Semanada – Naruto #607: Eu não me importo!

“B-baka! N-não é como se eu me importasse com o mundo…”

Desculpa, foi inevitável.

Naruto #607

Eu não me importo

Logo de cara no início desse capítulo, vemos como Yahiko parecia ser o mais sensato dos órfãos da Vila da Chuva, enquanto Nagato parecia ser o mais facilmente engabelado por palavras. Yahiko logo nota que aquele da máscara não era o Madara verdadeiro, mas Nagato se deixa levar pelo fato de Obito/Madara saber sobre a origem do seu rinnegan.

Repetindo perfeitamente as palavras de Madara – e provando que a lavagem cerebral foi completa – Obito segura a atenção de Nagato, que fica sem palavras ao ouvir que o verdadeiro poder do seu rinnegan poderia fazer um mundo ideal se tornar realidade. Mas Yahiko o impede sequer de se aproximar de Obito/Madara, percebendo que ele só quer usá-los (Coronel Jesuíno curtiu isso). E reproduzindo os ensinamentos de Jiraya que tomaram para si, totalmente diferentes da visão de Obito, os três órfãos se retiram.

“Cara. Seu olho tá estranho, eu iria no médico.”

O flashback salta até a cena de Obito em Konoha, já com uma nova máscara, e, de longe, observando Kakashi visitar o túmulo de Rin. Aqui fica ainda mais claro o motivo dos atrasos de Kakashi: ele ia aos túmulos de seus amigos para lhes contar tudo o que acontecia na vila. E nesse momento, ele conta para Rin sobre o nascimento de Naruto – e Obito está lá, ouvindo tudo.

Agora já vemos Obito sumonando a kyuubi, e ficando cara-a-cara com Minato. Nas suas lembranças, ele se recorda da sua apresentação aos seus companheiros de time, externando o desejo de se tornar hokage, inclusive com seu sharingan gravado na montanha. Um orgulhoso Minato se sente feliz de ter um aluno que compartilha do seu sonho; mas este aluno agora, que ainda o chama de sensei… simplesmente não se importa mais com o mundo e nem com mais nada.

É o fim do flashback; e estamos de volta com Naruto lutando contra Madara, de modo emblemático dizendo que é o filho do Quarto Hokage e que não vai ser tão fácil assim derrotá-lo. Madara então invoca um dragão de madeira, que Hashirama usou para prender a kyuubi no passado (e ele nem pensa em pagar direitos autorais por sair usando os jutsus do Hashirama a torto e a direito, que absurdo), enquanto Gai e Killer Bee tentam ajudar, mas estão apanhando feio.

“Ai que medo.”

Naruto parte pra cima de Madara com tudo, fazendo a batalha chegar até Obito e Kakashi, que ainda tenta entender os motivos do amigo… mas tudo o que Obito diz é que apenas lhes resta a luta final!

Pelo que andei observando, os comentários são ao mesmo tempo, de alívio pelo flashback do Obito ter terminado, e a frustração de ainda haver perguntas não respondidas. Como se vocês não conhecessem o Kishimoto… por exemplo, é muito provável que ainda teremos um flashback da morte da Rin pela visão do Kakashi, o que explicaria os motivos que levaram à morte dela. E com relação a isso, faço um alerta que eu li em um fórum e achei bastante lógico: se Rin fosse uma espiã ou traidora, como muitos suspeitaram, não creio que ela tivesse um túmulo em Konoha. Então, aguardemos pela resposta que deverá vir em breve.

Outra questão que voltou com o fim do flashback, é a de que a passagem de Obito para Tobi (ou melhor, de Obito para um simulacro do Madara, já que o Tobi só surgiu na Akatsuki) teria sido feita de qualquer maneira ou ainda, seria sem sentido. Eu não tenho mais muito que falar sobre isso e nem quero impor a minha visão, mas repito o que eu disse em Semanadas passados (ou se não disse, sonhei com isso, perdão ‘^^): não consigo ver que graça teria em o Tobi ser algum personagem pouco ou não conhecido; Shisui? Izuna? Algum outro Uchiha sem nome? Qual pano de fundo emocional que esses personagens teriam?

Esses Pokémon são de qual geração?

A meu ver, no caso do jovem Uchiha, vimos a corrupção total de um garoto adorável e gentil que amava seus companheiros de time acima de tudo. Vimos esse garoto se deixar levar por ideais tortos de paz e justiça e com isso ser capaz de fazer mal até a seu ex-professor, em nome de um “mundo perfeito” que ela acha que trará todos de volta à vida. E o incômodo causado por essa transformação radical é algo que só poderia ser causado por um personagem que tivesse um certo carisma – ou seja, Obito.

E há quem vá acreditar.

Mas é tudo somente a minha opinião sobre essa “polêmica” no fandom ‘^^

Agora as atenções se voltam para um provável embate final entre Obito e Kakashi, que se nunca puderam ter uma disputa por bem, agora terão uma por mal. E talvez esse seja o “ano do Kakashi” que Kishimoto promete há um tempinho já. De qualquer forma, um pouco de destaque pro Copy Ninja não faz mal a ninguém… nem que pra isso ele tenha que sofrer o diabo como está sofrendo, pobre Kakashi 🙁

E claro, temos ainda Naruto x Madara, que acho que terá a participação especial dos novatos que estavam a caminho há uns 50 capítulos (deviam estar seguindo os mapas do sistema da Apple, deu nisso). Alguns que compartilham da mesma ideia acham que eles vão lá só pra apanhar, mas eu gosto de pensar num bom clichê de “a união faz a força e açúcar” e na chance de ver os novatos detonando um pouco mais.

Só que tudo isso só daqui a duas semanas: semana que vem não tem capítulo, é a folga do tio Kishi, ele merece né? Então, até a outra semana!

por Raquel

Asevedo

Formado em design editorial e assistente editorial da Panini Mangás. Leio mangás e história em quadrinhos de diversos países. Assisto animes de forma esporádica. Sempre estou no Twitter.

Related Post