O fenômeno e o sucesso de Kuroko no Basket

De “quase cancelado” à “um dos mais vendidos” da Shounen Jump.

Se hoje existe um título que faz um sucesso que ninguém esperava, esse não é One Piece. Nem Naruto. E muito menos Bleach. Estamos falando de Kuroko no Basket, aquela série que chegou como quem não queria nada e abocanhou a preferência do público com seu anime lançado nesse ano de 2012. E o sucesso não se restringe nessa mídia. Kuroko cresceu em uma velocidade incrivelmente absurda, passando de “grupo dos rebaixados” da Jump para eventuais Top 5 de preferência de público. Além de ter conseguido um aumento consideravelmente incrível em seus mangás – fazendo todos os volumes beirarem a média de 500 mil exemplares vendidos. Isso sem falar no anime, que conseguiu se tornar o título mais vendido em BDs e DVDs no Japão nos últimos tempos, desbancando favoritos como Hyouka.

Pensando em tal sucesso, a Shueisha já anunciou que o próximo volume do mangá – o 19 – terá uma tiragem de 600 mil cópias, algo que poucos títulos atualmente conseguem alcançar dentro da própria Shueisha. Kuroko praticamente já passou Toriko e deixou para trás outros como Reborn e Beelzebub, que eram tidos como as grandes promessas da casa. O mangá é publicado desde dezembro de 2008 e é de autoria de Tadatoshi Fujimaki, sendo adaptado para animação em abril de 2012 pelo Production I.G.

Provavelmente desde Eyeshield 21 e Prince of Tennis que a Jump não conseguia  “engatilhar” um título de esporte tão bem assim. E Kuroko se destaca justamente por ser aquilo que se propõe: divertido. É besteira e insensatez tentar comparar o título com Slam Dunk, por exemplo, justamente porque ambos se diferenciam e muito em sua execução. Kuroko consegue ser uma leitura extremamente leve e descompromissada, e seu anime extremamente competente serviu para animar ainda mais o público que não acompanhava a dinâmica da história.

Claro, o título conta com aquela “forcinha” da equipe fujoshi, que adora os diversos personagens masculinos da série – mas isso em nenhum momento tira os méritos do mangá de Fujimaki. Kuroko está aí, pronto para continuar em um sucesso ascendente. E quem sabe, fazer com que as editoras brasileiras pensem com carinho para trazer o mangá para nosso território (lembrando que o mesmo não é publicado ainda nem nos Estados Unidos).

Dih

Dih

Paulistano, 27 anos, corintiano e fissurado em cultura asiática e pop. Formado em Design Gráfico na FMU. Hoje é editor assistente da Panini Mangás e colecionador compulsivo de quadrinhos em geral.

Related Post

  • Acho uma coisa totalmente inválida e até desrespeitosa comprarar Kuroko a Slam Dunk.

    A única semelhança entre os dois é o fato de ambos serem mangás de basquete, mais nada. Enquanto Slam Dunk é um mangá mais real, mais “humano”, com um bom traço e toda a coisa que já conhecemos, Kuroko é o Shonen de esporte habitual, com algumas técnicas que excedem o limite humano e até mesmo personagens com cor de cabelo diferente.

    Afinal, se deu certo em Eyeshield, por que não tentar denovo?

    Quanto ao assunto das fujoshis, não se pode viver tranquilo em um mundo onde dois personagens no mesmo quadro = shipping imediato.

    Na minha opinião, Kuroko é um mangá muito divertido de se ler. Uma leitura fluída e divertida, cheia dos mesmos clichês que vemos em mangás de esporte, afinal essa é a fórmula do sucesso hoje em dia.

    Kuroko merece o respeito que finalmente está tendo.

    • Luanbastian

      Nem, no kuroko é bem humano e realista. Já presenciei tudo aquilo na minha vida fora dos animes. Tá confundindo com area no kishi (mais ou menos isso)

      • Bem realista a habilidade do pessoal, tipo, existem mesmo tantos jogadores que nunca erram 1 cesta, ou jogam basquete de rua sem perder a bola :’D

      • o basquete de Kuroko no Basket é bem realista só q os caras são muito fodas pq eles só tem 15 anos eles dão com para com “The Black Mamba”(Kobe Bryant) e Lebron James no estilo de jogo

      • RIckandrade

        É mesmo? Me fale quantos jogadores passam o jogo fazendo cesta de 3 pontos antes do meio da quadra.

      • Akai Kan

        É mesmo? Me fale quantos jogadores passam o jogo fazendo cesta de 3 pontos antes do OUTRO LADO DA QUADRA… pois é, quem leu o mangá sabe do que o Midorimacchi é capaz…

      • jp

        Ou quem dá giros e lança a bola retinha pro outro lado da quadra??

      • Luk

        Kuroko é tão real quanto Dragon Ball Z.

