Margaret Qualley e Nat Wolff deverão estrelar filme americano de Death Note

death note movieAdaptação da Warner ainda busca nomes para a produção.

Enquanto a gente se treme de medo de uma adaptação americana, a Warner tá cagando e andando pra isso e continua caçando seus talentos para estrelar o filme baseado na obra de Takeshi Obata e Tsugumi Ohba.

Margaret Qualley (The Leftovers) deve protagonizar como a personagem feminina da trama, enquanto Nat Wolff (A Culpa é das Estrelas), deve ficar com o papel masculino. Ainda não foram ditos nomes para os personagens (não deverão seguir os nomes originais), mas no caso de Wolff descreveram seu personagem como “um estudante que descobre um caderno sobrenatural que lhe permite matar qualquer um ao escrever o nome da vítima”. A produção do longa se inicia no ano que vem.

Adam Wingard (The Guest, You’re Next) será o diretor do longa, enquanto Jeremy Slater (Fantastic Four) aparentemente ficará a cargo dos roteiros.

Os produtores envolvem Roy Lee da Vertigo Entertainment, Dan Lin da Lin Pictures, Jason Hoffs da Viz Productions e o autor Masi Oka (o Hiro de Heroes, lembram?). Doug Davison e Brian Witten são os produtores executivos, enquanto Niija Kuykendall e Nik Mavikurve supervisionam o projeto na Warner.

A Warner Bros. adquiriu os direitos da Vertigo Entertainment em 2009. No antigo time, Vlas e Charles Parlapanides eram os cotados para a produção. Shane Black and Gus Van Santer eram cotados para a direção.

Death Note foi publicado originalmente na revista Shounen Jump no ano de 2003 e rendeu 12 volumes encadernados e uma série de extras. A história Tsugumi Ohba e arte de Takeshi Obata conquistou o mundo e foi um sucesso como poucos dos que se veem hoje em dia na revista da Shueisha. Ainda rendeu um anime com 37 episódios e 3 filmes live actions. A JBC lançou a coleção completa no Brasil, duas novels e o chamado “Volume 13”, com dados especiais do anime. Em 2013 publicou a edição “Black Edition”, baseada na coleção de mesmo nome da VIZ, que compila dois volumes em 1 em um um material gráfico diferente e caprichado.

Dih

Dih

Paulistano, 28 anos, corintiano e fissurado em cultura asiática e pop. Formado em Design Gráfico na FMU. Atualmente é editor na Panini/Planet Mangá e cuida de títulos como One-Punch Man, MOB Psycho e Jojo's Bizarre Adventure.

Related Post