e seu cotidiano colegial. A obra não revela os nomes dos personagens, porém não há como não ficar entretido com o que faz um papel mais “desleixado” e imaturo e com o que é mais sério e que sempre arca com as ações do outro. Os capítulos são bem curtinhos, menos de dez páginas cada, e posso dizer que li mais de 100 deles em menos de um hora (percebam como é curto!). Não recomendo apenas para fujoshis, ou mulheres, or whatever. Recomendo para aqueles que tem a mente mais aberta e buscam desfrutar seu tempo com ótimas risadas. (Só não digo que é para “todas as idades”, pois há umas cenas meio… “Wow!”.)

Miyuki

Tão normal, nem parece otaku. A louca das webcomics. Segue o mantra de ler e assistir de tudo um pouco (menos o que for terror, por favor). Tem um vício novo a cada mês e surta horrores na conta pessoal no Twitter.

Related Post

  • Micael Okamura

    “Yotsubato mostra com muita simplicidade como a infância de muitos foi e como ela deveria ser – sem tablets e celulares, aquele seu priminho de cinco anos que tem esses eletrônicos não pode considerar isso infância ”
    Esta frase… É DE SE GANHAR RESPEITO! Tiro meu chapéu pro/pra MIYUKI (não sei se é ele ou ela) pois finalmente alguém que tem a mesma opinião! Tudo bem brincar com alguns eletrônicos, mas a=às vezes é necessário sair da frente do computador ou do tablet e ir brincar com outras coisas, andar de bicicleta no quintal ou subir em árvores, por exemplo. NÃO DEIXEMOS AS CRIANÇAS VIRAREM MINI-ADULTOS!
    Enfim, voltando para o post, gosto bastante de Yotsubato, e tem outro de comédia nonsense que recomendo (não sei bem se é comédia nonsense) que é o Gekkan Shoujo Nozaki-kun e o Nichijou.

    • JMB

      Nichijou com certeza é bem non-sense!

      • “Yotsubato mostra com muita simplicidade como a infância de muitos foi e como ela deveria ser – sem tablets e celulares, aquele seu priminho de cinco anos que tem esses eletrônicos não pode considerar isso infância ”
        Esta frase… É DE SE GANHAR RESPEITO! (2)
        @Micael, FATO! Concordo contigo também. E, eu sinceramente acho que não tem mais volta, as crianças de hoje estão ‘avançadas’ demais, se é que me entende… E na verdade, acho que é a própria sociedade a única e total culpada por isto. As ações que os adultos tomam por aí, por mais minimizadas que possam ser, têm um grande reflexo no que estamos vendo hoje em dia. Não adianta tentarem se explicar, porque a falta de cuidado na ‘inocente’ atitude de alguns e na ingenuidade de outros, mostra seu resultado neste crescimento/”crescimento” precoce que estamos vivenciando.

  • ondeu eu posso achar o ultimo ???

    • Gabriela Bassi

      No Manga Fox tem em inglês até uma certa parte (por volta de 30-40 páginas se me lembro bem). Mas se quiser ele “completo” e sempre atualizado, tem um Tumblr de nome yaoi-blcd.tumblr.com que o traduz em inglês, e não só esse como também traduz outros webcomics do mesmo autor.

      Espero ter ajudado! o/

  • Anne

    Colocarei Sakamoto Desu Ga? e Shirokuma Café na minha lista de leitura. Iria colocar 19 Days, mas meu interesse foi tanto que comecei a ler hoje mesmo, muito por causa do comentário do autor(a) do post. E é claro que também recomendo!

  • ZA NAOYA

    Nichijou é uns dos melhores non-sense por aí.Sério,é uns dos meus animes favoritos por ser simplesmente hilário!

  • Heitor, o atrasado

    Eu lembrei de outro bem antigo mas que eu não gosto tanto: Urusei Yatsura da Rumiko Takahashi. Sério, é muito nonsense…

    • Este é tão non-sense que é chaaaaato, chaaaaato… Nossa! 17 episódios do anime de Urusei e eu não consegui mais ir em frente… eu tentei, juro que tentei chegar a pelo menos assistir 10% do anime todo, mas nem isto eu consegui fazer de tão chato que o anime é…
      O principal problema?? A protagonista é muuuuuito chata e irritante, talvez tanto ou mais do que a Asuka de EVA. O problema para Lum nesta comparação é que Asuka não tem tanto destaque quanto a Lum em se tratando de quantidade de tempo aparecendo na história, pois Asuka aparece bem menos tempo na tela do que a outra chata… então, Asuka, é até suportável.

      • Ali

        Quem não gosta da Lum não pode ser boa pessoa.

      • Heitor, o atrasado

        @sennaffogo É espantoso como o nosso gosto é parecido. Se eu disser que temos um episódio bom a cada 20 em Urusei Yatsura será o maior eufemismo que já saiu da minha boca. O Ataru é uma versão cômica do Itou Makoto, o romance de Urusei Yatsura é muito sem sal e as piadas são 45% trocadilhos em japonês, 25% boas referências a animes da época em que Urusei Yatsura era serializado e 30% piadas infantis. Fez sucesso na época por causa das referências que eram próprias para a época e funcionavam para a época. O que me segurou até o episódio 195 foram os ótimos personagens e depois de um tempo você aprende que Urusei Yatsura tem identidade própria e personagens com atitudes próprias que caracterizam bem a série. É uma boa pedida se você prefere algo beeeeem descompromissado, tanto em roteiro quanto em argumentos. Eu comentei sobre ele, mesmo não gostando, porque vai que alguém se interessa e gosta?

