Comentando – Chihayafuru 2 #17

headerDificuldade e superação.

Depois de duas semanas voltamos a ter um episódio com história inédita em Chihayafuru! Semana passada tivemos um episódio resumo totalmente fora de hora e que diminuiu o número de episódios que restam, que já estava muito apertado. Eu não sei quanto a vocês, mas eu fui seco para ver o que iria acontecer na historia e eu acabei extremamente frustrado, coisa que iria se resolver se tivesse uma maldita prévia do próximo episódio! Enfim, provavelmente teremos esse torneio até o final e confesso que queria um pouco mais. Segundo alguns comentários que andamos lendo na internet, a impressão que temos é que o diretor está mantendo um ritmo lento em Chihaya pois não há material suficiente para estender mais o anime. Verdades? Não sabemos. O que nos resta é continuar assistindo e ver até onde isso vai dar.

Atenção: Devido a problemas pessoais as postagens de Chihayafuru atrasaram um pouco. Hoje deveria estar indo ao ar a do episódio #18, mas essa fica somente para sexta ou sábado. A partir da próxima semana deveremos normalizar esses imprevistos. Não deixem de comentar de qualquer modo. As discussões continuam.

chi1Chihayafuru 2 #17

“Gust of Wind”

Já percebemos nos primeiros minutos de episódio que Fujisaki não é um dos melhores times do Japão a toa e o grande diferencial é o fato deles possuírem uma treinadora que realmente entende e joga Karuta competitivo. Sakurazawa é uma das maiores responsáveis pela força do time, ela os treinou para conseguirem aguentar longas competições e sabe muito bem utilizar quais jogadores para as partidas. Rion não foi escolhida a toa. A treinadora está utilizando a Yamashiro Kyoko como um grande motivador e ainda fazendo com que ela aprenda com sua adversária.

Rion e Chihaya estão travando uma batalha sobre quem possui os melhores sentidos durante a leitura das cartas. Rion possui melhores sentidos que Chihaya e tem a vantagem de estar mais acostumada com a leitura de sua parente, mas o grande problema é sua inexperiência e isso provavelmente vai ser o grande responsável pela sua derrota. É engraçado perceber que ela possui um problema muito parecido com o Taichi, que continuam na classe B por mais que sejam habilidosos.

chi5Rion vai dominando a partida até o momento que Chihaya , mas é claro que a protagonista não desiste e parte para o ataque, causando um acidente que pode ser o grande motivo para a vitoria do time Mizusawa. Em um ataque rápido, Rion se desespera e acaba machucando o dedo de sua adversária, mas Chihaya tenta fingir que não machucou para continuar a partida e não desmotivar seu grupo.

Uma lesão é algo que eu já vi várias vezes em um anime de esporte. Esse machucado com certeza vai piorar porque a garota vai teimar em continuar na partida e provavelmente ela vai acabar ficando um bom tempo parada ou até mesmo fazendo com que ela tenha que desistir de utilizar essa mão para o Karuta. É um tema interessante e que deixa muita em aberto para o futuro e também para o presente, já que isso vai refletir em muito para os garotos e para sua adversária.

chi11Nas palavras do Harada-sensei, um adversário é muito mais afetado quando ele causa o machucado de uma pessoa e Rion não é diferente, tornando esse momento para Chihaya atacar e virar o jogo. Enquanto isso a Queen começa a lembrar quem era aquela garota que estava no torneio de duplas e começa a analisar a partida. Eu espero demais uma partida entre as duas, mas isso não deve acontecer tão cedo.

chi13E o final do episódio é que me fez ficar extremamente animado, os garotos não desistiram e se preparam para o contra-ataque! Eu quero ver a partida entre eles, eu quero saber como vão revidar, como vão conseguir lutar contra adversários tão fortes e como cada um está pensando em relação ao ferimento da Chihaya. O orgulho dos 4 está ferido e essa final é o momento que eu esperei nessa temporada inteira, o momento que eles finalmente possam se destacar e a ação saia um pouco da protagonista. Vamos ver, estou empolgado!

Luk

Luk

Eu juro que gosto de animes, apesar de todo o meu haterismo.

Related Post