Live-Action de ‘Moribito’ estreia em março

Notícias - Moribito HeaderConfira o elenco e visual da adaptação

O site oficial da NHK para a adaptação em live-action para a série de novels Moribito, de Nahoko Uehashi, disponibilizou o vídeo em que poderemos conferir o visual de Balsa, interpretada por Haruka Ayase (Umimachi Diary, Hotaru no Hikari, Himitsu no Akko-chan). Para conferir o vídeo acesse o link.

A série de romances conta a história da lanceira guarda-costas chamada Balsa, que jurou salvar a vida de oito pessoas para expiar um pecado de seu passado. No primeiro romance Balsa atende Chagum, o segundo príncipe do Império Novo Yogo, cuja vida está em perigo, ele foi possuído por um espírito sagrado que representa um perigo para seu país. Balsa jura proteger Chagum e os dois entram em uma viagem para descobrir como livrar Chagum do espírito.

A série irá estrear no canal NHK em março e terá 22 episódios transmitido ao longo de três anos. A primeira temporada será composta de quatro episódios. O drama irá adaptar todos os 10 volumes da novel e está sendo filmado em resolução 4K. A direção da adaptação ficou a cargo de Hiroshi Kataoka (Soko wo Nantoka, Last Dinner) com roteiro de Sumio Oumori (Akumu-chan).

O primeiro volume da série teve uma adaptação em um anime de 26 episódios no ano de 2007 pelo estúdio Production I.G.

O visual do restante do elenco principal também foi divulgado.

Notícias - Moribito visual 01

Na parte de cima, da esquerda para a direita: Kento Hayashi (Boku dake ga Inai Machi, Arakawa Under the Bridge) é Shuga, um adivinho das estrelas e tutor de Chagum; Tatsuya Fujiwara (Death Note, Rurouni Kenshin) é o Imperador pai de Chagum; e Yu Kameo (Kamen Rider OOO) é Mon, o líder dos caçadores.

Na linha do meio, da esquerda para a direita: Mikijiro Hira (Ninja Kids!!!, Rampo) é Seidoushi, o adivinho-chefe e assessor do Imperador; Kouji Kikkawa (Kamen Rider W) é Jiguro Musa, o mentor de Balsa; Fumino Kimura (Piece of Cake, Initiation Love) é a mãe de Chagum e a segunda Imperatriz; e Satoshi Matsuda (Densha Otoko, Kamen Rider Ryuki) é Jin, um caçador.

Na linha de baixo, da esquerda para a direita: Masahiro Higashide (xxxHOLiC, Aoharaido) é Tanda, aprendiz de Torogai e amigo de Balsa; Haruka Ayase é Balsa; Kai Kobayashi (Chibi Maruko-chan) é Chagum, o segundo príncipe do Império Novo Yogo; e Reiko Takashima (Space Battleship Yamato) é a xamã Torogai.

O elenco adicional também terá: Kaya Kiyohara (Taifuu no Noruda) como a jovem Balsa; Naho Yokomizo (Kiki’s Delivery Service, Nobunaga Concerto) como Balsa criança; Kae Okumura (Wolf Children) como a primeira Imperatriz; Kaisei Nakano (Garo Gold Storm Shou) como Sagum, o irmão mais velho de Chagum e herdeiro do trono; Seishirou Katou (Ninja Kids!!!) como Touya, um orfão amigo de Balsa; Riana Saijima como Saya, uma orfã amiga de Balsa; Yukijirou Hotaru (Garo: Makai no Hana) como Nouya, o chefe da aldeia Yashiro; Momoka Ishii (Ouran High School Host Club) é Nina, uma contadora de história da aldeia Yashiro; e Mitsuru Fukikoshi (Uchuu Kyodai) como Gakai, um adivinho das estrelas e tutor de Chagum.

Asevedo

Designer de formação, atualmente sou Assistente editorial da Panini Mangá. Acumulo mangás e HQ's, que espero conseguir ler um dia. Assisto animes de vez em nunca.

Related Post

  • Cosmo

    O primeiro volume da série é muito bom e saiu no Brasil pela Martins Fontes, infelizmente ficou só nisso. A série de anime também é ótima.

    • Acho que foi mais um teste da editora, mas a forma lançada não deve ter dado resultados suficientes. Para variar a falta de divulgação da editora compromete uma boa obra.

      • Com certeza, Asevedo. Eu comprei… mas descobri bem por acaso enquanto fazia uma pesquisa, não vi nada divulgando sobre também. É verdade que alguns sites sobre anime como JBox e cia publicaram uma nota na época, mas não foi muito além disso. Se não me engano, nos EUA não saíram todos também, ou pelo menos não tinham saído na época que pesquisei. Uma pena… mas na verdade nem o próprio anime é muito popular por aqui.

    • Vyndrix

      Eu fico triste quando eu vejo esse tipo de coisa acontecer, pq eu sempre q posso tento ajudar as editoras quando eles apostam dessa forma em um obra, justamente pq se nós, os consumidores, não ajudarmos, quem ajudará!? Infelizmente não depende só da gente, no fim das contas, e o problema da divulgação, citada pelo Azevedo, realmente deixa a desejar. Não sei oq seria de mim se eu não buscasse informação, já q a princípio parece q o consumidor é quem tem q descobrir oq ta em circulação no mercado.

  • Onigiri

    Eu não sei porque o Brasil se deu ao trabalho de lançar o primeiro volume se não iria lançar o resto da série depois……e o livro é realmente muito bom, estou empolgada pra essa série!

  • Pingback: Mangá ‘Yami no Moribito’ retorna e entra em seu arco final | ChuNan! - Chuva de Nanquim()