Tokyo Ghoul é o novo mangá da Panini

Header_TGhoulOs Ghouls estão chegando!

É isso aí, galera! O mangá escrito e ilustrado Sui Ishida é a mais nova aposta da editora Panini.

Estranhos assassinatos começam a acontecer em Tokyo. Devido à evidência líquida nos casos, a polícia concluiu que os ataques são resultados de uma criatura que se alimenta de outros seres, um “ghoul” do tipo “eater”. Dois amigos de faculdade, Kaneki e Hide, criam a teoria de que os ghouls estão imitando os humanos, por isso nunca são vistos ou capturados. Eles nem imaginam que essa teoria pode ser verdade e a coisa sair do seu controle. Kaneki acaba se envolvendo sem saber com uma dessas criaturas, que ao atacar o garoto acaba morrendo acidentalmente, mas o deixa seriamente ferido e a ponto de morrer. A única salvação? Um transplante envolvendo a própria criatura, mas que poderá trazer consequências terríveis para Kaneki. O que acontecerá a partir de agora?

Tokyo Ghoul é um dos mangás mais comentados desde a sua estreia em 2011, e, desse ano para cá, veio ganhando bastante popularidade, chegando ao seu ápice em 2014, um ano bem produtivo: ficou entre os títulos mais vendidos do ano, no Japão, contabilizando mais de seis milhões de cópias vendidas; ganhou uma adaptação em anime pelo estúdio Pierrot; finalizou o mangá – com 14 volumes encadernados – e retornou no mês seguinte, com sua sequência, o Tokyo Ghoul:re, que possui dois volumes até o momento. A franquia ainda inclui três light novels – Tokyo Ghoul Hibi, Kuhaku e Sekijitsu, um spin-off, a segunda temporada do anime, intitulado Tokyo Ghoul √A e vários jogos para plataformas mobile e Playstation.

Podemos concluir que, querendo ou não, Tokyo Ghoul é um título bem-sucedido e é por essas e outras que muitos já esperavam que viesse para cá mais cedo ou mais tarde. Os fãs comemoram!

Related Post