Checklist – Mirai Nikki abre as portas para a JBC em Janeiro

headerO Diário do Futuro abre os lançamentos da JBC em 2013.

E olha quem começa o ano pela metade! Como dizem que brasileiro só começa o ano depois do Carnaval comigo não é diferente! ChuNan só volta ao normal depois das festas! Ok, brincadeiras a parte vocês devem ter percebido a diminuição no ritmo dos posts. Eu estou bem atarefado ultimamente, trabalhando em dois locais diferentes pra garantir o pão de cada dia (mas se quiserem fazer doações pro ChuNan eu não vou reclamar) e isso acabou me afastando bastante daqui. Mas prometo que estou colocando as coisas em ordem, começando pelos checklists. O da Panini deve sair em breve e o da Nova Sampa já saiu há algum tempo (e esperamos que seja mais rotineiro a partir de agora).

A JBC começa o ano com dois títulos novos, embora apenas Mirai Nikki será o “fixo”. Deveremos ter muitos outros lançamentos durante o ano como Another e mais umas coisas. Fiquem ligados e vamos torcer para que a editora continue firme com o crescimento que conseguiu no ano de 2012. Mas chega de enrolar e vamos logo para o tão aguardado checklist comentado! Assim que as capas não divulgadas saírem, colocaremos para vocês!

Diário do Futuro 1

Periodicidade: Mensal – Concluído no Japão com 12 volumes (Distribuição setorizada)

Data de Lançamento: ??/??

Formato: 13,5 x 20,5 cm, 200 páginas

Preço: R$ 11,90

E Mirai Nikki chega ao Brasil já trazendo muita discussão em torno da escolha (ou da imposição de contrato) da JBC em utilizar  o nome traduzido como aconteceu em outros países. Nos Estados Unidos, por exemplo, a série saiu por lá com o título de Future Diary. Poucos países mantiveram o nome original (como a França). Enfim, o que importa é que a série finalmente está no Brasil aproveitando o sucesso que a mesma alcançou no último ano. Veremos se ele se repete nas bancas.

Burn-Up: Excess & W 1

Periodicidade: Mensal – Concluído no Japão com 1 volume (Distribuição setorizada)

Data de Lançamento: ??/??

Formato: 12 x 18 cm, 200 páginas

Preço: R$ 10,90

Oh Great está de volta à JBC, mas não é por Air Gear como suspeitávamos alguns anos atrás. A editora investe no mangá de volume único do autor – e que convenhamos não é lá muito conhecido. O mangá é baseado em um anime que chegou a ser exibido em tempos áureos no Brasil pelo canal a cabo Locomotion, mas não chega a ser popular ao extremo por essas redondezas. Como é volume único talvez possa valer o investimento. Ou não. Mesmo formato de Soul Eater.

Kenshin03_Capa.indd

Rurouni Kenshin 3

Periodicidade: Mensal – Concluído no Japão com 28 volumes (Distribuição setorizada)

Data de Lançamento: 14/01

Formato: 13,5 x 20,5 cm, 200 páginas

Preço: R$ 13,90

Rurouni Kenshin continua nas bancas com seu terceiro volume e suas capas maravilhosas (junto com o logotipo perfeito na minha mais humilde opinião). Esse é o tipo de material que compensa cada centavo gasto nos valores um pouco acima do mercado. Papel ótimo, boa impressão e embora a lombada do volume 2 tenha ficado desalinhada com a do número 1 (o que é muito triste) ainda assim não temos o que reclamar da edição até agora. Esperamos que a JBC mantenha o padrão até o fim.

FairyTail26Capa.inddFairy Tail 26

Periodicidade: Mensal – Em andamento no Japão com 35 volumes (Distribuição setorizada)

Data de Lançamento: 16/01

Formato: 13,5 x 20,5 cm, 190 páginas

Preço: R$ 11,90

Fairy Tail chegando ao volume 26. Se seguirmos o ritmo no fim do ano estaremos bem próximos dos lançamentos japoneses, já que estamos apenas 9 volumes atrás e no Japão sai uma média de 5 volumes por ano. Talvez fosse uma boa para a JBC já ir pensando em um substituto como um Magi da vida (olha eu dando a dica pra editora, sou bonzinho demais). No mais, Fairy Tail continua com a mesma fórmula que encanta alguns, empolga outros e é irrelevante para outros. Mas firme e forte.

Bakuman17_Capa.inddBakuman 17

Periodicidade: Mensal – Concluído no Japão com 20 volumes (Distribuição setorizada)

Data de Lançamento: 18/01

Formato: 13,5 x 20,5 cm, 190 páginas

Preço: R$ 11,90

Vou ser bem sincero. Embora eu ache o fim de Bakuman arrastado e muito fraco (estou me esquivando das pedras agora) eu gosto muito da arte das capas. Ok, uma coisa não compensa a outra. O importante é que Bakuman está chegando ao final e abrindo espaço para mais novidades vindas da editora e quem sabe por parte da Shounen Jump. Pelo menos Obata e Ohba não veremos mais por aqui durante um tempo, até que a dupla resolva lançar mais alguma coisa e com certeza a JBC correr atrás de publicar.

SoulEater06_Capa.inddSoul Eater 6

Periodicidade: Mensal – Em andamento no Japão com 23 volumes (Distribuição setorizada)

Data de Lançamento: 14/01

Formato: 12 x 18 cm, 192 páginas

Preço: R$ 10,90

Eu diria até que essa capa de Soul Eater tem uma propriedade de spoilers, mas deixa pra lá. Vocês vão ver tudo lendo. Enfim, o mangá vai chegando ao volume 6, bem longe dos atuais, mas vai melhorando gradativamente com o passar dos volumes (alguns já devem ter notado isso). Não há o que reclamar por enquanto das edições da JBC apesar das divergências com termos e traduções por parte de alguns. O fato é que o mangá ficaria bem mais bonitão se a contra capa fosse com aquela arte igual a do original. Mas isso é o de menos.

Nura04_Capa.inddNura 4

Periodicidade: Mensal – Completo no Japão com 25 volumes (Distribuição setorizada)

Data de Lançamento: ??/??

Formato: 13,5 x 20,5 cm, 190 páginas

Preço: Indefinido

As capas de Nurarihyon no Mago são realmente um show a parte. E não, eu não chamo de Nurarihyon no Mago por implicância, é apenas questão de costume por conhecer a obra há alguns anos antes. Pra editora tanto faz a forma que você chama o seu mangá contanto que você compre. O fato é que muitos fãs “hardcore” estão tendo algumas implicâncias com o lançamento pela forma como a JBC vem traduzindo os nomes dos yokais e termos. Isso é algo muito pessoal. Eu particularmente não me importo ao todo, mas imagino a sensação dos que o fazem.

Sakura_8_Capa.inddCard Captor Sakura 8

Periodicidade: Mensal – Concluído no Japão com 12 volumes (Distribuição setorizada)

Data de Lançamento: ??/??

Formato: 13,5 x 20,5 cm, 200 páginas (16 coloridas)

Preço: R$ 14,90

Só mais 4 volumes para nos despedirmos de novo da nossa guerreira mágica capturadora de cartas mágicas (?). E espero que não a vejamos de novo nas bancas por muito tempo. Não precisamos de re-relançamentos de obras nem tão cedo, ok? No máximo novas impressões já devem ser o suficiente. Ao menos a coleção está muito linda e valendo cada centavo investido. Parabéns para a JBC para o primeiro relançamento realmente que compensou por parte da editora (vocês entenderam, senhores Cavaleiros do Zodíaco e Evangelion Especial).

CDZ12_Capa.inddCavaleiros do Zodíaco 12

Periodicidade: Mensal – Concluído no Japão com 28 volumes (Distribuição setorizada)

Data de Lançamento: ??/??

