Anime de ‘Cavaleiros do Zodíaco: Saintia Shô’ é anunciado no Japão

saintia-sho-animeProdução pega o timing do lançamento do mangá no Brasil pela JBC.

Em comemoração aos 30 anos da série, Saint Seiya acaba de ter mais uma novidade divulgada. A editora Akita Shoten revelou que o mangá Saintia Shô terá uma adaptação em anime. Ainda não foi revelada data ou detalhes técnicos da produção – bem como o seu formato.

Chimaki Kuori atualmente publica o spinoff Saintia Shô – mangá que está em publicação e tem 7 volumes lançados até o momento. Os capítulos são lançados na revista mensal Champion Red, da Akita Shoten, desde agosto de 2013. O mangá chegou em 2016 ao Brasil pela editora JBC.

Todo o Santuário foi enganado pelo perigo da guerra civil na revolta instigada por Saga de Gêmeos. A história acontece no fim desses eventos, quando surge a deusa Éris e suas Dríades para reivindicar o Santuário para a deusa da discórdia. Esta é a história das guerreiras que protegem a deusa Athena desses eventos paralelos aos fatos da Revolta de Saga. São os registros do amor e das lutas ferozes que vão ao encontro dessas jovens, embora se oponham ao destino em seu caminho para a maturidade…


Sobre Saint Seiya

Originalmente o mangá Saint Seiya foi publicado nas páginas da Shounen Jump, da Shueisha, entre dezembro de 1985 e novembro de 1990. Sua primeira publicação foi compilada em 28 volumes, mas teve lançamentos posteriores no formato kanzenban, com 22 volumes, e no formato bunko, com 15 volumes.

Suas adaptações em anime foram produzidas pela Toei Animation. O anime para televisão foi exibido entre outubro de 1986 e abril de 1989 e, em seus 114 episódios, não cobriram todo o mangá, e teve o lançamento de 4 filmes para cinema. Esta versão é fortemente conhecida no Brasil devido a sua exibição na extinta Rede Manchete na década de 1990. A última saga do mangá, a saga de Hades, foi adaptada em 3 séries de Ovas, com 31 episódios, lançados entre 2002 e 2008.

Durante o intervalo de lançamento da saga de Hades, foi lançado um filme com a saga do Céu, que seria posterior ao fim do mangá, mas o projeto acabou sendo paralisado, com parte de seus conceitos retomados na sequência Saint Seiya Omega, exibido entre abril de 2012 e março de 2014. Em 2015 foi lançada a saga Soul of Gold, que se passa após o fim do mangá e possui 13 episódios.

Em 2014 foi lançado o filme em CG Saint Seiya: Legend of Sanctuary, que recontava a primeira saga, mas as severas críticas ao filme fez até mesmo com que linhas de colecionáveis já planejadas fossem cancelados pela fabricante Bandai.

Após 17 anos, em 2006, o autor retornou ao mangá para trazer o que seria a última saga com o mangá totalmente colorido Saint Seiya: Next Dimension, desta vez na revista Shounen Champion, da Akita Shoten, O mangá ainda está em publicação, mas com grande irregularidade em seus capítulos, possuindo somente 10 volumes encadernados até o momento.

Além da série clássica foram lançados outros mangás do universo por outros autores. Shiori Teshirogi lançou Lost Canvas, que foi adaptado parcialmente em anime, e seu spinoff Lost Canvas – Gaiden; Megumu Okada lançou o prequel Episódio G, e atualmente publica sua sequência, Episódio G Assassin.

Os Cavaleiros do Zodíaco são uma marca fortemente conhecida no Brasil desde o anime na extinta Rede Manchete na década de 1990 até como um dos primeiros mangás lançados no país pela editora Conrad, onde teve o lançamento de duas versões meio-tanko, além do spinoff Episódio G. Os Cavaleiros do Zodíaco foi um dos primeiros mangás lançados no país pela editora Conrad, onde teve o lançamento de duas versões meio-tanko, além do Episódio G. A própria JBC foi a responsável pela terceira publicação da saga clássica, desta vez em formato tanko, entre 2012 e 2014, e também publicou Lost Canvas e Lost Canvas – Gaiden. Atualmente publica, quando há novos volumes, Next Dimension e Saintia Shô, lançado em outubro de 2016, além da edição kanzenban da série clássica, também lançado em novembro.

Dih

Dih

Criador do Chuva de Nanquim. Paulista, 30 anos, editor de mangás da Panini Planet/Manga, designer gráfico e apaixonado por futebol e NBA.

Related Post