      • Pedro

        De realista Kuroko não tem nada, me desculpem, sou fã de basquete e AMO o mangá/anime. Mas não é nem um pouco realista, o único que chega “próximo” a realidade ali é o Kagami, do resto, é impossível, algumas coisas ali são reais sim, como alguns dribles do Aomine, REPITO ALGUNS, mas que seriam proibidos em qualquer partida oficial…

    • Chimæra

      desculpa, mas não shippar yaoi de um anime que faz tanto fancervise é pedir de mais.

      • Fanservice em Kuroko? Onde?

        Eu concordo que tem muitos bishounen’s suados =x juntos e isso (por si) já atiça as fujoshi’s, mas não tem fanservice não =/

      • luanbastian

        Vc nao viu o epi novo q aparece o kagami pelado! Tem mais fan service q Kuroshitsuji e eu amo os dois

      • Kagami pelado? Não, não me lembro… mas fanservice pra fujoshi seria algo como o Kagami pelado tropeçar e cair em cima do Kuroko…

        Kagami pelado é fanservice pra fangirl, não fujoshi.

      • Ryou

        Da uma olhada nos quadros do final é fala que não é fancervice ;p

  • adoro kuroko no basquet *–* é realmente um anime bem descontraído e que sempre me motiva

  • Acho que o que pesa aqui é que ninguém gosta de mangá de esportes – ou parecem não gostar. Não vejo fandoms ativos e boca-a-boca espalhando obras como Kuroko. E olha que aqui no Brasil amamos futebol… mas nunca um mangá de futebol foi cogitado pra cá com força, nem entre o fandom.

    Eu mesma sou uma que não tenho muita paciência pra mangá de esportes, apesar de amar acompanhar os esportes em si. Tomei coragem de ler apenas um do gênero, Crimson Hero, um shoujo sobre vôlei. Mas só tinha os capítulos em inglês, era muito texto pra ler e estava desatualizado/atrasado… acabei abandonando por preguiça, deu até saudade agora :/

    • Não é bem verdade viu, já vi bastante gente descobrindo KuroBasu por recomendação…

      • Tenho dois amigos que começaram a ver porque eu recomendei, até entao nao conhecia ninguem que assistia

    • Eduardo.W

      Eu aprendi a gostar de manga de esporte com HQ! e Hajime no Ippo, achei ótimos e praticamente não tenho mais preconceito com esse tipo de manga.
      Na verdade se viesse um manga de futebol eu não compraria.

  • Danillo

    É yaoi?

    • Vitor

      Não.

    • Eita… o povo vê a palavra fujoshi e o mundo vira yaoi huahuahuahuaha

  • hajimee

    Ótimo mangá que eu, assim como muitos outros, comecei a acompanhar depois de assistir os primeiros episódios do anime.O anime tá sendo extremamente fiel à história original, pelo menos até agora, e espero que receba uma segunda temporada ano que vem, porque é nessa parte que vai ficar muito bom mesmo.

  • Acho que muitas pessoas, assim como eu, se decepcionaram com o rumo que o anime tomou. Esperava uma temática mais realista, sem essas jogadas fantasiosas. Sem falar no foco absurdo em pessoas específicas dos times, o que deixa o resto da equipe apagada.

    Por mim, não valeria comprar nem a primeira edição, que só serve pra criar falsas expectativas.

    • Mas é exatamente esse o diferencial de Kuroko: As técnicas fantasiosas. Sucessos como Slam Dunk, e o mais atual Ahiru no Sora, são mangás realistas de basquete. Se Kuroko fosse mais realista, ele seria só mais um .
      Quanto aos personagens, eles vão sendo desenvolvidos. Alguns mais que os outros, mas existe sim um desenvolvimento conforme o mangá vai avançando.

    • Kamal

      Também tenho essa impressão. Assisto o anime e estava achando sensacional até que apareceu o Midorima com suas cestas de qualquer lugar da quadra, aí sim começou a ficar muito fantasia. Acho o anime muito divertido e entendo que talvez uma coisa mais séria no estilo de Slam Dunk hoje não faria sucesso, acho até que é essa comparação é que prejudica Kuroko. Mas otaku em geral não gosta de esporte, então se não tiver fantasia não vende XDD

    • Eu não entendo o porquê das pessoas aceitarem fantasia em alguns gêneros e em outros não.
      É um mangá, não é algo bidimensional.
      Os personagens de mangá podem voar, dominar a energia dos elementos, nascem com cabelos rosa/roxo/verde/etc, salvam o mundo a cada novo arco… pow… o que é que tem de tão anormal um cara fazer uma cesta de 3 pontos do outro lado da quadra, ou um cara fazer uma cesta depois de ter ultrapassado a linha de fundo? ^_^’

