Neon Genesis Evangelion será relançado pela JBC!

Mangá será relançado desde o número 1 em outubro pela editora.

E o que parecia iminente finalmente aconteceu. Depois de continuar a publicação que havia sido interrompida pela editora Conrad, agora a JBC resolveu investir em Evangelion e finalmente relançará o mangá de Yoshiyuki Sadamoto desde o volume 1 em formato tankobon! O pré-lançamento será feito no Fest Comix de Outubro e deverá atrair as atenções ao lado do lançamento de Rosario + Vampire II.

A espera em torno desse lançamento era muito grande pelos fãs da série, principalmente pelo fato do título nunca ter tido um tratamento “decente” no país, tendo sido lançado até mesmo em edição de “luxo” por aqui mas nunca continuado pela sua antiga editora. Agora ficamos na expectativa que a JBC realize um bom trabalho gráfico com o título, mas não acredito que teremos um grande problema com isso. A tradução ficará à cargo de Drik Sada, responsável pelo título até então no Brasil.

O mangá terá periodicidade mensal e custará R$10,90. Apesar do “Edição Especial” na capa (que ficou bem esquisitinha, por sinal), o preço parece ser o padrão da editora, por isso não adianta esperar muito quanto a isso.

No mais, parabéns à JBC por realmente ter assumido o compromisso com o título, que embora seja alvo da preguiça do autor possui um fandom muito grande no Brasil. Com certeza compradores não faltarão. E eu serei um deles, claro.

Confira o release oficial da editora:

Neon Genesis Evangelion, um dos maiores sucessos mundiais dos mangás, está de volta às bancas de todo o país. Depois de publicar as quatro edições inéditas da obra de Yoshiyuki Sadamoto no Brasil, dos volumes 21 a 24, a Editora JBC relança o mangá desde o início, agora em formato tankobon, como nos originais japoneses.

O primeiro volume de Neon Genesis Evangelion estará disponível para pré-venda em outubro, durante a Fest Comix em São Paulo. As edições terão periodicidade mensal, pelo preço de R$10,90.

O fenômeno Evangelion

Não é exagero dizer que Evangelion é um dos maiores fenômenos de vendas do Japão. Desde dezembro de 1994, quando os leitores japoneses viram pela primeira vez a complexa história de ficção científica desenhada por Yoshiyuki Sadamoto nas páginas da revista Monthly Shonen Ace (editora Kadokawa Shoten), o número de fãs espalhados pelo mundo tem triplicado a cada ano.

O estrondoso sucesso do título é facilmente comprovado. Em abril de 2010, uma rede japonesa de lojas chamada Lawson se viu obrigada a cancelar a campanha promocional do filme Evangelion 2.22: You Can (Not) Advance por provocar um verdadeiro tumulto no estabelecimento localizado na região de Hakone, na província de Kanagawa. Já um site de leilão conseguiu vender duas guitarras Fender por um valor total de mais de 200 mil dólares. Os instrumentos, uma Stratocaster e uma Telecaster customizadas com o rosto da personagem Rei Ayanami, são assinadas pelo mestre russo Yuriy Shishkov, e o lance inicial foi de aproximadamente 6 mil dólares cada uma.

O segredo de inigualável sucesso talvez esteja em sua trama complexa, que não está limitada a apenas contar uma história da luta do bem contra o mal, mas principalmente por abordar assuntos mais profundos como a psique humana, seus conflitos internos e relacionamentos. Religião e política são outros ingredientes na história de Evangelion que atraiu leitores de todas as partes do mundo. O enredo foge dos clichês como heróis com superpoderes e de caráter livre de qualquer falha. Na realidade, Evangelion explora exatamente o oposto ao colocar um jovem de 14 anos carente de afeto e desprovido de amor próprio como a principal peça capaz de salvar o mundo de misteriosos seres chamados de “Anjos”, que ninguém sabe ao certo se são enviados por Deus para castigar a humanidade ou alienígenas invasores.

Com uma trama bem elaborada, Evangelion consegue prender a atenção não apenas de leitores que têm preferência por ficção científica, como também de pessoas que gostam de outros gêneros.

A origem

Originalmente Evangelion surgiu na TV japonesa em forma de anime. Produzido pelo estúdio GAINAX e dirigido por Hideaki Anno, a animação que provocou um verdadeiro furor nos anos 90 foi exibida em mais de dez países, entre eles, Estados Unidos, Austrália, Alemanha e Chile, sendo que no Brasil foi transmitido pelos canais Locomotion e Animax.

Além disso, a franquia Evangelion engloba cinco filmes produzidos entre 1997 e 2009 – inclusive, recentemente, o longa Evangelion 1.11 – Você (Não) Está Só foi lançado no Brasil em DVD e Blu-Ray –, outras doze séries de mangá, jogos para PC, Mac OS, Sega Saturn, Nintendo 64, Nintendo DS, PlayStation, PSP e PlayStation 2, e mais uma infinidade de produtos, que vão desde bonecos colecionáveis a estampas de garrafas de água, de hashi (talheres japoneses em forma de palitinho), camisetas, umidificadores, relógios, tênis, entre outros.

Em julho de 2010, o parque Fuji-Q Highland, localizado aos pés do Monte Fuji, ganhou um pavilhão chamado Evangelion: World – Life-Size EVA-01 Construction Project, em que recria, em tamanho real, o primeiro encontro entre o protagonista Shinji Ikari e o bio-robô de combate Eva-01. Além do mecha gigante, o pavilhão conta ainda com uma réplica também em tamanho real do cockpit de um Eva, a figura de Kaworu Nagisa, uma sala de vídeo, um museu e um estúdio fotográfico.

A história

O enredo de Evangelion se passa em 2015, em um mundo que acabara de ser reconstruído após a dizimação de metade da humanidade na catástrofe que ficou conhecida como “Segundo Impacto”. O Japão ganha uma capital provisória, a Tokyo-2, cujo Governo promove a construção da futura capital denominada Tokyo-3. Mas a construção da nova metrópole serve apenas de fachada para erguer uma cidade-fortaleza com tecnologia altamente avançada para resistir à ofensiva dos Anjos, monstruosos seres, cujo ataque já havia sido previsto pela humanidade.
A organização especial paramilitar, denominada NERV, foi incumbida da missão de combater tais ameaças usando mechas gigantes chamados de Evas, que são pilotados por jovens rigorosamente selecionados. Um deles é Shinji Ikari, um tímido adolescente. Na realidade, há mais de dez anos ele foi abandonado pelo pai, Gendo Ikari, atual comandante supremo da NERV. Aos 14 anos, Shinji é chamado por ele para pilotar o incrível EVA-01, a última esperança da humanidade na batalha contra os Anjos. Assim dá-se início a uma aventura inigualável em que ficção científica se mistura aos sentimentos mais complexos e profundos do ser humano.

Neon Genesis Evangelion tem classificação etária 16 anos, periodicidade mensal e preço de capa de R$10,90. A tradução é de Drik Sada.

por Dih e Trunks

Dih

Dih

Paulistano, 28 anos, corintiano e fissurado em cultura asiática e pop. Formado em Design Gráfico na FMU. Atualmente é editor na Panini/Planet Mangá e cuida de títulos como One-Punch Man, MOB Psycho e Jojo's Bizarre Adventure.

Related Post