Review – Sket Dance: Comédia, drama e muito carisma!

headersketerO Sket-Dan se despede do público após 6 anos de amizades, risadas e lições de vida.

Sket Dance, mangá de comédia da famosa Shonen Jump, foi encerrado no dia 8 de Julho de 2013. O mangá percorreu um caminho tal que o torna digno de ser considerado um dos clássicos da revista. A seguir, um pouco da história e da trajetória desse mangá que se tornou uma verdadeira aula de como cativar o público, emocionar, encantar e principalmente aplicar lições sobre a vida. Com vocês, o Sket-Dan.

sket 1A História

Sket Dance começa nos apresentando 3 jovens inusitados: o energético, tapado e prestativo Bossun (Fujisaki Yuusuke), a esquentada e poderosa Himeko (Onizuka Hime) e o estranho nerd que fala através de um computador Switch (Usui Kazuyoshi). Os três fazem parte de um clube diferente dentro de sua escola, o Sket-Dan, responsável por auxiliar as pessoas das mais diversas maneiras tendo como único objetivo resolver seus problemas, sejam eles quais forem. Apesar da temática simples, o clube enfrentará os olhares diferentes de outros clubes do colégio gerando os seus próprios conflitos e problemas com novos personagens no decorrer do tempo, surgindo assim os tais rivais da série. Claro que tudo envolvendo o bom humor dos personagens, suas atitudes bizarras (como o Switch saber de toda a vida de alguns, Himeko sair distribuindo porrada em todos e o Bossun resolvendo tudo na base de suas meditações mágicas) e situações que te farão chorar de rir ou de tanta emoção.

8Considerações Técnicas

Antes de Sket Dance

O caminho que levou à publicação de Sket Dance começou em 2005, quando Kenta Shinohara, assistente de Hideaki Sorachi em Gintama, publicou na revista para novatos Akamaru Jump a história fechada O Show de Fantoches do Panda Vermelho. A história não fez sucesso o bastante para virar série na Shonen Jump, mas logo em 2006 Shinohara publicou mais um one-shot na Akamaru Jump. Era a história de Mimori Konno, uma garota que, estando em meio a um problema, decide recorrer a um grupo chamado Sket-Dan. O grupo consistia em Switch, um mestre na obtenção de informações que falava apenas pelo computador; Himeko, uma ex-delinquente que agia como o músculo da equipe; e Bossun, que liderava o trio com suas capacidades de dedução e concentração acima do normal. É interessante notar que tanto Bossun quanto o protagonista de O Show de Fantoches do Panda Vermelho eram muito parecidos fisicamente com seu criador. 

sketO one-shot Sket Dance pegou, e logo Shinohara publicou outro one-shot com esse conceito na própria Shonen Jump. Nele, o trio Bossun, Himeko e Switch ajudava uma estudante que estava sendo ameaçada. A história seguia repleta de piadas e culminava num final dramático e melancólico, mas mesmo assim positivo, sobre deixar as dificuldades para trás e seguir em frente. Depois desse segundo one-shot, Shinohara estava com o caminho livre para publicar Sket Dance como série semanal na Shonen Jump.

Acima, da esquerda para a direita: "Panda Vermelho", one-shot "Sket Dance" na Akamaru Jump, one-shot "Sket Dance" na Shonen Jump. Abaixo: Página colorida do primeiro capítulo de Sket Dance na Shonen Jump.
Acima, da esquerda para a direita: “Panda Vermelho”, one-shot “Sket Dance” na Akamaru Jump, one-shot “Sket Dance” na Shonen Jump.
Abaixo: Página colorida do primeiro capítulo de Sket Dance na Shonen Jump.

Fazendo barulho na Shonen Jump

A série estreou em 2007, com o Sket-Dan atendendo estudantes que precisavam de ajuda com alguma coisa. No começo, a grande força de Sket Dance vinha na forma de capítulos episódicos em forma de paródia. Num capítulo, por exemplo, o estudante precisando de ajuda se vestia e se comportava como samurai, o que dava pano para satirizar o entusiasmo exagerado dos personagens desse estilo. Noutro, a história se focava numa estudante que enxergava o mundo como um mangá shojo de romance, com todos os clichês envolvidos. Em ainda outro, vinha ao Sket-Dan uma garota obcecada por ocultismo que fazia referências absurdas a histórias de terror.

