Semanada – Naruto #630: O necessário para preencher um vazio!

headerObito falando com Kakashi sobre preencher seu vazio…

De um jeito bem hétero, claro.

1Naruto 630

O necessário pra preencher um vazio

Continuamos no mundo do Mangekyou Sharingan, onde Obito explica a Kakashi que se desfez de todos seus sentimentos para não sofrer mais; ele inclusive tenta Kakashi a seguir naquele mundo de ilusão, onde Rin e o antigo Obito estariam vivos e onde Kakashi poderia ter qualquer coisa que ele desejasse para preencher o vazio do seu coração.

Mas Kakashi não cai na conversa, destruindo as ilusões que Obito criou e refutando que elas seriam capazes de preencher qualquer vazio. Obito o questiona, dizendo que a realidade é cruel e que ao menos naquele mundo o vazio se torna menor. Mas Kakashi diz que aprendeu que o vazio sempre pode ser preenchido por outras pessoas, que fugir e rejeitar as memórias de seus amigos de nada adianta, e que enquanto não se desistir, sempre haverá alguém para apoiá-lo.

Obito continua pregando que o melhor a fazer é livrar-se da realidade e dos sentimentos, mas Kakashi repete a frase que Obito lhe disse há muitos anos, mas com um adendo: que os que não se importam com os sentimentos de seus amigos, são ainda piores que todos, deixando claro que não irá abandonar o que Obito um dia sentiu, mesmo que ele o rejeite.

2A conversa entre Kakashi e Obito é entremeada pelos acontecimentos no campo de batalha, onde, enquanto Naruto ainda tenta se recuperar, Killer Bee toma à frente juntamente com o Hachibi. Eles estão tentando impedir que o Jyuubi chegue à sua forma final, o que significaria o fim de toda a aliança. Mas por enquanto, o dez caudas está apenas parecendo com um Vileplume – o que não quer dizer que não possa fazer bastante estrago. 😛 Ele está preparando uma bijuudama daquelas, mirando no Naruto, que ainda está sem condições de batalha.

3Sakura decide então que é hora de acordar a aliança, dizendo que não é hora de hesitar, pois Naruto considera a todos como companheiros. Ela promete que irá recuperar Naruto totalmente, que todos devem fazer o que estão aos seus alcances e que se for para morrer, que morram lutando!

É quando Shikamaru tem um de seus insights, e pede que Ino o conecte com Kitsuchi. Ele pede ao shinobi da Vila da Pedra que o ensine os selos de um doton simples, que qualquer ninja possa fazer. Assim, todos seriam capazes de criar pequenas barreiras de pedra, juntamente com as barreiras mais fortes feitas por ninjas da Pedra. Shikamaru também pede a Bee que tente mudar a trajetória da bijuudama do Jyuubi.

Ino agora tem que se esforçar ao limite para conectar Shikamaru a todos os shinobis no campo de batalha para que sejam repassados os selos do doton. A bijuudama do Jyuubi é liberada e vai demolindo as pequenas barreiras de doton como num boliche, até Hachibi tentar pará-la, também sem muito sucesso. Mas de repente, a bijuudama desaparece, como se tivesse sido engolida por alguma coisa…

Uma kunai especial surge na frente de Naruto: Minato chega, perguntando se estava atrasado, ao que Naruto responde que foi bem a tempo!

4Esse capítulo quase me deixou maluca, porque eu comecei escrevendo o Semanada na ordem que foi mostrado no capítulo, com a troca de cenas entre o mundo do Mangekyou e o campo de batalha. Mas a confusão foi inevitável, o texto ficou uma porcaria e quase chegando no final apaguei tudo e refiz. Na minha humilde opinião, ficou beeeeeeem melhor assim. ‘^^

Pois bem, vocês não devem estar mais aguentando o blá blá blá Whiskas Sachê de Obito e Kakashi, mas vocês também devem estar carecas de saber que é necessário, para que Kakashi defenda seu ponto de vista perante Obito, que continua um revoltado com o mundo real que quer fugir da realidade a todo custo. E sejamos francos, nós frequentemente também temos vontade de chutar o mundo real e fugir para algum lugar onde tudo é arco-íris, flores, guloseimas e uma cama macia pra dormir doze horas por dia. Mas temos que fazer como o Kakashi, fugir não adianta… e de alguma forma sempre haverá alguém para fazer nossos dias valerem a pena. Bobo e clichê? Pode ser, mas é necessário e bem-vindo para os jovenzinhos, que são o público alvo da revista, e para quem Kishimoto escreve (de vez em quando temos que lembrar disso). E até para nós – muitos já longe da adolescência há anos XD – é bom ter essa luzinha de vez em quando, de que a realidade é dura sim, mas que se esconder dela não vai resolver seus problemas.

5Achei muito bom rever Sakura de volta à ação, pelo menos com uma voz firme na aliança, dando uma de Ana Maria Braga e soltando um “acorda menina!” para despertar novamente a confiança nos shinobis. Ino também se mostrou muito útil, mostrando que quando Kishi tem um pouco de boa vontade, ele faz coisas boas com as meninas: primeiro Hinata, agora um combo de Sakura e Ino. E Shikamaru, que continua afiado com seus planos, apesar de toda a polêmica  envolvendo o uso do doton. Mas se bem me lembro, quando Kakashi explicou sobre os elementos, ele disse que os ninjas tinham maior afinidade com um elemento específico, o que não impediria que eles usassem algum outro elemento. A situação era de emergência e Shikamaru pediu um jutsu bem simples, que qualquer criança saberia. Não acho que tenha sido uma falha nesse caso.

E para fechar com chave de ouro – e deixar todo mundo louco pelo próximo capítulo – temos a sempre épica chegada de Minato, com direito à capa esvoaçante e kunai especial (tentando segurar o fangirlismo aqui). Estariam os outros edo-kages por perto também? Teriam se separado para ir em busca dos kages feridos? E Sasuke, para onde ele foi? Eu quero a Sakura revendo o Sasuke, mas do lado certo dessa vez, por favor! Isso sem contar o tão esperado reencontro carregado de tensão sexual entre Hashirama e Madara.

6Segurem-se em suas cadeiras e até a próxima!

Asevedo

Formado em design editorial e assistente editorial da Panini Mangás. Leio mangás e história em quadrinhos de diversos países. Assisto animes de forma esporádica. Sempre estou no Twitter.

Related Post