Novo mangá da autora de Love Junkies em junho no Japão

Love Junkies HeaderMangá pode ter participação de personagens de Love Junkies, mas não será continuação.

Love Junkies provavelmente foi um dos mangás mais curiosos por aqui. Apesar de desconhecido, fez sucesso e até se tornou cultuado mesmo se tratando de uma comédia erótica. Não é pra menos. Um traço lindo e uma história carismática contribuíram para isso. Com isso a autora (sim, é uma mulher) conquistou muitos fãs por aqui.

Nessa semana, Kyo Hatsuki anunciou em seu Twitter que uma nova série sua estreará na revista quinzenal Young Champion – a mesma que serializou Love Junkies – no dia 23 de Junho. O nome do mangá será Jun-ai Junkies, que em uma tradução para o inglês seria Pure Love Junkies. Apesar do nome, a autora confirmou que NÃO se trata de uma continuação de seu maior sucesso, mas que ela adora os personagens de sua obra e até pretende utilizá-los em algum momento, podendo aparecer na história futuramente.

No Brasil, além de Love Junkies, tivemos a publicação de Inu-Neko (ambos pela editora JBC) e em 2013 tivemos Tarareba (pela editora Nova Sampa).

via Anime News Network

Dih

Dih

Paulistano, 27 anos, corintiano e fissurado em cultura asiática e pop. Formado em Design Gráfico na FMU. Hoje é editor assistente da Panini Mangás e colecionador compulsivo de quadrinhos em geral.

Related Post

  • ChuNan tá frenético essa semana, um post atrás do outro.

  • Nem sabia que era uma mulher…

  • otakismo2

    ( ͡° ͜ʖ ͡°)

  • Esqueceram de citar que em japonês Love Junkies é “Ren-ai Junkies”. Por isso a especulação de um mangá com o nome parecido da mesma autora seria uma continuação de sua obra anterior.

    • Van

      Pra mim era “Hen-ai Junkies”.

  • Adoro a Kyo Hatsuki! Com certeza, vou comprar!

  • tiago

    Eu quero é mais mangá dela de romance erótico, com muita putaria. 🙂

    Ela é ótima nas histórias e desenhos.

    E que a JBC relance Love Junkies aqui em qualidade melhor.

  • leoalwkrd

    Gosto muito desse mangá,começou bem até a metade da historia se perder um pouco,mas mesmo assim os personagens são otimos. Curti muito.