6Mas, assim como fez nos one-shots, Shinohara não deixou que a série se sustentasse apenas em suas piadas bem-feitas, e escreveu arcos dramáticos de altíssima qualidade. Um dos primeiros entre os mais notáveis é um em que Bossun decide ajudar uma garota violinista que sonhava em estudar música no exterior, mas estava receosa e não tinha nenhuma confiança. O impacto do arco foi muito grande para uma série que ainda não tinha anime. Os eventos do mangá chegaram ao conhecimento da famosa banda japonesa the pillows, pois nesse arco Bossun aprendia a tocar no baixo a música da banda intitulada Funny Bunny. As coisas chegaram num ponto que Kenta Shinohara foi convidado pela banda para desenhar a capa do single de uma nova versão da música. A maneira com que o Sket-Dan ajudou a garota violinista não deixou dúvidas no leitor japonês que Bossun, Himeko e Switch eram pessoas muito prestativas e, por que não dizer, legais, do tipo que qualquer um gostaria de ter como amigo. E tudo isso é mais que reforçado quando o autor esclarece o passado de cada protagonista: no volume 5 nós descobrimos o porquê de Switch usar um computador para falar, no volume 7 é mostrado como Himeko se tornou uma delinquente, no volume 10 mostra-se o que levou Bossun a querer ajudar outras pessoas. É praticamente impossível não se emocionar: cada um dos membros do Sket-Dan tem uma história traumatizante em seu passado, mas todos eles usam isso como motivação para seguir em frente, e qualquer um que os vê no presente não pode acreditar que eles tiveram uma vida menos que feliz.

QuestDancePontos altos e notáveis

A paródia de gêneros, que é um dos pontos mais fortes de Sket Dance, atinge seus picos nos capítulos de realidade alternativa. Nessas histórias ocasionais, personagens se veem no meio de uma história completamente fora do ambiente escolar, como Rocket Dance, que mostra o Sket-Dan como patrulheiros espaciais, e Quest Dance, que apresenta vários personagens da série como se fossem personagens de um RPG medieval. Já a paródia de arquétipos chegou num ponto bastante interessante quando o autor resolveu parodiar o arquétipo da tsundere. Foi apresentada uma nova personagem chamada Saaya, cujo comportamento de tsundere era tão intenso que ela o considerava um obstáculo para sua vida social, a ponto de pedir ajuda psicológica ao Sket-Dan.

3Comentários Gerais

A qualidade da narrativa de Sket Dance é muito acima da média para um mangá de comédia. Uma frase aparentemente sem importância dita no começo de um capítulo pode ser bastante relevante para a piada final. Num arco de mistério, tanto as pistas verdadeiras como as falsas são abundantes, e todas são analisadas perspicazmente por Bossun. Um personagem que pede ajuda ao Sket-Dan uma vez pode fazer uma breve aparição vários capítulos depois, sem a menor falha de caracterização. E essas reaparições são às vezes bastante discretas: o autor conta com o leitor para reconhecê-las sozinho e ter sua experiência de leitura enriquecida. Mesmo com alguns eventos absurdos acontecendo na história (afinal, estamos falando de um mangá de comédia), Sket Dance possui uma continuidade sólida e não subestima a inteligência do leitor.

5E tudo isso se amarra agora, com o fim da série. Sket Dance acabou, mas a obra ainda existe para quem quiser abraçá-la. Eu particularmente ficaria muito feliz se esta humilde resenha te inspirasse a dar uma chance para esse mangá. Bossun, Himeko, Switch, muito obrigado por todos os bons momentos proporcionados a mim e a tantos outros leitores pelas vidas dos quais vocês passaram. Qualquer dia, amigos, a gente vai se encontrar.

7

por @BuffetDance, do blog Shonen Mania

Dih

Dih

Paulistano, 27 anos, corintiano e fissurado em cultura asiática e pop. Formado em Design Gráfico na FMU. Hoje é editor assistente da Panini Mangás e colecionador compulsivo de quadrinhos em geral.

