NewPop divulga capas de Red Garden e Made in Heaven

Depois de mais de um ano de anúncio, eis mais um anúncio.

A editora NewPop ressurgiu das cinzas. Pelo menos é o que achamos. A editora postou no Facebook um comentário dizendo que durante essa semana estará fazendo uma sequência de anúncios para a semana e bla, bla, bla. Quem acompanha a editora desde tempos de Orkut, sabe que não é a primeira vez que a editora faz algo do tipo. O engraçado é que novamente usam a mesma estratégia. Será que dessa vez algo muda? Veremos. Já existem tantos títulos no calendário da editora que eu já nem sei direito o que deve sair (brincadeira, ainda tempos Gate 7 do CLAMP, Figure Maker, Kimba e Drug-On!).

De qualquer maneira, foram divulgadas as capas dos primeiros volumes de Red Garden e de Made in Heaven, aparentemente os primeiros lançamentos da editora para esse primeiro semestre.

Red Garden é um mangá seinen lançado no ano de 2006 com 4 volumes e parte de um projeto do estúdio Gonzo, que fez a versão animada pouco depois do título ser lançado na revista Comic Birz (a mesma de Hetalia e de vários outros títulos lançados pela NewPop). A história é original do estúdio e desenhada por Kirihito Ayamura. A história conta a vida de garotas que acordam sem lembrar de nada que aconteceu em suas vidas antes de acordarem, mas sabem que por algum motivo estiveram juntas. Tudo muda no momento que uma estranha mulher aparece para elas e diz sua missão: matar. Isso mesmo, Red Garden é um verdadeiro banho de sangue regado a grandes cargas emocionais e muito suspense. Super recomendo o título – e esperamos que a NewPop não vacile em sua periodicidade.

Já Made in Heaven é um mangá shoujo publicado na revista Asuka (uma das maiores revistas do gênero no Japão) no ano de 2003 e possui 2 volumes encadernados. A história é de autoria de Ami Sakurai ao lado de Yukari Yashiki, que também é responsável pela arte. A obra é dos mesmos autores de outro mangá lançado pela NewPop – Amar e ser amado. O enredo gira em torno de Kazemichi, um rapaz que sofre um acidente e que mesmo sobrevivente corre um risco de vida – seu coração é fraco e pode falhar a qualquer momento. Seu único conforto é Juri, uma garota pela qual ele se apaixona e a qual ele necessita ao seu lado para sua felicidade. Será que teremos um final feliz do casal? Para quem gosta de romances dolorosos, o mangá é um prato cheio.

Assim que a editora trouxer novos anúncios (como a história em quadrinho “I Kill Giants”, divulgada em fevereiro), postaremos para vocês aqui, como sempre. A mesma disse que durante a semana trará diversos lançamentos, entre eles histórias de “zumbis, games, guerreiras mágicas, clássicos, romances, quadrinhos nacionais, light novels e com histórias surpreendentes e a qualidade que você já conhece” como dito nas próprias palavras da NewPop. Eles só esqueceram de falar dos atrasos convencionais, da distribuição pelo Brasil e da falta de atenção da editora com o público.

De qualquer maneira, troco qualquer anúncio pela melhoria em todos esses pontos fracos da NewPop (que chegou até a lançar K-On! 2 de tamanhos – no quesito dimensões, não páginas – diferentes do volume 1). Acho que seria muito melhor parar um pouco de suspense e começar a se preocupar, afinal o nome da mesma não é lá dos mais lembrados pelo povo, principalmente depois dos títulos de JBC e Panini. Qual será o futuro da editora? Só o tempo dirá. Eu não sou um dos que bota muita fé nisso apesar de saber de todo o potencial da mesma. Boa sorte a todos os envolvidos.

por Dih

Dih

Dih

Paulistano, 28 anos, corintiano e fissurado em cultura asiática e pop. Formado em Design Gráfico na FMU. Atualmente é editor na Panini/Planet Mangá e cuida de títulos como One-Punch Man, MOB Psycho e Jojo's Bizarre Adventure.

Related Post