Mangá Orange terminará ainda em 2015 no Japão

Orange2015Obra deverá ser encerrada com 5 volumes ao todo.

Orange é um dos sucessos mais estranhos dos últimos tempos. Não, estranho não é o mangá, e sim a vida dele, que foi de mangá shoujo da Betsuma para seinen da Manga Action em um curto espaço de tempo. Com direito a relançamento de volumes anteriores e tudo mais. O que importa é que o mangá vem vendendo extremamente bem no Japão, mas parece que nem isso é o suficiente para fazer a autora mudar a sua ideia de encerrar sua obra. No Twitter, a autora Takano Ichigo confirmou que Orange deve terminar já em 2015 e que provavelmente o seu volume 5 será o último – mesmo ainda não dando nenhuma data para o lançamento do mesmo.

orange

No dia em que faz 16 anos, Takamiya Naho recebe uma carta estranha, mas com o remetente vindo de si mesma, de dez anos no futuro. No início, ela acha que a carta é uma brincadeira, mas depois as coisas escritas na carta realmente passam a acontecer, incluindo o novo aluno transferido que se senta ao lado dela em sala de aula, Naruse Kakeru.  A carta diz é como seu diário, e narra tudo com perfeição, até os mesmos personagens – que são seus amigos. Naho então decide ler a carta até o fim. Na carta, ela de 27 anos de idade, diz a ela de 16 anos de idade, que seu maior arrependimento é que Kakeru já não está com eles no futuro, e pede a ela para vigiá-lo de perto.

Orange estreou em 2012 na revista Betsuma da Shueisha e em novembro do mesmo ano entrou em pausa. Cerca de um ano e alguns meses depois, a autora (que aparentemente enfrentou problemas pessoais dentro da Shueisha) mudou para a editora Futabasha e decidiu dar continuidade a seu mangá por lá, na revista seinen Gekkan Manga Action – onde ela também serializa o mangá Re:Collection. O volume 4 de Orange foi lançado recentemente e em menos de 2 semanas vendeu 200 mil unidades no Japão.

Dih

Dih

Paulistano, 27 anos, corintiano e fissurado em cultura asiática e pop. Formado em Design Gráfico na FMU. Hoje é editor assistente da Panini Mangás e colecionador compulsivo de quadrinhos em geral.

Related Post

  • OHHH

  • Marcos Correia

    Esse é um que está na lista de leitura.

  • Comecei a ler esse mangá…Sinto que vou chorar horrores no final T.T

  • Autor de Shingeki no Kyojin fazendo escola??
    Muito interessante que a autora firme o pé e não estrague sua obra por causa de vendas. Ele deve confiar no próprio taco para poder criar outro mangás mais para frente. O Japão precisa de mais autores assim, especialmente na Shounen Jump…

    • Deska

      Desculpa, eu não entendi essa do Shingeki. . D:

      • @Deska, aqui ó -> “O que importa é que o mangá vem vendendo extremamente bem no Japão, mas parece que nem isso é o suficiente para fazer a autora mudar a sua ideia de encerrar sua obra.”

      • Também não entendi, SnK vai terminar? oO

      • Micael Okamura

        Sim, gente, SnK vai acabar, no volume 20, e eu afirmo que dentre todos os mangakás, o mais promissor é o Isayama! A maioria no lugar dele, aproveitando o sucesso, iria dar continuidade até virar um shonen de batalha interminável. O importante é que acabe como o autor quer e pronto!
        Eu ainda tenho raiva do autor de Kuroko com essa decisão de continuar o mangá! Mano, Kuroko acabou, não há muita coisa a se fazer, e se a criatividade dele não for boa, existe grandes chances desse mangá ser uma merda.
        E antes que afirmem que estou exagerando, devo presumir que a maioria sabe o que aconteceu com Bleach, não?! É aprova viva que estender demais quando não é mais necessário pode gerar grandes chances de tudo dar errado.

      • KNB foi uma das premissas que mais me enganou recentemente… Pensei que seria um mangá de basquete maneiro, mas no fim é aquilo que estamos vendo. O que já ouvi falar mal de KNB ‘não tá no gibi’…

      • Matcher

        Sobre Kuroko, o mangá “terminou” e agora ta lançando uns capítulos especiais, os “Extra Game” Mas ainda assim vai ter continuação depois disso?
        Não sei se com o passar do tempo vai ficar ruim. Mas pelo que vi até agora. Estou acompanhando o anime por completo (1, 2, e 3a temp.) e achei que o tio Isayama tem um criatividade do cão. O único ponto que peca é sobre as regras do basquete. Mas é relevante, pois Kuroko é uma obre “Shonen” sobre basquete.e não uma obre de esporte. Diferente de Slam Dunk. Se é que vocês me entendem.