Related Post

  • Cassio Medina

    Ja marquei de ler sket dance ha bastante tempo, mas como to lendo muita coisa, fui só deixando passar. Meu irmão viu o anime e achou muito bom, o q me incentivou muito a querer ler a serie, mas agora com essa review, sinto q essa vontade voltou com força total e concerteza vou dar uma chance a Sket Dance.

  • Cade a opção ‘curtir’!? Sket Dance me ganhou como leitor depois do arco do Switch.

  • richardson

    Eu só vi o mangá,vou terminar de ler hokuto no ken e vou partir direto para sket dance.Você sabe em qual capítulo do mangá o anime para ?

    • cheque o site baka mangas (em ingles) , la é possivel encontrar essa informação

  • Único mangá colegial que eu achei realmente bom. Nesse gênero onde a gente só vê romances toscos e calcinhas pra todo lado, SketDance com certeza se destaca. As piadas, desde os tsukkomis as non-sense, são bem acima da média. Umas me fizeram chorar de rir já, o que quase nunca acontece.

    Mas a melhor parte da resenha foram os marcadores.

  • Geane

    estou rezando pra q venha pro brasil assim como tb aguardo o Majin Tantei Nougami Neuro!!!

    • Sim!! Já torço para que Majin Tantei Nougami Neuro venha para o Brasil há anos, mas agora faço parte da torcida por Sket Dance também! ^^

  • Alexandre

    eu assisti o anime e gostei, mas é bem difícil encontra o manga de sket dance completo para baixar em português, Se alguém souber onde tem podia me dizer

  • Tugg

    Eu não li o mangá ainda, estou no final do anime, mas já me considero completamente apaixonado por Sket Dance. Foi uma enorme surpresa porque eu comecei a assistir de forma super descompromissada e me conquistou em poucos episódios. Os personagens são extremamente carismáticos, o humor tem um timing excelente e a parte dramática é muito envolvente. Quero muito que o mangá seja publicado no Brasil, mas pretendo começar a ler independente disso.

  • Não conhecia Sket Dance até sair o anime, quando saiu eu olhei o nome e pensei “Nossa deve ser alguma coisa relacionada a música, deve ser um de 13 episódios, vou assistir” e me enganei felizmente. Fui assistindo e depois dos arcos sérios dos três principais de Sket Dance e depois do crossover com Gintama olhei pra Sket Dance com outros olhos, agora to lendo o mangá esperando sair o resto em inglês pra ver como foi o final. O autor sabe muito bem como alternar da comédia pra o drama que é maravilhoso. Acho que não venderia aqui no Brasil mas se vier eu comprarei com certeza. Recomendadíssimo.

  • Ianne

    Sinceramente sket dance superou minhas expectativas, me surpreendeu bastante os arcos do passada de cada personagem , me comoveram totalmente ! Além de ter sido o anime q eu mais devo ter rido na minha vida .O estúdio q o pegou tb foi bastante competente , em vez de produzir um anime com poucos volumes do manga disponível e meter fillers , produziram quando tinha uns 19 vol ou seja episodios excelentes nao faltaram ! E um manga q eu provavelmente compraria se viesse para o Brasil ( meu único problema e o espaço ,acho q vou ter q dar algumas das minhas coleções =/)

    • shayky

      me dáááá!!!
      Pode me dar suas coleções se quiser!! ^^
      Sket dance é muito incrivel, eu realmente vou sentir muita falta e ainda espero a continuação do anime, ou que pelo menos venha pro Brasil o/

  • Excelente review Buffet, faço minha a sua recomendação. Sket Dance é um dos mangás que mais me cativou e mais me conquistou, ele traz uma mistura de sentimentos diversos e maravilhosos, que acho que todos deveriam sentir. Leiam, vocês não irão se arrepender.

    P.S.: Momoka = <3

    • dozen51

      Momoka <3
      Saaya <3

  • Dan

    Hoje mesmo assisti o episódio 5 e tem sido muito bom até agora, mesmo eu preferindo shonens normais e obras mais sérias, uma boa comédia faz falta de vez em quando na minha vida, acho que Sket Dance pode suprir essa falta de humor na monotonia do dia-dia.