      • Heitor, o atrasado

        @Ali, a Lum é chata, sim, mas não tanto… eu realmente não sei dizer até onde personagem x é chato ou não, porque todos os personagens que todo mundo acha chatos eu não acho. Os únicos que eu odiei até hoje foram aquele moleque com o Poder da Imaginação de Bleach, e o Gedouin de Blue Exorcist.

      • “Quem não gosta da Lum não pode ser boa pessoa.” -> COMASSIM??? O_O… Comofas?? LOOOL véio…

        @Heitor, o Ataru poderia salvar a história, mas o protagonismo da Lum excedeu o gosto que eu poderia ter pela história como um todo. A Lum é muito muito muito chata!!! E o Ataru, coitado… eu tinha dó dele. Nossa… sério mano, eu não consegui me segurar assistindo um anime tão grande como uma personagem chata assim.

        “Eu comentei sobre ele, mesmo não gostando, porque vai que alguém se interessa e gosta?” -> Sim sim, claro. Fizeste seu papel já. xD
        Isto é legal. É mais ou menos como a análise que fiz de Bleach, um anime que eu até posso dizer que gostei, mas que tecnicamente é ruim…

        E falando em Bleach, “aquele moleque com o Poder da Imaginação de Bleach” -> quem é o dito cujo?? O_o Não lembro do moleque em questão… (em que episódio ele aparece? *lembrando que eu vi só o anime*)

      • Heitor, o atrasado

        @sennaffogo, Mals pelo atraso, mas respondendo você é um moleque com um poder bem meh que aparece no mangá volume 64. Desculpe pelo spoiler.

      • Huummm, entendi. Ok então @Heitor. Falows!

      • Heitor, o atrasado

        @sennaffogo, Opa, atrasado de novo, falows!

  • Elias M.

    Onde posso achar estes mangas em pt br? Alguém pode me ajuda ai?

  • tiago

    Se você estiver aprendendo japonês, Yotsubato é para você mesmo

  • Hebert

    Faltou Puni puni poemi e Bobobo-bobo-bobobo

  • gabriel tiberius

    Nossa, até agora a comédia mais non-sense que vi foi Lucky Star, excelente!

  • Ali

    Senti falta de Excel Saga, Pani Poni, Sora no Otoshimono, Gou-dere Shoujo Nagihara Sora, Kunoichi Joshikousei Otomashi-san, Yandere Kanojo, etc.

    • Dih

      O post são recomendações de alguns títulos. Se colocarmos todos os títulos dos gêneros nem caberia tudo por aqui. Por isso é válido falar e recomendar aqui nos comentários.

  • Likou

    Também recomendo 2×2 Shinobuden, Seto no Hanayome, Level E, Thermae Romae, e, claro, o rei, Gintama.

  • Já ouvi falar de todos os recomendados, exceto o web manhwa. E exatamente sobre ele, achei intrigante a observação no fim do post: “(Só não digo que é para “todas as idades”, pois há umas cenas meio… “Wow!”.)” -> haha, entendedores entenderão! xD

  • Franciele

    Adorei o tema deste recomendo! Com certeza lerei Sakamoto desu ga? em breve (:

    E 19 Days comecei a ler agora mesmo, adorei ^^

  • Wendfer

    Sayonara zetsubou sensei e yukitate japan são non-sense, e tem também aquele mangá recentemente lançado pela jbc ageha que é beem non-sense!!

  • keichan123

    Só uma pergunta……CADÊ AZUMANGÁ DAIOH?? ( Osaka-san chorou duas lágrimas por isso!)

    • O Eu Recomendo são algumas opções de leitura que passamos – a maioria de gosto pessoal – então, claro, sempre algo ficará “faltando”. Se fosse para ter tudo não seríamos o Chuva de Nanquim, seríamos o Wikipédia. XD

      • “(Osaka-san chorou duas lágrimas por isso!)” -> huahuahuhuahuahua

        @Miyuki, acho que foi uma piada dele, mas de qualquer maneira, gostei da sua frase: “Se fosse para ter tudo não seríamos o Chuva de Nanquim, seríamos o Wikipédia. XD ” kkkkkkkk, muito boa.

  • Gabriela Bassi

    De todos aí, os únicos que vi realmente foram Saint Onii-san e 19 Days, e recomendo ambos. Saint é muito engraçado, e tem piadas que mesmo vc não conhecendo muito da religião deles, consegue entender e rir da mesma forma. Na minha opinião a melhor “cena” é a do Natal no filme XD).

    Já 19 Days (que se lembro bem, até já comentei sobre ele num outro post aqui sobre webcomics, eu acho) descobri por recomendação e leio regularmente até hoje. Tem cenas muito engraçadas mas também tem alguns outros momentos um pouco mais “sóbrios”… e só agora me toquei que realmente não mostra o nome deles!! como pode? kkkkk

  • Pingback: Review – 19 Days, de Old Xian | ChuNan! - Chuva de Nanquim()

  • junior

    miyuki, você leu yotsubato! ate qual capitulo?

  • Pingback: Eu Recomendo – Yotsubato! | Notas Secretas()

  • Pingback: Mangá de Arakawa Under The Bridge chega ao fim no Japão | ChuNan! - Chuva de Nanquim()

  • Eu recomendo Kill me Baby, Cromarrtie High School e Plastic Nee-san, o níve e non0sense desses é épico, em Cromartie por exemplo, tem um episódio onde os caras não lembram de uma música e passam a maior parte do tempo tentando cantarolar fazendo “hum hum hum huuumm,,,” xDD

    • Que milagre!!! O_O
      Um 3º espectador na face desta terra que gosta de Kill Me Baby… xD