Formato: 13,5 x 20,5 cm, 184 páginas

Preço: R$ 11,90

Cavaleiros do Zodíaco vai se encaminhando para a metade da sua coleção da saga clássica, e enquanto Next Dimension e Lost Canvas Gaiden não ganham novos volumes por essas bandas ele é a única opção para os fãs das sagas dos defensores de Atena nas bancas. Tenho um pouco de curiosidade para saber como anda o índice de vendas dessa reedição de Cavaleiros na JBC. Será que conseguiu repetir o sucesso de One Piece e Dragon Ball na editora concorrente? Será que foi um bom investimento?

rgveda03_capa.inddRG Veda 3

Periodicidade: Mensal – Concluído no Japão com 10 volumes (Distribuição setorizada)

Data de Lançamento: 07/01

Formato: 12 x 18 cm, 192 páginas

Preço: R$ 10,90

RG Veda continua nas bancas para manter a tradição do CLAMP nas bancas do país. Mesmo com o fim de Sakura daqui alguns meses ele continuará lá. Bem, quanto ao título eu não vejo muitos comentários dele por aí – óbvio que isso não significa absolutamente nada, só que dentro do meu circulo de amizades ele acabou não virando unanimidade mesmo sendo um mangá bem divertido dentro da sua proposta, além de se tratar do primeiro mangá do grupo e conseguirmos notar diversas coisas que hoje fazem parte do universo comum do grupo.

negima!75Capa.inddNegima! 75

Periodicidade: Mensal – Concluído no Japão com 38 volumes, 76 brasileiros (Distribuição setorizada)

Data de Lançamento: 11/01

Formato: 12 cm X 18 cm, 100 páginas

Preço: R$ 7,90

Tá acabando! Tá acabando! Penúltimo volume de Negima chegando nos bastidores. E eu preciso dizer uma coisa: que capa mais meia boca pra uma penúltima edição de mangá, hein JBC? Justo faltando só uma edição a capa foi uma das mais genéricas possíveis. Bem, de qualquer modo estou feliz pelo fim do formato adotado, triste por ter dropado minha coleção e mais triste ainda por saber que dificilmente teremos algum outro trabalho do tio Akamatsu publicado por essas redondezas tão cedo. Enfim, já pode trazer The World God Only Knows, JBC.

Ranma35_Capa.inddRanma ½ #35

Periodicidade: Mensal – Concluído no Japão com 38 volumes (Distribuição setorizada)

Data de Lançamento: 07/01

Formato: 13,5 x 20,5 cm, 190 páginas

Preço: R$ 10,90

Faltando apenas 3 volumes para o fim de Ranma e para o fim da dancinha do panda na lateral do mangá. Apesar dos apesares (como os papéis da aviso da JBC de páginas invertidas, como aconteceu no volume anterior) Ranma é um dos mangás mais indicados para quem procura um título descompromissado, divertido e gostoso de se acompanhar. Vamos ver agora se a editora pretende continuar investindo em títulos da nossa tia Rumiko Takahashi. Ainda acredito que Rin’ne seria uma aposta interessante por se tratar de um mangá ainda em andamento.

Freezing07Capa.inddFreezing 7

Periodicidade: Mensal – Em andamento no Japão com 17 volumes (Distribuição setorizada)

Data de Lançamento: 14/01

Formato: 13,5 x 20,5 cm, 208 páginas

Preço: R$ 12,90

Sétimo volume de Freezing, aquele mangá de peitos que tem uma história envolvente, acreditem se quiserem. Resta saber se a escolha da galera pelo gênero ficará com Freezing ou se dividirá com Ikkitousen da editora Nova Sampa. Eu particularmente já optei pela segunda opção, mas sem negar que Freezing é um bom título para quem gosta do gênero. Tudo depende do meu orçamento. Enfim, é o único título da linha “adulta” da JBC nesse mês, já que a editora ficou com pena de mim e deixou aquele tal de Futari H de fora. Valeu tios!

Dih

Dih

Paulistano, 28 anos, corintiano e fissurado em cultura asiática e pop. Formado em Design Gráfico na FMU. Atualmente é editor na Panini/Planet Mangá e cuida de títulos como One-Punch Man, MOB Psycho e Jojo's Bizarre Adventure.

Related Post