Ataque dos Titãs também ruma para o sucesso na revista shoujo ARIA

Levi ARIAEsses mangás de menininha.

Você achava que a febre de Shingeki no Kyojin iria parar? Engano seu. Olha só o que tá rolando no Japão: A editora Kodansha anunciou que irá aumentar a quantidade de volumes da revista shoujo ARIA em torno de 500%. QUINHENTOS. POR. CENTO. Tudo isso graças a uma nova spinoff que irá estrear dia 28 de Novembro, com direito a páginas coloridas. Exatamente: mais um spinoff que deve fazer a Kodansha lotar seus bolsos além da série principal.

De acordo com a Associação de Editoras e Revistas Japonesas, a revista ARIA teve uma circulação mensal em torno de 13.667 volumes de julho a setembro. Com este gigantesco aumento, a revista irá ficar no mesmo patamar da revista já mais famosa Bessatsu Friend (que publicou o mangá de Peach Girl por lá). A revista, que estreou em 2010 com histórias “exóticas” de vários gêneros, publicou um prólogo para esta nova série em sua edição de Novembro. No entanto, todos os volumes foram vendidos em torno de uma semana, resultando em uma nova reimpressão de todo o prólogo na edição de Dezembro. A equipe também se desculpou por incomodar os leitores que queriam ler os outros trabalhos na edição de novembro.

ARIA Shingeki CapaAttack on Titan: No Regrets (Shingeki no Kyojin Gaiden: Kuinaki Sentaku) irá focar no passado do personagem Levi, incluindo o seu encontro com o comandante Erwin e como ele entrou na Tropa de Exploração. Esta nova estória será feita por Hikaru Suruga nos traços e Gan Sunaaku (Guilty Crown: Princess of Deadpool, Gargantia on the Verdurous Planet) no enredo, e terá seu primeiro volume lançado em Abril. Sunaaku também está escrevendo capítulos da nova série que irão estar inclusas no terceiro e sexto volumes de Shingeki No Kyojin em DVD e Blu-Ray.

Shingeki No Kyojin já inspirou também outras duas séries: Attack on Titan: Junior High, de Saki Nakagawa (Oreshura, série de animação) e Attack on Titan: Before the Fall, de Ryō Suzukaze (light-novel) e Satoshi Shiki (adaptação em mangá de mesmo nome).

Isso sem falar em todo o sucesso que a série anda alcançando também em outras mídias. A empresa Spike Chunsoft também anunciou que irá fornecer a rota de Levi como DLC no novo jogo que está sendo produzido. Com isso, vemos que Shingeki No Kyojin ainda irá render muito material, isso sem falar no live-action que irá ser lançado futuramente. O que mais se pode esperar? Será que o sucesso de Shingeki tem um limite?

Vale lembrar que agora em Novembro o mangá terá seu lançamento no Brasil pela editora Panini.

via Anime News Network

Asevedo

Formado em design editorial e assistente editorial da Panini Mangás. Leio mangás e história em quadrinhos de diversos países. Assisto animes de forma esporádica. Sempre estou no Twitter.

Related Post