  • Nossa! Eu acho que nunca ri tanto quanto no episódio do anime que o Bossun ta se cagando e tudo impede ele de conseguir ir ao banheiro, fora tantos outros momentos que levam das lágrimas as risadas de uma forma tão natural e prazerosa. Um dos melhores de comédia sem dúvida. Bendito dia que vi por acaso o primeiro episódio do anime. Agora tenho que ler o mangá.

  • Leandro-Sama

    eu adoro sket dance! O anime me conquistou completamente, desde as comedias até o drama, eu gostei muito da historia dos personagens.
    Eu torço para que o manga venha para o brasil

  • Mugi-chin

    Sket foi um dos primeiros mangas da dona Jump que acompanhei desde o comecinho, o engraçado de tudo é que até hoje ainda não terminei de l~e-lo! Tenho um carinho muito grande por essa obra.

  • Bom eu ainda não cheguei a ler o Mangá ,mas assisti o anime inteirinho, e devo dizer que foi um anime que me marcou bastante , não só pela comédia (que várias vezes eu rachei de rir) ,mas tambem pelos momentos tristes .
    Não tem muito tempo que eu terminei o anime, e já estou com vontade de assistir novamente , principalmente os episódios que contam a história de cada um .
    Um personagem que gostei muito na série foi a Romeo , sério , eu chorava de rir com os Mangás que ela criava !!!

  • Henrique M

    Já tinha visto o anime e lido o mangá. Sket Dance é tanto meu anime quanto mangá favorito!

  • Renato Calisto

    Só falta vir pro Brasil, aguardando muito o/

  • Dlaker

    Quando contou a história do Switch pra min Sket Dance se tornou um dos melhores animes/mangás que eu já vi.
    Espero que o mangá apareça por aqui, com o fim dele no Japão.

  • Eu acredito que Sket Dance se consolidou como uma obra de sucesso, talvez não fique marcada na história, mas para quem acompanhou com certeza ficara marcada como uma obra cativante e muito interessante.

    Rayovac!

  • Lyw Hunter

    Pensei que fosse algo relacionado a dança/música, contudo ao ler o review, percebi um enfoque diferente na história, me agradou!!
    Com toda a certeza despertou a minha curiosidade em lê-lo e vou procurar o animê também!!

  • Então alguém me explica esse nome Sket-Dan tornou-se Sket-Dance?
    O que é sket e o que é dance?

    • SKET é uma abreviação para Support, Kindness, Encouragement and Troubleshoot (apoio, bondade, incentivo e solucão de problemas).
      O Dan é uma terminação designada ao clubes, e o Dance na verdade foi só um jogo de palavras do autor com o Dan dado aos clubes

  • Realmente me inspirou , pretendo ler sim . Pelo oq eu entendi da história ela é mt boa , boa o bastante para ter uma chance aqui nas bancas brasileiras , espero q um dia venha .

  • thomaz

    Agora que o mangá acabou, será que o anime vai ganhar uma continuação?

  • patricia

    não gostei muito do final do bossun (pelo que consegui entender) ~.~

    mas espero que um dia eles publiquem aqui esse manga rs

  • Diogo

    Muito bom, poderia falar também que uma das séries de Bakuman(PCP), foi inspirado em Sket Dance, qualquer dia desses eu ainda leio Sket Dance.

  • um dos melhores mangas e animes( as aberturas sao epicas) que ja vi, pra min o melhor arco que mais foi dramatico e emocionante foi do switch mas ainda sim o do bossun tb foi muito boa a da himeko foi mais fraco mas ainda foi boa, vou sentir muita falta :'(. Eu ainda nao vi o final mas ele teve um fim que o autor decidiu ou seja ele nao foi “cancelado” assim dizer e isso pelo menos eu espero um final muito bom pra deixar muita saudades mesmo sabendo que é bom ver um manga ter um final que o autor escolheu ainda sim é muito triste.