      E viva a fantasia xD

  • Kuroko é phoda, Deve ser o primeiro anime de esporte que me deu vontade de ver e continuar acompanhando. Dá até vontade de jogar basquete XD Até agora os episodios que mais curti foram o jogo contra a escola do Aomine. Pior que nem dá pra odiar aquele arrogante, ele joga muito.
    Ajuda das fujoshis? Nem sei porque, o anime nao passou nem um tipo de insinuação cof…cof. 90% das pessoas que devem assistir o anime tão vendo por outros motivos e 10% pela estoria kkkkk
    Eu nao leio mas dei uma olhada no manga de Kuroko, o que sao aqueles primeiros volumes? kkkkk Eu desenho melhor que aquilo kkkk Até que depois o traço melhora bem pelo que vi mais a frente.
    Kuroko é um otimo anime, pode nao ser muito realista só que tambem nao é aquela coisa de efeitos especiais com a bola.

    • Oi? Alguem pode me explicar que negócio é esse de fushojis? Eu sei que é um povo que tipo vê malícia nas cenas e muitas vezes põe isso como “prioridade” do mangá,mas porque odiar o fandon? eles não estão ajudando a popularizar o anime?

      • Hugo, fujoshi é um termo que significa algo como “garota estragada” e é usado para identificar garotas que curtem yaoi.

        E o que acontece, é que de tanto ler yaoi, a mente delas acaba ficando aguçada, então tudo que vêem vira yaoi. Basicamente tudo que cai na mão dessa classe vira DJ (doujinshi).
        Ex.: Mangás em que:
        Os caras são irmãos = DJ Yaoi
        Os caras são inimigos = DJ Yaoi
        Os caras são amigos = DJ Yaoi
        Os caras nem se conhecem = DJ Yaoi
        Os caras se olham = DJ Yaoi

        Eu só vi um DJ de Kuroko em português (Kuroko x Aomine) e em inglês tb não tem muitos ainda, não sei pq…
        Ah… mas Kise x Kuroko *¬*

      • Alana

        Ah… mas Kise x Kuroko *¬* ²

      • Resumindo o que a Cintia disse basta ser apenas dois homens que os detalhes nao importam, elas shippam tudo. Em momento nenhum digo que odeio elas mas é claro que tem muita gente que nao gosta que elas façam isso com seus personagem preferidos

      • Sombra-san,

        Ninguém gosta de ver o Sasuke pegando o Naruto, mas todos adoram ver o Naruto pegando a Hinata…
        Esse mimimi de ‘odeio esse povinho que fica shippando meu anime favorito’ é besteira, pq depois encher o saco das blfangirls, vão na seca atrás de hentai shippado xD

  • Eu gostei muito do anime mais quando soube do fandom yaoi das fujoshis fiquei com zangado e com raiva, CARAMBA FUJOSHIS! Não conseguem ficar sem shippar um mangá uma ÚNICA vez?

    • Agradeça a eles a possível segunda temporada do anime, já que mangá sozinho não garante isso. A parte deles eles já fizeram.. compraram.. coisa que não tem grana pra comprar

      • coisa que não TENHO grana pra comprar os DVDs e BDs que custam o olho da cara

      • Eu sei, só que eu odeio fandom de Kuroko no Basket assim como odeio o fandom de Hetalia.

      • Claro, mas é triste ver que um anime da JUMP teve sucesso graças as fujoshis… Já não basta Reborn, né?

        Mas btw, é JUMP, tem que esperar pra ver se eles vão querer fazer a S2 ou não.

      • O anime é muito bom, mesmo que elas estejam shippando a maior parte dos personagens não acho que elas continuariam assistindo apenas por isso se não gostassem do anime também

      • Eduardo.W

        “Claro, mas é triste ver que um anime da JUMP teve sucesso graças as fujoshis… Já não basta Reborn, né?”

        Como assim Reborn?

      • Cíntia Miguel

        Eduardo,
        Os doujinshi’s yaoi de KHR fazem muito sucesso…
        Até mesmo aqui no Brasil, a tradução dele é muito procurada em fansubs e scans.

        Mas eu entendo as fujoshis, Hibari x Yamamoto é tão legal =3

    • Desculpa, mas DJ não é privilégio de yaoi…
      Aliás, quem nunca viu um hentai do Seya com a Saori?
      Ou ainda, que cara nunca viu um yuri da Sakura com a Hinata (e de quebra a Ino junto huahauhuahua)…

      Cara se for ficar com raiva por isso melhor não assistir mais animes… Naruto, Gintama, KHR, One Peice, Death Note, Ao no Exorcist, Drrr!!, D. Gray Man, Code Geass, Natsume Yuujinchou, Kuroshitsuji são alguns dos títulos mais badalados para Dj…
      Se ficar com raiva por coisa assim, vai viver nervoso xD

    • Chimæra

      fala isso mas já deve ter consumido hentai de animes não hentai e agora quer vir reclamar de quem shippa yaoi…. por favor paremos com essa hipocrisia e machismo e homofóbico, isso é ridículo…

    • Eita, cara pq esse ódio? Deixa disso, você num perde e nem ganha nada com isso, fica tranquilo. Do mesmo jeito que você shipa HxM elas shippam.

