Confira todas as informações de D.Gray-man Hallow

Notícias-D-GrayMan-HeaderData de estreia, elenco adicional, músicas e duração do anime.

A edição de julho da revista Jump Square, da Shueisha, revelou que D.Gray-man Hallow, o novo anime de D.Gray-man, terá um total de seis DVDs e Blu-rays.

A informação sobre os lançamentos em DVD e Blu-rays é confirmada pelo site oficial do anime, onde lista que o primeiro volume terá três episódios e os demais volumes terão dois episódios, com isso a série terá um total de 13 episódios.

O novo anime da obra de Katsura Hoshino estreia no dia 4 de julho nas emissoras da TV Tokyo, TV  Osaka, TV Aichi. A autora também fará ilustrações para os DVDs e Blu-rays.

A produção da TMS Entertainment tem direção de Yoshiharu Ashino (Cross Ange: Tenshi to Ryuu no Rondo), roteiros de Michiko Yokote (Dagashi Kashi), Tatsuto Higuchi (Schwarzesmarken) e Kenichi Yamashita (Ishida to Asakura). A direção de animação, bem como a adaptação do desenho de personagens, é de Yousuke Kabashima (Nobunaga The Fool). Kaoru Wada retorna a trabalhar com a trilha sonora de D.Gray-man.

O tema de abertura da série será da banda de rock Lenny code fiction e o tema de encerramento de Mashiro Ayano.

Estão no elenco de dubladores:

  • Ayumu Murase como Allen Walker;
  • Takuya Sato como Yu Kanda;
  • Natsuki Hanae como Lavi;
  • Ai Kakuma como Lenalee Lee;
  • Shinnosuke Tachibana como Howard Link;
  • Yutaka Aoyama como Conde do Milênio;
  • Masakazu Nishida como Tyki Mikk;
  • Yui Kondou como Road Camelot;
  • Souichiro Hoshi como Wisely;
  • Ryota Asari como Alma Karma;
  • Noriaki Sugiyama como Arystar Krory;
  • Ami Koshimizu como Miranda Lotto;
  • Houchu Ohtsuka como Bookman;
  • Go Inoue como Komui Lee;
  • Tomokazu Sugita como Reever Wenhamm;
  • Mitsuhiro Ichiki como Johnny Gill;
  • Toru Ohkawa como Malcolm C. Lvellie;
  • Takuya Eguchi como Madarao;
  • Souma Saitou como Tokusa;
  • Rie Suegara como Tewaku;

O primeiro anime de D.Gray-man também foi produzido pela TMS Entertaiment e teve 103 episódios exibidos entre 2006 e 2008.

O mangá de D.Gray-man foi lançado originalmente na Shounen Jump em 2004, mas os diversos hiatos por causa da saúde da autora acabaram por transferir o título para a Jump Square em 2009. O último hiato do mangá começou em 2013 e terminou em julho de 2015, quando o título foi para a Jump Square Crown, uma nova revista da Shueisha, de periodicidade trimestral. O volume 25 da obra foi lançado no final da semana passada, dia 4 de junho.

D.Gray-man é publicado no Brasil pela Panini, que lançou o volume 24 em maio de 2014.

Asevedo

Designer de formação, atualmente sou Assistente editorial da Panini Mangá. Acumulo mangás e HQ's, que espero conseguir ler um dia. Assisto animes de vez em nunca.

Related Post

  • Um anime de D.Gray-Man? Mas já?? E de 13 episódios??? O.o
    Estão querendo dar boost no mangá, que passou quase 2 anos em hiato e pode não estar vendendo bem, ou é impressão minha???

    • Exceto animes originais a grande maioria é feita para vender algum produto. O anime antigo deixou algumas sagas a explorar, natural explorarem agora e o boost no mangá é mínimo, é uma revista trimestral.

      • Exatamente por isto… sei que tem coisas que ficaram por serem ‘animadas’, mas poderiam esperar mais um pouco para fazer um anime maiorzinho, não?

