Checklist – Deadman Wonderland pela Panini em Agosto / Setembro! (AT)

A espera acabou e já podem comemorar: Deadman Wonderland finalmente será lançado pela Panini!

E chegamos em mais um checklist da Panini, dessa vez cobrindo o mês de agosto que sempre sai em setembro. A grande novidade dessa vez fica por conta do lançamento do aguardado mangá de Deadman Wonderland, anunciado no final de Maio pela editora. Temos também a “comemoração” pela edição 50 de Naruto (bem que poderia vir um brinde, não?) e a penúltima edição de Tokyo Mew Mew. Acredito que ainda teremos algumas modificações nesse checklist (como 07-Ghost 2, que deveria constar nele).

Vale lembrar também que a Panini aumentou o preço de 100% Morango (agora custa R$10,90) e também o colocou como bimestral, portanto o título não deverá ser lançado esse mês. Quanto a Kekkaishi, o mangá também parece se encontrar em alguma renovação de contrato, por isso nada de volume novo por enquanto. Mas como já disse antes, se a editora comunicar algo de novo (tentei entrar em contato com eles via e-mail, veremos se retornam), atualizarei aqui como fiz com a JBC. Em breve também deveremos ter o anúncio de novos títulos da dona italiana. Vamos esperar.

Nesse mês, os créditos das capas e das infos vão para o blog Panini-Fã.

ATUALIZAÇÃO 1: Adicionadas os mangás e as capas de Bleach 42 e Kimi Ni Todoke 4.

Naruto 50 de Masashi Kishimoto

Periodicidade: Bimestral – Em andamento no Japão com 57 volumes (Distribuição setorizada)

Formato: 13,7 x 20 cm, 192 páginas

Preço: R$ 9,90

Volume 50! 50 volumes de Naruto e a série já bate records no Brasil. Dúvido muito que não seja o mangá mais vendido no Brasil, assim como não dúvido que sua irmã pocket faça o mesmo. Lembrando que estamos bem próximos dos japoneses agora (o volume 57 foi lançado no Japão no dia 4 de Agosto), por isso logo logo devemos ter uma paralisação maior do que apenas dois meses. Vamos ver como a Panini se sairá dessa. One Piece vem aí?

Air Gear 2 de Oh Great!

Periodicidade: Mensal – Em andamento no Japão com 32 volumes (Distribuição setorizada)

Formato: 13,7 x 20 cm, 216 páginas

Preço: R$ 10,90

O único mensal da Panini ao lado de Kekkaishi, Air Gear já chegou fazendo barulho e por um bom motivo. Com certeza um dos mais belos acabamentos já feitos de um mangá “standard” aqui no Brasil. Páginas coloridas em papel couche, capas e contra-capas como já esperadas da Panini e tradução de Karen Kazumi. Nenhum motivo para reclamar, não é? Vão faltar elogios para essa edição, e esperamos que a segunda em diante mantenha tal ritmo.

Naruto Pocket 15 de Masashi Kishimoto

Periodicidade: Mensal – Em andamento no Japão no volume 57 (Distribuição setorizada)

Formato:11,4 x 17,7 cm, 192 páginas

Preço: R$ 8,50

Assim como seu irmão mais velho chega na edição 50 firme e forte (e rindo pelas boas vendas), Naruto Pocket também chega em uma expressiva marca de 15 volumes lançados. Para os que colecionam essa versão, ainda tem muito chão para gastarem seus R$8,50 mensais, não se preocupem. No mais, confesso que não botava fé nessa edição. Panini queimando minha língua.

Claymore 15 de Norihiro Yagi

Periodicidade: Bimestral – Em andamento no Japão com 20 volumes (Distribuição setorizada)

Formato: 13,7 x 20 cm, 192 páginas

Preço: R$ 9,90

Mais Claymore pra galera! O volume 15 deve chegar em breve nas bancas e junto com ele a tensão de pensar que o título deverá ser paralisado a qualquer instante por igualar a edição japonesa. Esperamos ao menos que venha um substituto a altura. Aliás, em breve o Chuva de Nanquim terá uma novidade para as editoras e para os leitores dos mangás nacionais. Fiquem de olho.

Bem-vindo à NHK! 5 de Tatsuhiko Takimoto e Keji Oiwa

Periodicidade: Bimestral – Concluído no Japão com 8 volumes (Distribuição setorizada)

Formato:13 x 18 cm, 192 páginas

Preço: R$ 9,90

Com esse volume 5, NHK parece agora estar “em dia” com o cronograma da editora (tivemos alguns lançamentos em seguida do outro, contrariando a periodicidade bimestral). No mais, nada de muito especial a dizer, exceto que a a Panini parece ter acertado na escolha do título, que agradou boa parte dos compradores que pegaram a série mesmo sem precedentes. Mais 3 volumes para o fim.