  • Eu AMO kuroko no basket, é simplesmente um dos melhores mangas que já li! seria muito bom a editora Panini trazer esse mangá maravilhoso para o Brasil 🙂

  • RAEL

    As editoras brasileiras tem medo de publicar mangás de esporte por não ser tão mainstream como os batle shonens, acho que só Slam Dunk teve chance aqui no Brasil.
    Mangás de desporto precisam de um público específico assim como os seinens e os alternativos,sendo assim nunca vão agradar a maioria.Posso estar errado mais penso assim.
    Sonho em um dia ver o próprio Kuroko no Basket, Eyeshield 21 e Giant Killing sendo publicados por aqui, como dizem aqui é o país do futebol e nunca tivemos um mangá do dito cujo publicado no Brasil.
    Panini e JBC deveriam apostar mais nesse gênero,nem todos ficaram felizes,mais agradar os fãs de mangás desportivos é uma boa, que faltam no mercado esses títulos já sabemos disso faz tempo.

  • É, se Kuroko chegar nas terras brasileiras, será mais uma para coleção! Espero que façam um bom trabalho caso aconteça!

  • Kuroko no Basket me encantou desde o primeiro episódio!
    Não acompanho o mangá, somente o anime… Mas sem dúvida alguma seria compradora assídua se o mangá fosse lançado no Brasil.
    A história é bem clichezona, com toda aquela coisa de vencer campeonato e tal… Mas o modo como essa história é contada é excelente! E os personagens são muito bons… Mesmo o Kuroko, com toda a ausência de grandes explosões emocionais, consegue ser um personagem super carismático!
    E também me deu muita vontade de jogar basquete! E jogar como o Kuroko, só fazendo passes sensacionais! hauhauahauaauhaa

    Sem dúvidas vai ser um anime que não vou esquecer!

  • Realmente Kuroko é show ….
    Apesar que minha preferencia é o futebol…
    rsrs…

  • Joana

    Apesar de não saber nada de basquete, Kuroko me cativou muito. Estou acompanhando a série animada e mangá atualmente e estou gostando bastante. A série até me fez querer conhecer outro mangás do gênero de esportes como Slam Dunk (mesmo sabendo pelo comentários que é impossível comparar as duas séries). Fico muito feliz pelo sucesso e espero que continue assim! :3
    Agora sobre os movimentos nos jogos… Eu sabia que aquelas jogadas estavam muito estranhas para um jogo de basquete normal… e__e’ (se alguém souber mais sobre basquete pode me corrigir, mas é que eu não consigo imaginar muitos caras fazendo o que eles fazem…)

    • As jogadas são mesmo bem fantasiosas, especialmente as do Kuroko (Misdirection, Ignite Pass e tudo mais). Inclusive, o próprio autor já admitiu que, por mais que seja fã de basquete, fez boa parte do mangá (+/- até o volume 7) sem ter domínio das regras e cometeu certos erros, que teriam sido corrigidos na medida do possível nos volumes tankohon. O mais conhecido é no próprio Ignite Pass; quando o capítulo foi publicado na JUMP, o Kuroko dava um murro na bola, e isso é falta, por isso que foi mudado tanto no tanko quanto no anima pra um tapão.

      • Joana

        Valeu pela informação, acho interessante saber essas coisas! o/

  • Mauricio

    Esse anime é muito motivador, e um dos motivos é exatamente por os jogadores fazerem jogadas meio impossíveis…. Aomine fodão!!!

  • xD

    Vi Slam Dunk (no caso li) e assisti Kuroko no Basket e Slam Dunk é 987657 vezes, nada contra Kuroko no Basket é um bom anime, mas quem tiver a oportunidade, leia Slam Dunk garanto q vão gostar ^^….. Não adianta dizer q não da pra comparar pq dá sim e vc acaba fazendo isso incosientemente . Vai ser a mesma coisa se sair um anime de piratas ou ninjas u.u. Enfim a Shonen Jump e seus mangas viciantes, mais um otimo titulo q deveria vir pro mercado nacional

    • Não tem comparação é a mesa coisa comparar qualquer anime de basebol com Major, mais ai é de escolha quem quer uma anime sobre basquete mais serio assista Slam quem quer um mais descontraído e leve veja Kuroko, de qualquer forma recomendo os dois.

