Haikyuu!! chega na marca de 16 milhões de volumes no Japão

haikyuu 16Sucesso mais que indiscutível!

Se alguém ainda duvida do sucesso de Haikyuu!!, essa pessoa tem duas opções para a vida: A primeira é voltar para a Terra e sair de Marte. A segunda é apenas aceitar a verdade e o caminho da luz.

Mas brincadeiras a parte, Haikyuu!! vem crescendo absurdamente a cada dia que passa. No Japão são dezenas de propagandas, produtos relacionados e exposição da marca aos 4 cantos, ainda mais agora com a segunda temporada do anime. Pra ajudar, foi divulgado que os 18 volumes da série já contam com 16 milhões de unidades em circulação. Em pouco tempo deveremos alcançar a média de 1 milhão por volume, o que já o torna um dos maiores hits da atualidade da Shounen Jump! É muito sucesso pra uma série que merece todo o reconhecimento.

Haikyuu!! é publicado desde 2012 na revista Shounen Jump e atualmente conta atualmente com 18 volumes encadernados e passa da marca dos 175 capítulos. A série surgiu a partir de um one-shot de mesmo nome publicado na própria Jump em 2011. O Production I.G (Kuroko no Basket) foi responsável pela adaptação em anime do mangá – criado por Haruichi Furudate – que foi ao ar entre abril e setembro de 2014, com 25 episódios. Ayumu Murase (Rui, de Gatchaman Crowds) e Kaito Ishikawa (Harutora, de Tokyo Ravens) fizeram as vozes dos protagonistas Shoyo Hinata e Tobio Kageyama, respectivamente. Em novembro do mesmo, Haikyuu!! ganhou um “episódio especial” para o evento Jump Anime Fest. Em outubro de 2015 tivemos o início da segunda temporada, que também terá 25 episódios.

Na história, Hinata Shouyou é um garoto que cresceu com uma paixão: o vôlei. Quando criança, Sho assistiu uma partida de vôlei e se encantou com o que viu, e decidiu a partir de então se tornar um grande jogador na modalidade. O problema é que onde Sho estudava os estudantes não pareciam lá muito interessados no esporte, fazendo com que o garoto treinasse durante todo seu ginásio sozinho, sem nenhum companheiro e vivendo de “levantadas de bola” de amigos ocasionalmente. Mesmo assim, Sho conseguiu sua tão aguardada oportunidade de entrar em uma  quadra, mas ao conhecer e ser derrotado por Kageyama Tobio, o Rei da Quadra, Sho percebe que precisa de muito mais caso queira se tornar um jogador perfeito. Chega o colegial e ele se muda para o colégio Karasuno, onde finalmente acredita que terá a sua oportunidade de vingança contra Tobio. Porém um encontro inesperado pode mudar os rumos desse objetivo, mas fazer Sho almejar vôos ainda maiores. Literalmente.

Dih

Dih

Paulistano, 27 anos, corintiano e fissurado em cultura asiática e pop. Formado em Design Gráfico na FMU. Hoje é editor assistente da Panini Mangás e colecionador compulsivo de quadrinhos em geral.

Related Post

  • seiya

    eu sou o único que não curto essa série?

    • sim! hahahahah

    • gabriel

      vc ler o mangá??? vc ja viu o anime?? kkkk com certeza não q pergunta

      • seiya

        ué cara, se eu estou falando que não gosto é porque já vi, se eu nãi tivesse visto como poderia falar que não gosto?… É cada besteira que tenho que ler na net

    • Gabriel

      impossivel ver e não gostar, mais pra quem gosta de saint seiya melhor deixar queto –‘

      • seiya

        Não sei que preconceito é esse que as crianças que se auto denominam otaku tem por cdz, sera que é tudo inveja do sucesso de cdz aqui no país?

      • É porque cdz é ruim mesmo. Você pode curtir por nostalgia, mas é uma obra bem inferior se comparada com outras do msm estilo.
        Sobre Haikyuu, um excelente mangá esportivo.

