Anunciado anime do mangá Gingitsune

gingitsuneheaderMangá da Ultra Jump ganha anime em breve.

Segundo a edição de maio da revista Ultra Jump (a mesma de Tenjho Tenge, Bastard e JoJo Steel Ball Run) o mangá Gingitsune – série de Sayori Ochiai lançada no ano de 2009 e que até o momento possui 8 volumes e está em andamento – ganhará uma série animada. Já se sabe que o anime será direcionado para a televisão. A direção ficará por conta de Misawa Shin (Shura no Toki), roteiros de Yamaguchi Hiroshi (Argento Soma, Desert Punk) e character design de Matsumoto Maiko e Ide Naomi. O estúdio responsável será o Diomedea (Ika Musume). Ainda não existe previsão de lançamento para a série. O site oficial já está no ar e abaixo você confere o character design do anime.

visual_01Gingitsune é mais uma série que tem o seu roteiro girando no período Edo. A protagonista é Makoto Seiki, uma jovem sacerdotisa que vive com seu pai e Gintaro, um kitsune (uma espécie de raposa super poderosa) que funciona como um encarregado mensageiro dos deuses. Acontece que apenas Makoto consegue ver a criatura e graças a esse poder ela usará os seus conhecimentos para ajudar a comunidade em que vive.

Gingitsune possui “pouca receptividade” por não ser uma série de destaque pela internet afora (nem mesmo imagens são fáceis de se encontrar). Mesmo assim seu mangá vende razoavelmente bem e a história tem todos os ingredientes para um ambiente agradável e bem gostoso de se acompanhar. Aguardemos.

via Moetron

Dih

Dih

Paulistano, 28 anos, corintiano e fissurado em cultura asiática e pop. Formado em Design Gráfico na FMU. Atualmente é editor na Panini/Planet Mangá e cuida de títulos como One-Punch Man, MOB Psycho e Jojo's Bizarre Adventure.

Related Post

Há 10 comentários

  1. Avatar

    eu li algumas RAWs, e devo dizer que o plot é bem aconchegante
    posso garantir que sera um anime bem legal de se acompanhar semanalmente, se bem que eu n garanto mais que 13 episodios(vejamos a repercussao xD

    Responder
      1. Avatar

        Ah, eu não havia reparado. É que eu não conheço esse estúdio. Valeu!
        Ah, e em 2012 você fez uma matéria chamada ”Mulher também sabe fazer shounen”. Pois eu acho que vc devia ter incluído a Yana Toboso (autora de Black Butler) e a autora que esqueci o nome de Pandora Hearts. Ah, e existem uma matéria sobre homens fzendo shoujo? Porque homem também sabe fazer mesmo!

        Responder
  2. Avatar

    Conheci hoje, mais no aguardo para assisti-lo. Eu só falo de animes depois que assisto, pois os que achei a resenha ruim, foram os melhores e os que mais gostei. 🙂

    Responder
  3. Avatar

    Originalidade, cadê? Se bem que muitos animes com falta de originalidade acabaram se destacando, não da pra analisar nada só pela sinopse, estúdio e etc, só com os primeiros episódios pra saber se terá futuro, mas o tema já foi usado em 900 animes e mangás.

    Responder

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *