Semanada PLUS #02 – HxH #332, Reborn #369 e Toriko #172

Eleições, Reborn pra fangirls e um velhinho like a boss em Toriko. É o Semanada PLUS #02!

Depois da galera ter aprovado o primeiro Semanada PLUS, chega o segundo comentando os capítulos da semana de Hunter x Hunter, Reborn e Toriko. Fica aqui a nota do editor (Dih) de desculpas pelo atraso. Acabei saindo e ficando doente no domingo, o que fez com que esse post atrasasse um bocado. Sinceramente, a partir da próxima semana a situação deve se normalizar, não se preocupem. Chega de papos e vamos aos comentários com o Artur.

Hunter x Hunter #332 – Aplausos

E continuamos o turno eleitoral com discursos. Achei esse capítulo bom porque ao contrário do passado, teve pouco texto. Vitória do povo de deus. Mas isso não quer dizer que o capítulo foi ungido, porque aliás, foi eleição. Bem, o capítulo começa com discursoszZz dos candidatos. Começa com o boi (que nem lembro o nome) indicando a cachorra, Cheadle.

Nossa hater assumida de Pariston e Gin pede para que todos votem em Leorio e assim encerra seu emocionante discurso de tocar corações. E então é a vez do discurso do Leorio, nosso querido personagem secundário (que já virou terciário ou além disso), que na verdade prefere evitar a fadiga e acaba dormindo, até ser chamado pela apresentadora do torneio das trevas para ir à frente do palco. CHEGOU A HORA.

Só que Leorio prefere falar o que der na telha e expõe seus sentimentos. Fala que se virar presidente, fará da organização sua propriedade privada e não medirá esforços para salvar seu amigo, Gon, se culpando por ter relaxado enquanto o principal batia e apanhava das formigas mumantes. Depois ele menciona que Killua já está ajudando seu querido amigo e a cena passa para o assassino e sua fofa irmã.

Enquanto Killua está na sala do hospital, Illumi fica vigiando para ver se Alluka não fará nada de perigoso. Na verdade o plano é fazer com que nunca mais ninguém peça nada para a realizadora de desejos, MAS sinto eu que algo dará errado nessa história para abrir um gancho para uma futura saga. Bom, isso é o que desejo, já que quando tivemos a perseguição a Killua deu para perceber o fôlego que uma saga da família Zaoldyeck teria (até porque, aquilo no volume 5 não é bem uma saga/arco, convenhamos…)

Enquanto isso, na sala da Justiça Leorio continuando gritando pela salvação de Gon e todos se surpreendem com a atuação, batendo palmas. Cheadle fica convencida que ele tem carisma o suficiente para ganhar a eleição e que com isso Pariston estará fora. E lá vai Pariston para discursar. O que será que resultará dessa eleição? Olha, SINCERAMENTE, antes eu torcia para Leorio (por puro hype do soco no Ging? Talvez), mas agora irá ficar meio forçado e chato ele ser o presidente, não sei se ele é apto ao cargo. Torço pela cachorra do zodíaco, sem dúvida alguma.

Até o próximo capítulo e que enfim vejamos o resultado dessa enrolação eleição e da situação de Gon. Amém.

Reborn! #369 – Rematch

Não estava muito animado para esse capítulo, mas ele surpreendeu. Já começando com uma Color Page L-I-N-D-A (há quanto tempo você não desenhava tão bem, Amano? Desde meados da Saga do Futuro?) do Reborn adulto para levantar o HYPE da galera que espera ver algo. Só que voltamos para o plot de Byakuran, Collonello e aquela briguinha de destruir relógios. Mas não é que o relógio do comedor de marshmallows foi mesmo destuído? Não esperava por isso, achei que ia ter mais enrolação.

Aí tem Mukuro e Flan (aliás, alguém me explica o motivo da existência do Flan no mangá? No futuro ele foi até bacana, mas agora é um fanservice muito idiota. Enfim, é um alívio cômico não-cômico) fugindo de Yamamoto e Gokudera, que ninguém mais lembrava estarem ali. Mukuro some mas os dois amigos de Tsuna vão atrás dele numa…bicicleta? Tá bom então.