      • Thiago

        Major é sensacional mas Cross Game e Touch se compara em termo de entretenimento facil facil.
        E Kuroko no Basket quase dropei pelo primeiro episodio o que me animou
        foi os personagens da teiko que estou doido pra saber o que os outro dois não mostrado faz, o anime é bem melhor Area no kishi não consigo assistir este anime.
        Bons anime que recomendo de esporte é Major, Touch, Cross Game , Gigant Killing (não encontro o manga em portugues completo de jeito nenhum) e o melhor manga de esporte Slan Duck.

  • Kuroko no Basket é um ótimo anime/mangá; desenvolve bem seus personagens (que vale a pena dizer, são carismáticos), e cumpre bem sua proposta (de ser leve e divertido). Além disso, por mais que as jogadas sejam fantasiosas, a movimentação é EXCELENTE e muito próxima do basquete real. É completamente diferente de Slam Dunk, por isso não é nem melhor nem pior pra mim.

  • Quando o assunto é mangá shounen (no geral), dependendo do mangaka tenho sérias dificuldades em entender o que está acontecendo na cena… sabe aquela hora que você pára, olha, olha de novo, volta uma página, olha de novo e continua se perguntando “WTF is he doing here?!”… isso não acontece em Kuroko, o que eu acho um milagre, já que é um mangá que retrata movimentos constantes.
    Você consegue visualizar os passes, bloqueios e rebotes de forma muito fácil.
    Eu, que particularmente tenho essa dificuldade, fico muito satisfeita com as cenas de Kuroko = )

    Ja ne!

    • Eduardo.W

      Acontece o mesmo comigo em alguns mangas shounen, principalmente quando leio no computador.

  • fico bastante feliz om o sucesso de kuroko gosto bastante do anime/manga é sempre muito divertido acompanhar essa serie

  • Ane

    Sei que no tumblr está fazendo bastante sucesso rs. A primeira vez que me deu vontade de ver, foi quando eu li sobre ele aqui, pareceu bem interessante. E realmente parece que é. Está na minha lista de ler/ver. Se eu já não acompanhasse tantos.. Não quero aumentar mais ainda minha lista haha

  • Antes de Kuroko vir pro Brasil, tem que vir E21. O Anime é um lixo dos lixos, mas o mangá, posso dizer com crtz, tá no meu top 3.

  • Sicca

    Todos ficam falando fujoshi, fujoshi, fujoshi, poxa cara na verdade não é somente coisa da mente das fujoshi.
    Quem já não viu as imagens do final do anime?(sim, aquelas que aparecem assim que acaba a prévia)
    Uma boa fujoshi já percebeu que aquelas imagens são muito “parecidas” com as capas de volumes de famosos mangás yaois.
    O próprio anime vai atrás desse fandom. Não culpem as fujoshis isso não é coisa somente da cabeça delas (é do Kuroko por ser tão fofo no meio de um monte de homens)

  • Ótima postagem… Kuroko é um dos meus animes prediletos, dentre os quais estou assistindo! Como um fã de séries de esporte e tendo assistido e lido (li menos do que assisti) uma quantidade razoável delas, posso dizer que Kuroko realmente se destaca e tem potencial para ir cada vez mais longe e espero mesmo que o faça, pois estarei ansioso pelo que virá… Agora no mercado nacional onde mangás de esporte são uma raridade, tendo Slam Dunk como o único grande nome, sinto que Kuroko tem potencial para vender bem, mas que tem poucas chances de ser sondado para estas terras… infelizmente.

  • Rayovac

    Nem eu esperava ver aonde ele está agora… achei que seria cancelado rapidinho, mas como muitos estava enganado com a qualidade deste manga…

    Rayovac!

  • A Production I.G realmente fez um belo trabalho no anime de Kuroko, coisa que a Gainax não fez com Medaka ò.Ó

    Não estou nos atuais de Kuroko, mas dizem as más linguas que o manga esta no fim, ms duvido que a Jump vai deixar isso acontecer xD

    Agora é esperar o anuncio d segunda temporada desse belo anime..

  • Greg Furtado

    Sobre o nem nos estados unidos: O manga é publicado na França que é um mercado mais importante que o americano. Ele é segundo maior do mundo(só perde pro japão claro) e onde os mangás já estão muito bem estabelecidos.

  • Cloud

    Quebrando Barreiras:
    Simplesmente Kuroko no Basket quebra barreiras de preconceitos contra animes de esporte, não somente eu mas todo mundo que conheço sempre teve preconceito quando o assunto era animes de esporte…. mas um belo dia vi a imagem do primeiro epi de Kuroko e resolvi baixar (tava sem nada pra ver no dia) e foi o suficiente para virar fã a serie e esquecer o preconceito quanto a animes de esporte. Na hora recomendei ele pra todo mundo que tinha esse mesmo preconceito e adivinha a reação? todos viraram da fã da seria e muitos como eu buscaram mais animes de esporte pra ver graças a Kuroko No Basket (claro que pelo menos pra mim nenhum superou Kuroko).

