Checklist – 2012 com piratas da volta pela Panini em Janeiro

E vocês achavam que não teria checklist esse mês, não é? Enganei vocês, danadinhos! Agora podem me bater pelo atraso.

Bem, vamos começar o post com as tradicionais desculpas, não é? Que nada, eu sou o dono disso aqui então não tenho que pedir desculpas pra nada. Só esperem que uma hora os posts saem.

Brincadeira! Realmente tive muitos imprevistos nesse fim de ano/começo de ano, e acabei tendo que atrasar diversas postagens que estavam programadas. Acabei tendo que trabalhar em um período que não estava previsto, tive alguns problemas pessoais e mais um monte de desculpas que daria pra vocês até sentirem pena de mim. Prometo que os próximos checklists não vão demorar assim e vou trazer tudo certinho para vocês.

O checklist de hoje já conta com as capas de One Piece, que acabaram dividindo opiniões e vocês conferem abaixo. Vale lembrar também que a partir de janeiro a Panini começa a implementar a mudança de preços em seus mangás. Alguns sobem 1 real, outros 50 centavos e assim a vida continua.

Antes de começarmos os comentários separados, vamos aos gerais como já é de costume. Nesse checklist deveriam constar a última edição de Homunculus (a de número 15) e nem o de Brave 10 (o de número 8). Vamos esperar para ver se os lançamentos desses volumes acontecem no próximo mês. Mas isso só prova que a Panini não perde a mania de atrasar. Em compensação, temos o último volume de Dorothea e Morango 100% voltando as bancas.

Também não temos a entrada de nenhum shoujo para substituir os finalizados Tokyo Mew Mew, Sugar Sugar Rune ou Rockin Heaven. Os fãs do gênero deverão se contentar que a única estreia da editora nesse mês é One Piece, o mais aguardado mangá dos anunciados no fim do ano passado.

Agora sim, chega de papo e vamos aos comentários! Lembrando que como sempre, as capas e preços são créditos dos nossos amigos do JBox!

One Piece 1 de Eiichiro Oda – LANÇAMENTO

Periodicidade: Mensal – Em andamento no Japão com 64 volumes (Distribuição setorizada)

Formato: 13,7 x 20 cm, 208 páginas

Preço: R$ 10,90

E não tem como começar o checklist comentado de outra forma se não com One Piece, não é? O mangá deve voltar as bancas no final de janeiro ou talvez fevereiro (uma vez que o mangá só foi para a gráfica hoje, dia 18 de janeiro). De qualquer maneira, como já sabíamos, a Panini vai lançar novamente desde o número 1 para aqueles que não possuíam a coleção da Conrad. A capa foi criticada por alguns devido ao seu tom amarelo “ovo”, mas foi bem recebida por outros. Eu fui um desses que gostou e não gostou ao mesmo tempo. A cor realmente não ficou legal. No twitter, o assistente editorial da dona italiana, afirmou que os fundos originais não puderam ser utilizados por culpa do licenciamento, e no Facebook, Beth Kodama afirmou que a cor será importante em um “evento futuro”. De qualquer maneira, ficou melhor que a horrenda capa americana com aquele número enorme do padrão VIZ de qualidade. E vocês? Curtiram?

One Piece 36 de Eiichiro Oda – LANÇAMENTO

Periodicidade: Bimestral – Em andamento no Japão com 64 volumes (Distribuição setorizada)

Formato: 13,7 x 20 cm, 208 páginas

Preço: R$ 10,90

Esse é dedicado pra quem parou a coleção de onde a Conrad deixou o povo na mão. Continuando (praticamente no comecinho) o arco de Water 7 – que por sinal é o meu favorito de One Piece, podem me julgar. Nesse caso, a capa manteve quase a mesma tonalidade da original, diferente do número 1. Lembrando que esse mangá voltará as bancas quando a coleção “normal” chegar na de volume 35. Não precisam comprar as duas edições com medo que elas “sumam” das bancas de jornal.

Air Gear 7 de Oh Great!

Periodicidade: Mensal – Em andamento no Japão com 34 volumes (Distribuição setorizada)

Formato: 13,7 x 20 cm, 192 páginas

Preço: R$ 10,90

No outro dia me perguntaram se eu achava que Air Gear tinha capacidade para ser um dos “gigantes” da Panini. Não acredito ainda que será um dos “gigantes” como Naruto, Bleach e agora One Piece, mas com certeza Air Gear faz parte daquele esquadrão que sempre vende bem, junto com Claymore, Gantz, Vampire Knight e outros. O mangá surpreendeu muitas pessoas que acreditavam que não passava de uma “história de patins”, principalmente depois de terem lido Tenjho Tenge. Na verdade, a porradaria faz parte da coisa, mas Air Gear sabe envolver a todos de uma forma muito contagiante. Vale a pena começar a coleção.

Naruto Pocket 20 de Masashi Kishimoto

Periodicidade: Mensal – Em andamento no Japão com 56 volumes (Distribuição setorizada)

Formato:11,4 x 17,7 cm, 192 páginas

Preço: R$ 9,50

E já estamos no volume 20 de Naruto Pocket! Quem diria! Realmente, parece que foi ontem que esse mangá começou a ser lançado. Como já disse anteriormente, é uma boa oportunidade de começar a coleção para aqueles que perderam a edição “normal” (e que hoje deve estar com alguns números iniciais esgotados, provavelmente). Naruto Pocket continua ao preço inferior, mesmo com o reajuste.