Agora Tsuna indo lutar mais uma vez contra o próprio pai! Será que ele tira mais PODER DO NADA e consegue usar o X Burner para reviravoltas? Depois de umas porradas, a autora surpreende e mostra o contrário! Iemitsu senta e fala que lutar com Tsuna é entediante (TOMA! NA CARA!), deixando este no ~momento emo~. “MAS VUXÊ É MEU PAPAI, POR QUE TÁ DIZENDO ISSO?” – diz Tsuna. “Vai se xxxxx, toma uma tonelada de pedra na cara” – diz o pai, jogando quase um obelisco em cima do filho.

Como no momento em que teve a crise emo Tsuna fica sem suas chamas, o garoto fica impotente e só fecha os olhos esperando sua morte chegar, ATÉ QUE… ARMAS. DUAS PISTOLAS. Issaê, é hora do bebezinho de terno virar gente grande. FINALMENTE. DEPOIS. DE. TREZENTOS E SESSENTA E NOVE. CAPÍTULOS. Sem brincadeira, já tinha perdido esperanças quanto a isso e nem lembrava mais. Juro até que na hora pensei “Xanxus? Que tá fazendo aqui?”, nem pensei no Reborn.

Para não deixar de ser badass, os tiros na massa de pedra são tão cools quanto o personagem e formam a palavra “Chaos” no ar, fazendo uma piada com o jargão “Ciaossu” do personagem. “Em apuros, não, Tsuna-inútil?”.

Pronto, agora é a hora de todos gritarem “KYAAAAAAAAAAAAAAAAH!”. Os sonhos de todos aqueles que leem Reborn foi enfim realizado. O que nos aguarda no próximo capítulo?!

Toriko #172 – Ichiryuu e Midora

MAIS UM CAPÍTULO DE SURTOS. Nesse não aconteceu muita coisa para falar tanto aqui, mas mesmo assim, conseguiu ser até melhor que o anterior. O passado teve fim de saga junto com o prelúdio do ataque à Bishokukai do presidente da IGO, Ichiryuu ao final. Eu achava que o capítulo iria começar de outro jeito, com Toriko e cia. indo para outra aventura, mas PASMEM!

Primeiro um Bishokukai que é um gorilão branco tenta impedir a passagem do presidente para o covil, mas como qualquer bom personagem fodão, este ignora o macaco. E a organização do mal não dá trégua alguma. Outro esquisitão usa um ataque que é… UMA TOALHA DE MESA! Essas referências à comida em lutas de Toriko são simplesmente demais, por mais ridícula que possam parecer. E por falar em ridículo, outro personagem aleatório usa goma de mascar para… FAZER UMA JAULA.

E, numa demonstração de Chuck Norris, ele simplesmente sai da jaula como se levantasse papel. Como se não bastasse, ainda intimida os oponentes com o olhar! Ninguém é páreo para o velho, mas, como este não tem intenção de lutar, sobra para Midora, que é revelado ser o IRMÃO MAIS NOVO de Ichiryuu. Este chama então o irmãozinho para tomar um chá uma refeição, junto com uma ~MISTERIOSA~ terceira pessoa (não consegui pensar em ninguém. Ou será que Acacia ainda é vivo? D: ).

Memórias do passado relembradas (mas sem Flashbacks – aliás, aguardo ansiosamente pelo primeiro FB de Toriko), Ichiryuu fala que gostaria de comer ‘God’ com Midora (sem piadinhas, gente…), e este sendo o bom e mimado irmão mais novo, não quer compartilhar God com ninguém. Perante a afirmação, o presidente declara uma suposta guerra e vai embora em sua unicórnio alado.

Enquanto isso, Midora começa a brilhar mais que um vampiro de Crepúsculo e… WTF? Fim. Por que o maluco brilhou provavelmente só saberemos num futuro muito, muito, distante, já que aparentemente o próximo capítulo já retoma com Toriko e companhia.

O que será? Mais preparação para o Gourmet World? Finalmente o Gourmet World? Ou Ichiryuu vai se encontrar e dizer algo com eles? Mil possibilidades, mas seja qual for o que Shimabu tenha escolhido, sei que será feito com primor. Com certeza Toriko é o melhor mangá da Jump atualmente.

por Artur

Asevedo

Formado em design editorial e assistente editorial da Panini Mangás. Leio mangás e história em quadrinhos de diversos países. Assisto animes de forma esporádica. Sempre estou no Twitter.

Related Post