    Considerações técnicas:
    Quanto a animação , não tem nem o que dizer , qualidade espetacular de movimentação , e “gráficos” de encher os olhos , com personagens com designs perfeitos e carismáticos, uma historia bem desenvolvida , que por algumas vezes me faz rir bastante com algumas “noobadas” do Kuroko. (como ele saltar pra pegar uma bola que sabe que não vai conseguir, mas ainda assim mentir descaradamente … começo a rir da cena só de lembrar.) Kuroko e Kagami , fazem uma dupla principal perfeita onde um completa o outro. Quanto a apelação no basket principalmente por parte da “Geração dos Milagres” bem não vejo nada tão surreal como todos dizem (ta certo que o Midorima exagera mas não tira a graça do anime), e E quanto ao Aomine ele não faz nada “surreal” apenas tem “habilidade um pouco (rsrs) acima da média “.

    Conclusão:
    Quem não viu o anime assista , ignore sinopse , ignore o basket ignore tudo simplesmente assista e depois me diga se não foi um dos melhores animes que você viu (pelo menos todos que recomendei ate agora disseram que sim!!!) , só pra finalizar Kuroko empolga tanto nas partidas que fazem você torcer por eles , fazem você pegar gosto e torcer pelo esporte, fazem você querer pegar uma bola de basket e ir dar uma de Aomine pelas ruas, no melhor estilo NBA!!!

    • Pura verdade, quando eu vi o Aomine driblando o Kagami, falei ”Cara***, tenho que voltar a jogar basquete!! o/.”

      Ótimo anime, realmente aquelas imagens que aparecem no fim, são meio que insinuações… Mas não tô nem aí, procuro ler o mangá e ver o anime numa boa, lembro que em REBORN! Tinha / tem insinuações, tb n ligo, Gintama com aquelas capas de dvd gintoki x hijikata hauauaiauai nem quero pensar nisso o/ mas é só n dar bola, pois só aumenta a popularidade do anime, não que eu goste disso, mas nesse sentido, ajuda.

      Mas, voltando ao kuroko, um dos protagonistas mais nbs que eu ja vi, pq sozinho ele não faz nada, além de ser raquitico, mas se ele já fosse bom em tudo, não teria graça xD Aquele velho e famoso lema da jump: amizade, esforço e vitória.

      Eu pareço o Midorima, tipo, fazer cestas de três pontos, raramente da metade da quadra, mas ja fiz xD

      Além de tudo, traz aquela lição, basquete não é apenas você, é o time, é a diversão. Fico pensando nisso, pq fazem uns 7 anos que nunca mais ganhei uma final de campeonato de basquete, o meu time era meio que ”Geração dos milagres” e cada um por si. Os caras nem eram melhores que nós, mas a gente perdia por pura falta de sorte o/

  • ta loco heim, falar que Kurobasu não tem fanservice é meio estranho.. td bem que no manga não vi tanto assim, mas no anime, é fanservice pra todo quanto é lado .-. ainda tem aquelas end cards no final la que meu dels….
    E não tem que reclamar das fujoshi não, as fujoshi ajudam muito tbm, e não é nossa culpa acabar shippando em todos os animes/manga, e que nem o povo disse nos comentarios, vocês não ficam shippando narusaku, sasusaku, naruhina ? é a msm coisa ¬¬ unica pequena (é pequena sim senhor u.u) diferença é que são dois homens…
    e também, eu não gosto do Kurobasu só por causa do meu lado fujoshi não viu, eu adoro a historia, por ser basquete tbm, e ate que eu fui la e comecei a ler slam dunk,e eu to amando, e hoje ja comprei 2 volumes que achei (que por sinal fiquei devendo la no sebo kkkkkk tenho que pagar depois e_e sou pobre man) e ah! obs: não shippei ninguem la no slam dunk (bem ainda to no 45 mas enfim) >///^///<

  • eruru

    Vim agradecer aos autores desse e outro posto (do Hajime no Ippo), pois já são duas recomendações que me interessaram, que conferi e gostei tanto que voltei pra falar.

    São tantas opções de titulos pra assistir que as recomendações, muitas vezes, fazem toda diferença. É isso. Obrigado.

  • renato1094

    Para aqueles que disseram quem consegue marcar cesto de 3 do lado da outra quadra.
    Eu ja marquei umas 10vezes. Tudo sorte mas meus colegas viram, entao um jogador profissional se treinar muito tb consegue e sem errar!