    Nessa resenha só faltou falar dos professores xD um cientista, uma desajeitada e o melhor de todos o prof que aprendeu diversos jogos com seu mestre Wang ou weng nao lembro xD

    Espero que algum dia a panini ou jbc traga esse manga pra ca pq comprarei todos os volumes tenho um enorme carinho por essa obra. O anime eu gostei tanto que eu acompanhava pela punch em mp4 mas eles droparam e tive acompanhar em HD pela fansub PA minha net na epoca era tão ruim que demorava 4 horas pro download acabar e ainda tinha vez que o download era interrompido e eu tinha que baixar de novo… péssimos/bons tempos… MELHOR MANGA/ANIME DE TODOS O/

  • Ryuuki

    Um dos maiores erros da shonen jump foi deixar Sket Dance acabar. Por quê? Não era pra ter acabado assim, deveria ter durado muito mais.

  • Sket Dance para tema do mês que vem do ChuNan! =P

    • FoolBoy

      Apoio o/

      • dozen51

        o/
        Merece

    • Tugg

      Concordo!

      • Jane

        Merece totalmente!

    • Regulus

      E não é que foi *-*

      • FoolBoy

        haha XD

  • dozen51

    Sket Dance é um dos meus mangás preferidos.
    Estou esperando a tradução dos últimos capítulos.
    Eu não sou um colecionador de mangás,mas se Sket vier pro Brasil com certeza eu vou comprar.

  • Mi Ka DXD

    Sket Dance é um clássico. Com certeza vai deixar saudades.
    O melhor foi o crossover entre Sket Dance e Gintama.

  • Rayquaza

    Eu estava procurando álgum manga longo que já tenha acabado para ler e baseado nesse review vou dar uma chance pra esse manga xD

  • Renata

    Ah, espero que agora continuem a produzir o anime, porque pra mim vai fazer muita falta.

  • Pingback: MANGÁ: GRANDES TÍTILOS CHEGANDO AO FIM! | Anime.com.br()

  • EduardoEW

    Grande mangá

  • Caio Ribeiro

    Um dos melhores mangás dos últimos anos.

  • Tugg

    AEEEEEE! Foi o tema do mês! Valeu, Dih! Ficou bonito demais.

  • Lucas Waroshi

    Guilherme, seu maldito ;_;

  • Marcella

    Muito obrigada por essa resenha! Há um tempo que eu tento mostrar Sket Dance pra alguém, mas ninguém leva muita fé (admito que eu também não levei no início…), realmente muito obrigada por falar algo sobre Sket Dance *-* é um anime que marca a gente e que merece ter mais espaço nas conversas, é um anime/mangá que consegue ser bom sem precisar apelar e ainda ensina boas coisas. Fico triste do mangá ter acabado, mas pelo menos sei que foi de forma digna! Arigatou! ^-^

  • anime perfeito!! mangá melhor ainda!!
    será que o anime volta a passar?

  • Cara, uma das melhores séries (mangá e anime) que eu já vi! Estou esperando a tradução dos últimos capítulos (o Trinity Bakuma americano e o Lions Scanslator brasileiro estão no capítulo 252, faltando pouco mais de 30 caps. pra terminar o mangá), e eu não me arrependo de cada segundo que eu passei chorando de rir com as piadas do anime, com as sátiras de games (fala sério, eu quero um Wontendo pra mim! Super Mariko Broken pras lojas já! Alguém joga Genesis comigo?), sem contar as muitas outras coisas que o anime proporcionou.
    Pena que o anime não “sobreviveu” o bastante pra cobrir o arco de Osaka e o Switch On, mas eu mal vejo a hora de ler o final!
    Recomendo pra todos 🙂

  • Marina Alves

    Estou assistindo por influência desse post!!!

    Não é muito meu estilo então nunca dei uma chance.. Mas depois de ler esse post acabei me interessando e resolvi conferir… e caaaara!! Fazia tempo que eu n ria tanto com um anime!!! MTO BOM!!!!!
    Estou ficando louca com o fato de ter 75 episódios e eu ter 0 de tempo!!!!! Haha!

    Mais uma vez me deparo com uma gostosa surpresa por causa de vocês! Muito muito obrigada mesmo!! <3