      • É como eu tenho dito sempre, o problema não estar exatamente em ele ser battle shounen, e sim ele se vender como uma obra do esporte em questão…
        A mesma coisa por aí falam sobre POT… que ele não é uma obra de tênis…

    • Roxoooo

      É que o autor de SnK disse que planejava acabar a obra mais ou menos com 20 volumes, mesmo com a popularidade da obra. Ou seja: o sucesso não influenciou em uma continuidade enrolada, assim como provavelmente não influenciará em SnK

    • Mike

      Shounen Jump semi-impossível, até nas outras revistas tá difícil ~Betsuma-Gekkan. Eu não bateria palmas para Shingeki, pois eles tem tantos prequel, side story… é muito spin-off; well não acompanho então posso estar falando besteira [20vol é muita coisa].

      • Bem, a minha premissa era apenas a do autor querer terminar a obra de acordo com o que ele planeja/planejou, e não ficar enrolando/”enrolando” a mesma por causa do sucesso estrondoso que ela está fazendo, independentemente de ter 5, 10 ou 20 volumes. Este é o ponto.
        Orange parece que terá 4 vezes menos volumes que Shingeki, mas está seguindo o mesmo caminho ao terminar de acordo com o que a autora planejou, ao invés de ficar cedendo a possíveis pressões editoriais por continuidade devido ao seu sucesso.

  • Agora o pessoal que tem medo de shoujo vender mal pode trazer sem medo. 5 volumes é curtinho. Vou ver se começo a ler a série, as pessoas têm me recomendado muito.

  • Opa, noticia boa e ruim ao mesmo tempo.
    Ruim para quem gosta e acaba perdendo sua série, mas boa no sentido que uma série completa é mais fácil de sair no Brasil.
    Acho Orange a cara da JBC, vão ser cinco volumes, podem fazer uma qualidade bem interessante nele, e ainda rivaliza com Aoharaido na Panini.
    Bem que esse poderia ser o shoujo surpresa deles (quem viu o post da Henshin no face ontem vai entender).

    • Desculpa mas prefiro que venha pela Panini ou New POP… JBC não sou fã da frase” nós fazemos fazer algo diferenciado”

      • Também não curto essa “soberba” da JBC, que convenhamos, não é tudo isso.
        A NewPOP não, gosto muito da qualidade deles, mas os erros de português e os atrasos de publicação (tem mangá que é quase semestral) me fizeram não comprar mais nada deles.
        E a Panini é o velho papel jornal que desanima. :/

      • No fim das contas, nós não temos uma unanimidade por aqui. O dinheiro e investimento em relação aos mangás aqui estão todos nas mãos das pessoas erradas…
        É por isto q

      • Desculpem o post anterior, acabou indo sem querer…

        No fim das contas, nós não temos uma unanimidade por aqui. O dinheiro e investimento em relação aos mangás aqui todos nas mãos das pessoas erradas… mas isto aqui é Brasil né?
        É por isto que o negócio seria um ‘otaku’ ganhar na Mega-Sena…rsrsrs

  • Mike

    Orange pela Panini em offset seria um sonho! Bem que eles poderiam começar uma nova linha de mangas com um pouco mais de qualidade por 15R$.

  • Caio H S

    Ooow, Dih cadê o nosso ranking ? to necessitado, HAHAH

  • Micael Okamura

    Eu espero que esse mangá saia no Brasil já que vai acabar, mas isso infelizmente diminui um pouco as chances de ter um anime. Tem de vender bem pra ter anime.

    • @Micael, não necessariamente tem que vender bem para se ter um anime, mas de fato não vender bem diminui as chances…

  • biazacha

    Por um lado = mas, mas, mas…. tão pouco minha gente. 😮
    Por outro = ainda bem que ela se mantém fiel ao que planejou.

    Aliás talvez seja isso que deu merda na Betsuma; eles viram como a recepção inicial foi ótima, queriam que ela esticasse e ela não quis.
    Isso é a cara da Betsuma, Kimi ni tá aí pra provar a mania de esticar deles… Aoharaido também enrolou e Ookami tá indo pro mesmo caminho.

  • Ane

    Melhor que um mangá infinito, agora poderei ler sem medo.

  • Pingback: Ranking Oricon de Vendas de Mangás: 2 a 8 de Março | ChuNan! - Chuva de Nanquim()

  • Pingback: E quando um mangá muda de editora…. no Japão. | Biblioteca brasileira de mangas()