Live-action de Fullmetal Alchemist será lançado em 2017

Notícias-FMALiveElenco-HeaderConfira elenco, direção e mais informações do filme.

A Warner Brothers anunciou oficialmente nesta terça-feira a produção do filme live-action de Fullmetal Alchemist, baseado no mangá de Hiromu Arakawa. O filme está programado para estrear no Japão no inverno de 2017.

As filmagens estão programadas para começar no início de junho na Itália e terminar no Japão na metade de agosto deste ano.

A direção do filme é de Fumihiko Sori (Ashita no Joe, Ping Pong). Sobre a adaptação do material o diretor disse: “Eu quero criar um estilo que siga o mangá original, o tanto quanto for possível. O elenco é inteiramente japonês, mas o fundo cultural é a Europa. No entanto, é um estilo que não representa uma raça ou país específico”.

Ryosuke Yamada, do popular grupo Hey!Say!JUMP, foi confirmado no papel do protagonista Edward Elric. Tsubasa Honda (Aoharaido) como Winry Rockbell e Dean Fujioka (Happy Marriage!?) como Roy Mustang. Os demais atores do elenco são:

  • Fumiyo Kohinata (Prophecy) como General Hakuro;
  • Ryuta Sato (Tokyo Tribe) como Maes Hughes;
  • Misako Renbutsu (Kimi ni Todoke) como Riza Hawkeye;
  • Natsuna Watanabe (Gantz) como Maria Ross;
  • Natsuki Harada (Ichijiku no Mori) como Gracia Hughes;
  • Yo Oizumi (I Am a Hero) como Shou Tucker;
  • Jun Kunimura (Chihayafuru) como Doutor Marco;
  • Yasuko Matsuyuki (At Home) como Luxúria;
  • Kanata Hongo (Shingeki no Kyojin) como Inveja;
  • Shinji Uchiyama (Gokusen) como Gula;
  • Kenjiro Ishimaru (Kamen Rider Den-O) como Padre Cornello.

Sentiu falta de alguém na lista? Sim? O outro protagonista, Alphonse Elric, não terá detalhes revelados sobre como será apresentado, mas o diretor declara que os fãs ficarão satisfeitos com o resultado.

O mangá teve duas adaptações em anime, a primeira série teve 51 episódios e foi exibida entre outubro de 2003 e outubro de 2004 e teve uma história diferente do mangá. A segunda série, fiel ao mangá, teve 64 episódios exibidos entre abril de 2009 e julho de 2010 com o título Fullmetal Alchemist: Brotherhood.

Ele foi serializado entre 2001 a 2010 na Shounen Gangan, da Square Enix, com 27 volumes. O mangá de Hiromu Arakawa é considerado uma das obras mais emblemáticas nas últimas décadas. No Brasil o mangá foi publicado pela JBC entre fevereiro de 2007 e abril de 2011 e teve sua republicação anunciada em março deste ano.

Ainda crianças, Edward e Alphonse Elric perderam sua mãe. Os irmãos, então, decidem usar seus conhecidos para tentar quebrar o maior tabu da Alquimia: a transmutação humana. Mas a tentativa dá errado. Ed perde seu braço direito e sua perna esquerda. Já Al perde seu corpo por inteiro e só não desaparece de vez por que seu irmão conseguiu fixar sua alma em uma armadura de metal. É a lei máxima da Alquimia, a “Lei da Troca Equivalente”.

Assim começa a saga dos irmãos Elric. Agora usando automails, próteses mecânicas implantadas no lugar dos membros perdidos, Ed parte ao lado de Al em busca da lendária Pedra Filosofal, a qual, reza a lenda, amplia os poderes de um Alquimista. O objetivo da dupla de irmãos é usar a Pedra Filosofal para recuperar os seus corpos. Porém, eles não são os únicos interessados no lendário artefato. Os homúnculos, misteriosos seres que parecem seres humanos, também estão atrás da pedra.

Asevedo

Formado em design editorial e assistente editorial da Panini Mangás. Leio mangás e história em quadrinhos de diversos países. Assisto animes de forma esporádica. Sempre estou no Twitter.

Related Post