  • Hisachi Mynari

    Realmente kuroko me conquistou já no primeiro episódio, é um dos poucos animes de esporte que me apeguei (o primeiro foi o Ookiku Furikabutte), e desde que comecei a ver ele me pego querendo jogar basket D: Acho que é o efeito do anime sobre mim hsuahsuahsuahsua’ toda vez que posso me junto ao basquete na educação fisica – apesar de que com meus 1,51 (mto baixo pra minha idade) e minha “ultra” mira raramente tenho alguma cesta de sucesso (isso quando acerto a merda da cesta u.u) suhsuahsua’

  • Nossa Animê muito bom agora estou acompanhando o manga no começo é mais ou menos mais depois vai melhorando os traços a historia o desenvolvimento,muito bom e nen é viajado como outros

  • Taciana

    Amo de paixão Kuroko no Basket, o último anime que me chamou tanta atenção foi Prince of Tennis. AMO AMO AMO. E como um boa fujoshi e fã de carteirinha de yaoi/shonen-ai não deixo passar um fanservice. Meu computador já está lotado de doujins yaoi. XD. Mas sei separar muito bem yaoi da qualidade que é Kuroko no Basket. Comecei a ver esse anime sem intenção nenhuma, gostei da sinopse e como gosto de animes de esportes (Dear Boys, Prince of Tennis, Eyeshield 21) eu me empolguei com Kuroko no Basket, e principalmente pelo carismo do personagem principal, tanto que é disparado o personagem mais popular da série e já é considerado um dos 10 personagens mais populares deste ano. Agora espero pela segunda temporada desse anime, que tanto me viciou. E quanto algumas pessoas ficam criticando o anime por não ser ‘real’, aconselho a ver um jogo de basket com pessoas de carne e bom proveito. o/

    • Orleandro Kise

      Dear Boys” *—* faz tanto tempo que nao vejo, me lembro dele na SKY quando eu era menorzinho

  • KevynCC

    Eu AMO kuroko no basket, é simplesmente um dos melhores mangas que já li! seria muito bom a editora Panini trazer esse mangá maravilhoso para o Brasil !!!

  • Amanda

    Sou um ser sedentário, mas ler o mangá de Kuroko me fez pensar que praticar um esporte não seria tão ruim assim (desconsiderando a minha falta de habilidade em qualquer esporte).

    O traço no início não era tão bonito como o de agora (os olhos do Kise ficam cada vez mais perfeitos~), mas a história realmente me prendeu. Não importa se a história tenha fantasia ou não, o que importa é se dá aquela vontade de querer mais um capítulo quando chega ao fim de outro.

    Apesar de gostar de yaoi, não vi fanservice no anime ou no mangá. Para mim, o Kuroko é quase um ser assexuado (acho que sou a única que espera que ele tenha um romance com a Momoi =w=”) e não sei como conseguem shippar alguém com o Kagami, ele é tão… Não shippável.

    (O Kise é um caso a parte~)

    Se o mangá de Kuroko fosse lançado aqui no Brasil, faria de tudo para comprá-lo, mesmo que isso signifique andar por metade da cidade só para encontrar uma banca que o venda.

  • Orleandro Kise

    Kuroko é simplesmente perfeito, sou otaku e jogador de basquete, como não amar esse anime, acho que é verdade que o autor da uma forcinha para as Fujoshis, tipo, quase não existem garotas no anime, 3 até aonde eu vi, mas o anime e exclusivo sobre basket, diferente de Slam Dunk que era Romance, muitaaaaaa Comedia, porrada, sim porque no começo da estoria eles nao jogam basket tão cedo, mas o fato de já mostrar personagens insuperaveis de começo logo é o que deixa o anime/manga tão perfeito, serio, da geraçao dos milagres são todos perfeitos, Kise, Midori-chi, Aomine-chi, Murasakibara-kun e Akashi, Kyoshi Teppei *—* e o anime é realmente empolgante, depois de assistir os primeiros episodios corri pra quadra tentar fazer todas as jogadas, a unica fantasia até agora é o midorima, tipo, não que seja impossivel fazer cestas do meio da quadra ou do outro lado, eu já fiz, o problema é fazer do outro lado da quadra na posição perfeita de arremesso, ele podia pelo menos dar um pulinho pra frente. hauhahauha, os graficos do começo do manga realmente parecem que foram feitos por um completo amador, mas como todos já sabem (ou pelo menos os que leram Bakuman) o que importa é a estoria, se a estoria for interessante vai vender!

    torço muito por Kuroko e to pra comprar o manga em Nippon-go hahaha

  • Yoko-chan

    Depois de ler a maioria dessas postagens aqui, mano, até eu que não curto muito basquete fiquei curiosa para assitir Kuroko no Basket. Mas qual é o melhor, o anime ou o mangá?

  • o que kekerucchi falou está certo. Eu não me considero otaku, por isso, os animes que assisti, não se encontram, nas categorias os otakus gostam, por exemplo, o género esportivo é um dos meus favoritos, principalmente misturado com os elementos shonem ao estilo shonem jump.
    Quanto as “fujoshi”, elas são o que são e pronto. Não adianta ser bonito em se desenho shonem, que vai dar ideia para as fujoshis, personagem de shonem tem de ser de normal para feio.se não vira alvo delas.