D.Gray-Man 18 de Katsura Hoshino

Periodicidade: Bimestral – Em andamento no Japão com 22 volumes (Distribuição setorizada)

Formato: 13,7 x 20 cm, 192 páginas

Preço: R$ 9,90

Muita gente não gosta dessa capa do mangá, mas eu acho uma das mais bonitas da Hoshino. Mais 4 volumes e estaremos encostados no Japão. Existe ainda a má notícia para os fãs da série que a autora se encontra em um estado de saúde complicado. Além de ter problemas em sua mão, o que dificultava o desenho, corre o boato que ela esteja com uma grave doença, que por acaso já teria tirado ela de duas edições da revista em que a série é publicada, a Jump Square. Para quem compra, ou não, vamos torcer pela saúde dela.

Tokyo Mew Mew 6 de Mia Ikumi e Reiko Yoshida

Periodicidade: Bimestral – Concluído no Japão com 7 volumes (Distribuição setorizada)

Formato:13,7 x 20 cm, 192 páginas

Preço: R$ 9,90

Penúltimo volume! E já falei que estou mais empolgado em saber seu substituto do que sobre o próprio Tokyo Mew Mew em si. Por volta de outubro ou novembro devemos ter o encerramento da série por aqui. E vocês fãs de mahou shoujo: o que querem ver por aqui? Não vale Sailor Moon que ganhará de lavada…

Basilisk 2 de Futaro Yamada e Masaki Segawa

Periodicidade: Bimestral – Concluído no Japão com 5 volumes (Distribuição setorizada)

Formato: 13,7 x 20 cm, 208 páginas

Preço: R$ 9,90

Junto com Air Gear, Basilisk mostrou com seu primeiro volume que é possível ter um material de qualidade, com páginas coloridas e uma boa tradução no Brasil pelo preço de R$10,90. O público comprador está aumentando, é natural as exigências dos mesmos aumentarem (claro que com seu devido sentido e coerência). No mais, Basilisk se mostrou uma boa série de ação para os adeptos do gênero. Muito sangue espalhado pra todo lado. Sugiro que dêem uma passada na resenha da Roberta do Elfen Lied Brasil clicando AQUI.

Gentleman Alliance Cross 6 de Arina Tanemura

Periodicidade: Bimestral – Concluído no Japão com 11 volumes (Distribuição setorizada)

Formato: 13,7 x 20 cm, 176 páginas

Preço: R$ 9,90

Esse é um daqueles títulos “tanto faz” que temos por aqui, mas que chega bem ao seu sexto volume segurado pelo seu fandom (ou melhor, da autora). Só não consigo entender alguns que até hoje reclamam por esse título ser bimestral, mas se o título fosse mensal reclamariam por não conseguirem colecionar por falta de dinheiro no mês… Esse público indeciso…

Bleach 42 de Tite Kubo

Periodicidade: Bimestral – Em andamento no Japão com 51 volumes (Distribuição setorizada)

Formato: 13,7 x 20 cm, 192 páginas

Preço: R$ 9,90

Pra alegria do nosso leitore Felipe aqui dos comentários, a Panini liberou a capa de Bleach 42 e ele está presente no Checklist. Não tenho muito o que comentar sobre esse volume tirando a capa da Halibel que já merece destaque só por causa dela. No mais, agora estamos 9 volumes atrás dos japoneses, que tiveram o volume 51 à disposição no começo de Agosto (e quase sendo passado por Bakuman no ranking de vendas).

Kimi ni todoke: Que chegue a você 4 de Karuho Shiina

Periodicidade: Bimestral – Em andamento no Japão com 13 volumes (Distribuição setorizada)

Formato: 13,7 x 20 cm, 192 páginas

Preço: R$ 9,90

No checklist de Junho/Julho eu disse que Kimi Ni Todoke deve estar atormentado no Brasil. E acho que acertei. O volume 3 nem deu as caras nas bancas mas já liberaram a capa do volume 4 no boletim do mês. Vai entender. Acho que a alternativa seria a Panini fazer o lançamento da série um mês seguido do outro (só até normalizar) ou buscar um representante/funcionário ou qualquer coisa do tipo que tenha mais cuidado com esse tipo de coisa. É o mínimo que esperamos de uma editora grande, não é Panini?

Deadman Wonderland 1 de Jinsei Kataoka e Kazuma Kondou – LANÇAMENTO

Periodicidade: Bimestral – Em andamento no Japão com 10 volumes (Distribuição setorizada)

Formato: ?? x ?? cm, 176 páginas

Preço: R$ 9,90

Um dos títulos mais aguardados pelos colecionadores brasileiros finalmente divulgado pela editora! Deadman Wonderland chega como um dos principais carros-chefe da Panini para esse ano ao lado de títulos como Air Gear e o que vem por aí. Lembrando que Deadman é um mangá forte e cheio de vocabulário “adulto”, portanto vamos ver como fica a adaptação da Panini nesse sentido (que faz um ótimo trabalho com MPD Psycho, Homunculus e Black Lagoon, por exemplo).

por Dih

Dih

Dih

Paulistano, 28 anos, corintiano e fissurado em cultura asiática e pop. Formado em Design Gráfico na FMU. Atualmente é editor na Panini/Planet Mangá e cuida de títulos como One-Punch Man, MOB Psycho e Jojo's Bizarre Adventure.

Related Post