07-Ghost 4 de Yuki Amemiya e Yukino Ichihara

Periodicidade: Bimestral – Em andamento no Japão com 13 volumes (Distribuição setorizada)

Formato: 13 x 18 cm, 200 páginas

Preço: R$ 10,90

Diferente de alguns volumes anteriores, parece que dessa vez 07-Ghost está se ajustando na periodicidade, saindo no checklist previsto. Mangá que divide opiniões entre o que é bom, ou ruim, mas que deve ter uma (pequena) parcela de fandom. O mangá agora custará R$10,90, se ajustando a nova tabela da editora. E para os interessados, acho que títulos como 07 ou Kuroshitsuji, devem ser boas portas de entrada para outros mangás como Pandora Hearts, por exemplo. Resta ficar na torcida agora.

As Estrelas Cantam 7 de Natsuki Takaya

Periodicidade: Bimestral – Completo no Japão com 11 volumes (Distribuição setorizada)

Formato: 13,7 x 20 cm, 192 páginas

Preço: R$ 10,50

Depois de ter ficado um tempo sem dar as caras, parece que tudo está se normalizando com esse título da autora de Fruits Basket. As estrelas cantam chega ao seu sétimo volume, faltando agora somente 4 para seu término, que se nenhum imprevisto acontecer, deve se dar ainda esse ano. Esse é um dos shoujos remanescentes da editora, que deve ter algo em mente para o decorrer do ano para a substituição. Vale lembrar que o título também sofreu seu reajuste, tendo agora o preço de R$10,50.

Dorothea 6 de Cuvie – FINAL

Periodicidade: Bimestral – Concluído no Japão com 6 volumes (Distribuição setorizada)

Formato: 13 x 18 cm, 176 páginas

Preço: R$ 9,90

Último volume de Dorothea. Mangá que conseguiu surpreender muitas pessoas que não esperavam absolutamente nada de um título desconhecido e feito por uma ex-mangaká de  hentais (sim, tem esse detalhe, para quem não sabe). Não acredito que Dorothea precisará de um “substituto”, mas para aqueles que ficaram órfãos, recomendo começarem a comprar Claymore, que lembra em partes um pouco da história da bruxa guerreira. Com uma pitada a mais de ação. E qualidade, claro.

Maid-Sama! 5 de Hiro Fujiwara

Periodicidade: Bimestral – Em andamento no Japão com 13 volumes (Distribuição setorizada)

Formato: 11,4 x 17,7 cm, 192 páginas

Preço: R$ 10,50

Eu ainda não consigo gostar do logotipo e nem dos fundos de Maid-sama (e muito menos do subtítulo ridículo) , mas de todas as edições lançadas aqui, essa por enquanto é a “menos pior”. Até que tudo ficou bem harmonioso com a ilustração. Como já falei antes, esse é o “substituto” de Ouran, que deve ter seu último volume lançado por aqui no próximo mês ou março. Mesmo que eu ache que essa função pudesse ter sido muito bem executada por Otomen, parece que a Panini não pensa da mesma forma. De qualquer maneira, é um bom título, já falei aqui algumas vezes.

O Mito de Arata 3 de Yuu Watase

Periodicidade: Bimestral – Em andamento no Japão com 13 volumes (Distribuição setorizada)

Formato:13,7 x 20 cm, 192 páginas

Preço: R$ 10,90

Ainda não leu nada de Yuu Watase? Não espere aquela coleção feia e mal feita da Conrad de Fushigi Yuugi para que isso aconteça. Leia Arata! Depois de um volume 1 ótimo, e um volume 2 que soube manter o ritmo da história, chega o terceiro para consolidar esse mangá como uma leitura gostosa e simples de se fazer em um final de tarde. Watase sabe muito bem criar esse clima “feudal” como em todos os seus mangás, e com Arata não é diferente. Leiam! Para aqueles que não viram, existe uma review do mangá AQUI.

Blood Lad 2 de Yuuki Kodama

Periodicidade: Bimestral – Em andamento no Japão com 5 volumes (Distribuição setorizada)

Formato:13 x 18 cm, 184 páginas

Preço: R$ 10,90

Esse mangá é demais! Não percam tempo e leiam! Super engraçado, com piadas ótimas, arte limpa e um roteiro super certinho, que não o faz o melhor mangá do mundo, mas o torna um título extremamente cativante. Para aqueles que não sabem, Blood Lad deve ganhar um anime ainda esse ano no Japão, por isso é a oportunidade perfeita para conhecer mais um pouco do  “vampiro otaku” Staz. Corram quer ainda dá tempo de conseguir o volume 1 por aí e comprar esse volume 2 (que tem uma capa que eu acho linda, por sinal.)

100% Morango 15 de Mizuki Kawashita

Periodicidade: Bimestral – Concluído no Japão com 19 volumes (Distribuição setorizada)

Formato:13,7 x 20 cm, 192 páginas

Preço: R$ 10,90

Voltou! As garotinhas bonitinhas e com a calcinha de fora da Mizuki Kawashita estão de volta depois de 3 meses. Sacanagem termos que esperar tanto tempo por um mangá que está quase acabando, mas tá valendo. Depois desse, só mais 4 volumes para o término. Dependendo da loucura da Panini, deveremos ter o final do mesmo só em 2013. Querem um consolo? As pessoas que compram Kekkaishi terão que esperar mais. Bem mais. Mesmo assim, boa oportunidade para quem quer comprar o mangá, já que teremos tempo suficiente até terminar a coleção.

por Dih

Dih

Dih

Paulistano, 28 anos, corintiano e fissurado em cultura asiática e pop. Formado em Design Gráfico na FMU. Atualmente é editor na Panini/Planet Mangá e cuida de títulos como One-Punch Man, MOB Psycho e Jojo's Bizarre Adventure.

Related Post