  • Vocês dizendo que tem umas coisas impossíveis, isso porque vocês não leem o mangá e não sabem que o Kise pode copiar as habilidades de TODA kiseki no sedai por cinco minutos :DDDDDD

  • Vinícius

    Esse anime é muito gay

  • Goldslash

    Morte as fujoshis.
    Não tem como comparar com Slam Dunk mesmo!! Slam Dunk mto superior a essa bosta.

    • Jotaro

      Pura verdade.

  • Franco_Kurosaki

    eu vi um episódio de Kuroko e gostei bastante e nem gosto de mangá de esporte,deu pra ver o potencial dele logo de cara.Sobre o fujioshismo bom tem gente que viu Yaoi na relação de Marco e Jean de Shingeki,imagina com um time de garotos com relacionamentos interpessoais entre eles?Mas tem doido pra tudo afinal que mangá tem um potencial maior pra Yaoi que Saint Seiya? XD

  • Kuroko enfim, já não aguentava esperar.

  • Adoooooooooooooooro Kuroko e esperei um ano pela 2ª temporada e fiquei só lendo o mangá pois sou muito fã dos dois anime e mangá.
    PS: Espero não esperar tanto por Chihayafuru mas acho que vai seu a mesma coisa. Quando acabou a 1ª de Kuroko eu tinha Chihaya para assistir, não gosto nem de pensar quando a temporada de kuroko acabar e não tiver nem sombra de Chihaya ainda.

  • Lyw Hunter

    Compra certa quando lançarem no Brasil (fazendo uma figuinha pro futuro!!), superdivertido, adoro o Kuroko! Animes de esportes me empolgam quando me dão vontade de jogar (mesmo que de fato passe quando acaba o capítulo kk), foi assim com Chihayafuru e Hikaru no Go e com certeza, fiquei com vontade de jogar basquete kk!!

  • Assisti a primeira temporada de Kuroko para ver como era (quem assistiu, falava que era muito bom e tal). Não sou fã de anime de esportes, mas Kuroko no Basket me fisgou. Agora acompanho o mangá também e está muito bom. Mas acho que o sucesso foi a forma como ele apresentou a história, independente das jogadas fantasiosas (na verdade, eu gosto da marmelada…kkkk), com personagens carismáticos e, porque não, humanos. Ele tem a história de companheirismo e tal, mas que muitos podem ter vivenciado ou ouviram falar de alguém. O cara que é muito bom numa coisa e o sucesso mudou a cabeça, etc. E o arco que explica como foi formada a Geração dos Milagres é um dos melhores arcos que já li em mangás. E o Aomine, apesar de conhecê-lo pelo seu pior lado (arrogante) é o melhor personagem daquela budega…kkkkk…brincadeira. Mas ele é “foda”.
    Agora, “shippagem” com os personagens meio que já faz parte do pacote de qualquer mangá/anime de sucesso…kkkkk…É difícil ver algum mangá/anime que não tenha seus shippers…

  • Paty

    Eu não sou fã de basquete, mas o Kuroko no basket tá me fazendo querer jogar e.e o anime não tem nada sobre humano, não se passam de simples efeitos sobre a trajetória da bola só isso, o anime é muito bom, estou no episódio 18 da segunda temporada. Não sei se sou a única garota que tá vendo esse anime .-. Porque sempre gostei mais de shounen do que shoujo (shoujo só me fazia lembrar que a espécie homem que vale a pena tá em extinção -_- mas já achei um dessa espécie :3 ) já shounen me chamava a atenção pelos personagens principais, que nunca desistiam de seus sonhos e tal…. Eles me ensinavam a lutar por aquilo que queria. (Vou acabar escrevendo um livro ‘-‘ ) o Kuroko no basket é tão bom que, até mesmo na hora mais dificil de ter comédia tem! Como o Kagami quebrando a cesta num jogo (kkkkkk) ou o Kuroko desmaiando quando o Kise acertou a testa dele sem querer (tadinho ._. ) mas é isso ai, AMO KUROKO NO BASKET!!!!!!!!!!!! *———————-*

  • Caio Ferracioli

    Esse e o melhor manga/anime de esporte na minha opinião.. nunca gostei muito de manga/anime de esporte mas esse e muitoo boomm…

  • A JBC bem que poderia relançar Slam Dunk, num formato especial, como a Sampa está fazendo com Vagabond. Afinal, esse é um título de muito respeito e em minha opinião Slam Dunk é o melhor anime de Basquete que tem, com todo respeito ao Kuroko no Basket que é muito bom, mas Slam Dunk é de arrepiar os cabelos só com a abertura.