      • Não é preconceito, e só sendo criança pra não enxergar como cdz é ruim.
        Sobre Haikyuu, excelente mangá esportivo.

    • Só digo uma coisa seiya. Fanboys. Todos os comentários até agora são de fanboys, pessoas terríveis que mancham imagens de animes por causa desse fanatismo todo por ele. Não deviam nem se considerar otakus.
      Aliás, CDZ é um bom anime. Pelo menos em minha opinião.

      • seiya

        Isso ai micael, as pessoas não conseguem admitir que cdz é um bom anime, pode não ser perfeito, mas é bom

      • Cara, eu gosto de Haikyuu e não sou fanboy dele por criticar negativamente CDZ. Na minha concepção é uma obra fraca e que conta com a nostalgia para esse hype que ela sofre.

  • gabriel

    dificil é um mangá de esporte/shonen não fazer sucesso haha , mas é foda demais mesmo, sem querer criticar Kuroko no Basket pq tbm gosto, mas Haikyuu!! é superior não precisa apelar pra musculos a mostra e tal, nem poderes q desafiam a lógica é tudo bem mais realístico acho q esse é o segredo do sucesso

  • Azu

    Cadê aqui no Brasil!?? CADÊ!!?? ALOOOU EDITORAAAS!! o/

    • Marcos Correia

      As editoras meio que deram a entender que manga de esporte não vende tanto por aqui. Não sei como andam as vendas de Kuroko no Basket, nem como foram as vendas do Super Onze, mas uma série com esse hype pode ser que venha.
      Mas mangas de baseball, com certeza, acho que só sonhando mesmo.

      • Maycon Cruz

        E eu acho bastante absurdo isso. Só séries que tem uma hype muito alta (tal como Kuroko no Basket) tem uma chance aqui e olhe lá.

  • Maycon Cruz

    Ele tem todos os méritos, com certeza! É bom ver essa diversidade de estilos e temas entre os grandes. Isso serve de incentivo para que coisas novas venham.

    P.S.: Será que eu sou o único que não acompanha estas séries de esportes, não por desgostar delas, mas sim por não gostar de esportes em sí?

    • Danilo

      eu te entendo, mas de uma chance, pq o foco dessas series de esportes quase sempre é a superação, trabalho em equipe, do pior poder vencer os melhores e tal.. em yowamushi pedal o protagonista odeia todos esportes, mas descobre q é bom no ciclismo é q aqui no brasil as pessoas ligam mt esporte a só futebol

      • Maycon Cruz

        Bom, esse fator do futebol é o que considero com um dificultador de mais dessas séries venham pra cá (é vendo o clamor nos comentários, isso é uma coisa muito errada).

        Apesar de que o futebol se destaca como o esporte que mais desgosto (muito dos vexames envolvendo torcidas organizadas são um fator muito forte pra tal), um dos principais motivos de raramente acompanhar isso é porque eu não consigo curtir enredo mais pé no chão. Como um fã de fantasia em geral (e crescido como tal), me gera certa estranheza acompanhar series assim (tal como dramas ou romances que também tenham essa pegada mais mundana). Mesmo não querendo desmerecer em nada a obra, digo que ela não acaba sendo pra mim.

    • Danilo

      mas eu tbm gosto muito de fantasia, mas isso não me impede de admirar outros gêneros, afinal são todas histórias fictícias eu curto ver séries pés no chão assim tbm pq vc acaba se envolvendo mais com a história, Durarara!! é uma mistura dessas 2 coisas, enfim mas cada um é cada um

  • Rapaz depois que eu vi que gostei da historia onde um romano é um arquiteto de casas de banho (Therme Romae) nada mais me impressiona com as historias dos japas! ;P

  • Agora é questão de tempo para ser publicado aqui.

  • Pingback: Ranking Oricon de Vendas de Mangás: 28 de Setembro a 4 de Outubro | ChuNan! - Chuva de Nanquim()

  • Pingback: Ranking de Vendas de Mangás do Japão: de 7 a 13 de Novembro | ChuNan! - Chuva de Nanquim()