Semanada #02 – Naruto 542 e Bleach 451

Flashback, flashback, flahsback, ei, flashback(!) em Naruto, e vilão clichê em Bleach. Está no ar  a seção Semanada com os capítulos de Naruto e Bleach… da semana!

Oi, pessoal! Primeiro eu queria agradecer todos os comentários no review de Naruto e Bleach da semana passada. Legal saber que vocês gostaram da ideia de comentarmos sobre os mangás da semana aqui no Chuva de Nanquim. Por isso, comentem bastante neste Semanada também, conto com vocês!

Naruto #542 – A história secreta da dupla mais forte!

Há os que concordam comigo quando digo que o capítulo da semana de Naruto foi fraco. Porém não podemos negar que Kishimoto sempre manda muito bem nos flashbacks do mangá, e o desse capítulo, contando a história de Raikage e Killer Bee, não foi diferente. Ainda mais porque Kishimoto conseguiu um pequeno (porém não menos importante) espaço para inserir  o adorado e venerado Minato.

Como foi mostrado no capítulo da semana passada, Bee passou a ser o companheiro de Raikage nas batalhas e missões, e Raikage passou a ver o chibi rapper como um irmão. E a frase que abre o capítulo ressalta a situação: “Através destes punhos, nós entendemos um ao outro. É isso que nos torna “irmãos”!

Eu acredito (para não dizer que está muito óbvio) que toda essa história de irmandade entre Raikage e Killer Bee não é muito diferente do laço que une Naruto e Sasuke. Naruto chegou a dizer praticamente a mesma coisa para Sasuke no último reecontro – que ambos se entenderiam através de seus punhos. O galego também declarou que ainda não desistiu de Sasuke porque ele é seu amigo, um irmão (ok, eu sei que a relação desse dois é complicada, mas vamos considerar aqui que Naruto não é um mangá de classificação yaoi e que o galego realmente vê o Uchiha boy como um grande amigo, nada a mais, nada a menos. =D), e Killer Bee, assim como Naruto, se tornou um jinchuuriki, o que fortaleceu bastante sua relação com o Raikage.

Logo, acredito que mesmo que toda a enrolação de blablablá-vingança-blablablá-sou-seu-amigo-e-não-vou-desistir-de-você incomode alguns leitores, devemos levar em consideração que Kishimoto sempre puxa aquela lição da vida de um personagem para jogar na história de outro. Ele também usa bastante aquele famoso artifício chamado entrelinhas, então, não vou ficar admirada se ele pegar um pouquinho da história do Raikage + a história do Nagato + a história dos Sannins Lendários + a história da redenção de Gaara e etc para resolver o final da tão esperada luta entre Sasuke e Naruto.

Falando um pouco sobre o Minato, bem, vimos mais uma de suas performances com a alcunha Relâmpago Amarelo de Konoha. Ele e o Raikage realmente tinham muita velocidade. Mas o que mais marcou nesse pequeno embate entre Raikage e Minato foram as palavras do papai de Naruto:

“O que o seu irmão (Killer Bee) tem de mais importante? É melhor você descobrir isso antes dele deixar de ser um Jinchuuriki tanto quanto deixar de ser uma pessoa.”

Eita, Minato mitando[?]!

Creio que o significado dessas palavras será mostrado no próximo (ou próximos) capítulo.

Eu acredito que ele deve se referir ao fato de, ao mesmo tempo que Killer Bee é a “família” do futuro Raikage, ele, hoje na história (ao lado do Naruto), é também um cara independente capaz de fazer suas próprias escolhas, ainda que seja um jinchuuriki, a arma de uma nação. E isso vai influenciar Raikage a permitir que Killer Bee defenda Naruto e partam juntos para a guerra que está acontecendo. Esperemos.

Ponto alto do capítulo: Aparição de um Inuzuka, Akimichi e Hyuuga[?] na equipe de Minato. 8D

Ponto baixo do capítulo: Randons dizendo para Minato recuar por causa do sinal de batalha. Droga! Aposto que os Minatetes queriam ver Minato mitar. x)

Bleach #451 – Welcome to Our EXECUTION 4

Oh, somos bem-vindos ao 4° capítulo intitulado “Bem-vindo à nossa EXECUÇÃO”.

Capa fofinha com Orihime e Riruka se abraçando. 🙂

Eu não sei quanto aos reclamões de Bleach de plantão, mas esse capítulo – com todo o perdão da palavra – foi FODA!

A forma como Ginjou pressionou Ichigo foi excelente, e o Moranguete acabou soltando que não confiava no misterioso Ginjou.

Eu não sei quanto a vocês, mas, por mais que Kubotroll esteja criando um certo mistério sobre o caráter de Ginjou, acredito que no fim das contas Ichigo está lidando com o mesmo esteriótipo de Hirako e Urahara – ambos carregam um ar de mistério e desconfiança, mas, no fim das contas, de um certo modo, são confiáveis.

Claro, com o que o Kubo nos mostrou até agora, não dá para afirmar que Ginjou é confiável, muito pelo contrário. Mas, a meu ver, a estratégia do Kubo é realmente jogar o leitor na dúvida quanto ao caráter e objetivos de Ginjou e Tsukishima que, na minha humilde opinião, estão se mostrando bons personagens.

Ichigo ficou revoltado com Ginjou e, mesmo cegueta e sem o seu adorável suporte (Orihimeeeee ♥ *fangirl mode*), ele finalmente completou o seu fullbring. Será que agora vamos ver o DethBerry return?

Falando um pouco sobre as habilidades de Yukio

Sem dúvidas um dos fullbringers que mais me surpreenderam até agora foi Yukio e seu inseparável PSP.

A habilidade dele é muito útil. Fico pensando que é o fim de seu inimigo se Yukio aprisioná-lo dentro de seu game. O que ele fez com Orihime foi bem útil (E não! Não estou falando do fato dele poupar os nossos “ouvidos” de incessantes “Kurosaki-kun”s), e acredito que Kubo tem muito para trabalhar com o personagem.

Falando na Orihime, pareceu que ela iria mostrar um novo ataque. Como assim? Bem, dois capítulos atrás, o nome do ataque que ela usa contra Ginjou se chama Shiten Koushun, e nesse capítulo ela ameaça com um “Koten Ke…”. Bem, Yukio não permitiu que soubéssemos algo mais sobre, mas vamos esperar para ver se Kubotroll trabalhará isso nos próximos capítulos. Mesmo que haja pessoas que não concordem comigo (deixem suas opiniões no post 8D), eu vejo as habilidades da personagem bem “apelona”. Seus poderes são muito úteis para suporte nas batalhas. Tão úteis que ela acaba se tornando alvo fácil, afinal, se a virmos curando os personagens a todo momento, não veremos o desenrolar das pancadarias, e adeus shounen!

De qualquer forma, no aguardo para o próximo capítulo, afinal, quero saber qual é a do fullbring do Ichigo com essa nova roupa de mercenário de Ragnarok. 8D

Ponto alto do capítulo: Ginjou dizendo que bancou o vilão clichê (rs) e Ichigo achando que num treinamento, seu treinador é obrigado a tratá-lo “bem” (rs).

Ponto baixo do capítulo: Rabiscos do primeiro quadrinho da página 19… wtf?!

É isso! =) Leiam, comentem e divirtam-se! \o/

Por Cassi

Asevedo

Formado em design editorial e assistente editorial da Panini Mangás. Leio mangás e história em quadrinhos de diversos países. Assisto animes de forma esporádica. Sempre estou no Twitter.

Related Post