Mangá Code:Breaker chega ao final no Japão

CodeBreakerHeaderSérie chegará ao fim no dia 17 de Julho.

Mais uma série preparando a sua despedida em breve do Japão. Depois de Deadman Wonderland, Gantz, Evangelion e tantos outros, chega o momento de Code: Breaker se despedir da Shounen Magazine, revista onde é publicado semanalmente desde 2008. A obra é de autoria de Kamijyo Akimine, famoso no Japão por seu mangá anterior – Samurai Deeper Kyo, que rendeu 38 volumes. Code:Breaker chegou a ganhar um anime de 13 episódios em 2012 pelo estúdio Kinema Citrus mas não conseguiu colaborar muito com a fama de sua obra original, sendo inclusive criticado pelos que já acompanhavam a versão quadrinizada. A série chegará ao fim no dia 17 de Julho e deverá ter ao seu total 26 ou 27 volumes encadernados.

Code Breaker 1A história de Code:Breaker tem como protagonista Sakurakouji Sakura, uma garota que parece ser graciosa e modesta, mas na realidade é muito habilidosa nas artes marciais. Um dia andando de ônibus ela acaba testemunhando um garoto da sua idade em volta de pessoas queimando com uma espécie de fogo azul. No dia seguinte ela acaba voltando para aquele lugar, mas não tem mais nenhuma evidência de qualquer assassinato ali e ainda mais estranho é o fato que o novo aluno transferido para a sua classe se parece exatamente com o garoto que ela viu antes. Seu nome é Oogami Rei, ele é um Code Breaker, aquele que não existe. Ele aparentemente é um assassino de sangue frio, seguindo o princípio de “olho por olho”, usando “o mal contra o mal”. Sakurakouji acha que matar não está certo e resolve o deter, tentando entrar em seu coração “de gelo”. Porém não será tão fácil assim.

Como curiosidade o mangá de Code:Breaker foi interrompido nos Estados Unidos após 3 volumes de publicação pela editora Del Rey. O motivo foi a chegada da Kodansha no país que retirou todas as suas obras das mãos de outras editoras. A Kodansha US não tem previsão de continuar o mangá no país até o momento.

via Manga-News

Dih

Dih

Paulistano, 28 anos, corintiano e fissurado em cultura asiática e pop. Formado em Design Gráfico na FMU. Atualmente é editor na Panini/Planet Mangá e cuida de títulos como One-Punch Man, MOB Psycho e Jojo's Bizarre Adventure.

Related Post