    • E pelo que sei, nem reboot será, será uma segunda temporada do anime de 2016, ou seja, nem apresentar pra nova geração esse mangá farão, eu quero ver se alguém aí (exceto os fãs mais hardcores) se lembram de todo o anime de 2006 e de como acabou,
      Pra mim, é mesmo para dar um boost, provavelmente os constantes hiatos devem de ter prejudicado (e muito) a obra.

      • O peso maior é para a retomada da popularidade do mangá. Com a periodicidade de capítulos trimestrais novos volumes tem um intervalo enorme.

      • @Micael, mas sinceramente, não acho que reboot algum seja necessário… muito pelo contrário. Se é para ter um anime, que seja de coisa inédita mesmo, só acho que poderiam esperar mais para ter mais material e fazer um anime maior, só isto, nada de reboot…
        Estamos numa era em que: quem quiser ver o anime anterior, certamente verá. Eu não tenho internet, e mesmo assim, consigo (mesmo que às vezes seja um pouco mais complicado) assistir todas as categorias de automobilismo (e motociclismo) que eu gosto (que são 5 ou 6!), logo, acho que ninguém teria problemas em assistir o primeiro anime para depois assistir este novo que será lançado em breve. Não precisamos de um novo HxH 2011…

  • Pedro Henrique

    Estréia no dia do meu aniversário 😀

  • karasumaruh

    Só 13???? :((

    • Acredito que será apenas uma das sagas que não foi animada antes, mas torcer para que seja sucesso e tenha mais.

  • Pingback: Novas informações sobre D.Gray-man Hallow - Suco de Mangá()

  • O bizarro é que nem reboot será, pelo menos é o que sei, se derem uma explicação básica no início do anime, aí dá pra relevar, pois pô sério que nem fazer um remake do anime original irão fazer?

  • Marlindo

    Na boa, essa escolha do elenco de dublagem me decepcionou profundamente, salvo um e outro aí. Entenderia se fosse um elenco de vozes datados, mas Takahiro Sakurai, Suzumura Kenichi, Katsuyuki Konishi, Shizuka Itou e Sanae Kobayashi não são nem um pouco datados.

  • Ainda bem que não é reboot, mas com 13 eps provavelmente nem vai encostar no mangá.

    • Thiago Duarte

      O mangá está no volume 25 e vai adaptar até o volume 21. O problema é que o mangá é trimestral e demora para ter material suficiente para fazer um anime, a 1ª temporada já tem 10 anos, era melhor um reboot, dava pra apresentar a obra para o público que começou a assistir agora e que não acompanhou em 2006. Com essa diferença enorme de tempo e os 3 anos de hiato que o mangá ficou isso prejudica e muito a obra e baixa bastante as vendas com o novo anime além de abaixar bastante também a audiência do anime porque o publico mais jovem não teve a chance de ver o anime de 2006. Era melhor fazer como o Hunter x Hunter e fazer um reboot, agora com todos esses fatos é bem possivel que essa 2ª temporada venda pouquíssimo e ninguem fique interessado em fazer uma 3ª temporada. É uma pena porque é um dos animes do meu top 5.

  • É bom ver que D.Gray-man ainda tem um futuro, mas o fato é que a grande quantidade de paralisações na publicação do mangá acabou causando grande perda de popularidade. Vai ser difícil conseguir que a obra ganhe uma nova adaptação completa em anime, então o que veremos serão apenas a adaptação dos arcos seguintes após o final do anime original.

    • “então o que veremos serão apenas a adaptação dos arcos seguintes após o final do anime original.” -> vejo isto como algo excelente, se realmente acontecer, só que acho que não precisava ficar ‘picando’ novos animes ao longo dos anos, acho que seria melhor esperar mais material para fazer um anime maiorzinho. Na minha opinião isto para o título seria até muito melhor do que ficar picando animes ao longo das temporadas…

  • Juzé

    Ae Finalmente, pensava que nunca ia fazer a “continuação”