Agenda: Evento JBC Henshin+ 2016, na Saraiva do Shopping Center Norte

Agenda - JBCSidonia HeaderLançamento de Knights of Sidonia no evento anual da editora.

Acontece neste final de semana o evento anual da editora JBC, o Henshin+. O evento marcará o terceiro lançamento da editora do ano, o mangá  Knights of Sidonia. O evento acontecerá em São Paulo no próximo sábado, dia 9 de abril, a partir das 15 horas na Saraiva do Shopping Center Norte. Aqueles que comprarem o mangá de Knights of Sidonia ganharão um brinde exclusivo do evento e também poderão aproveitar descontos em kits de mangás da editora, que também estão disponíveis no site da livraria.

Além do lançamento do mangá de Knights of Sidonia, a editora promete ter novidades em uma palestra com o gerente de conteúdo da editora, Cassius Medauar, e o editor do selo Ink Comics, Mardelo Del Greco e toda a equipe da editora. O evento também terá três painéis: a importância da ficção científica nos quadrinhos; o mercado de mangás e o sucesso do BMA, o Brazil Manga Award. Além disso terá um show com a banda Senpai Old School.

Atenção quem for de Porto Alegre e região! A loja NERDZ, antiga Loja Jambô, fez uma parceria com a editora e o lançamento também ocorrerá na loja, no mesmo horário do evento de São Paulo, e com direito aos mesmos brindes na compra do mangá.

O Chuva de Nanquim estará presente fazendo a cobertura através do novo Twitter, o @Chu_Nan. Fiquem de olho lá e compareçam ao evento, se tiverem a possibilidade. Mas atenção, o evento terá capacidade limitada em 200 pessoas, por isso serão distribuídas pulseiras na porta do auditório a partir das 13 horas.

Confira abaixo o release do evento e não deixe de marcar presença por lá!


JBC Henshin+ 2016

É chegada a hora! No próximo sábado, dia 9 de abril, acontece na Livraria Saraiva do Shopping Center Norte o Henshin+, o evento anual da JBC onde a editora apresenta para o público grandes novidades e tudo sobre os novos títulos de mangás que estarão chegando ao Brasil – incluindo o lançamento de Knights of Sidonia!!

O Henshin+ também tem como propósito aproximar cada vez mais a JBC de seus leitores. O evento é a oportunidade ideal para a editora apresentar seus planos, discutir como o mercado de mangás e quadrinhos se transforma a cada momento e, principalmente, ter um contato direto com os fãs.

Na edição de 2016 do Henshin+ também serão abertos espaços para debates com especialistas sobre assuntos relacionados ao mercado de HQs. Divididos em três painéis, Marcelo Campos (desenhista da DC e Marvel e sócio-fundador da escola Quanta Academia de Artes), Paulo Gustavo Pereira (jornalista e apresentador do programa “Loucos por Séries”), Rafael OCB (1º colocado no último BMA), Kaji Pato (autor de Quack e um dos vencedores do 1º BMA), Marcelo Cassaro e Petra Leão (roteiristas da Turma da Mônica Jovem) discutirão sobre o mercado de mangás, a importância da ficção científica nos quadrinhos e o sucesso do BMA, o Brazil Manga Award.

O evento também contará com a banda Senpai Old School que tocará ao vivo grandes sucessos dos animes e das séries tokusatsu.

Cassius Medauar, Marcelo Del Greco e toda a equipe JBC também estarão lá para apresentar os próximos grandes lançamentos da editora para o ano de 2016. E grandes surpresas não faltarão!!

O Henshin+ começa às 15h e as vagas são limitadas. A distribuição das pulseiras que dão acesso ao auditório começam a ser distribuídas a partir das 13h, na porta do auditório da livraria Saraiva do Shopping Center Norte.

E para completar, até o evento vamos soltar mais informações sobre Knights of Sidonia!! Confira no nosso canal o teaser da série!


JBC HENSHIN + 2016

Data: 9 de abril de 2016
Evento Gratuito
Horário: 15h às 18h
Local: Saraiva Shopping Center Norte
Travessa Casalbuono, 120 – Loja 414 –Vila Guilherme  (próximo do metrô Tietê)

Asevedo

Designer de formação, atualmente sou Assistente editorial da Panini Mangá. Acumulo mangás e HQ's, que espero conseguir ler um dia. Assisto animes de vez em nunca.

Related Post

  • Os caras falam em aproximar-se dos leitores e fazem um evento em SP para 200 pessoas… não sei se é muita inocência ou é muita cara de pau… é a JBC! Se fosse a NewPOP ou outras editoras menores no mercado de mangás, eu nem falaria nada, mas a JBC fazer um evento para míseras 200 pessoas é meio inaceitável…
    E esta história de leitores é foda. Andei mandando e-mails para a editora falando sobre isto, que eles nos taxam como meros leitores e não somos apenas isto, somos muito mais do que isto. Os caras não conseguem entender ou não querem entender (porque lhes convém) que o conceito que eles usam para nós está errado…
    Discuti com a editora por conta disto e ao que parece, os caras não vão mudar este conceito errôneo. Enquanto o mercado de mangás brasileiro estiver travado por conceitos usados erradamente e por ‘olho grande’/ganância, seremos tão minúsculos como eles dizem que somos…¬¬

    • Cherubim

      É desse jeito que ela vem tratando o cliente, quero só ver a qualidade desse manga, la cem mais um lançamento de papel transparente e acabar com mais um título, comprei eden número 5 e veio com uma transparência ridícula após pagar 40 suados reais

      • xcog

        sempre que a jbc pega um manga eu fico triste… Pois ele poderia ter sido pego pela Panini que pelo menos ia ter um minimo de qualidade pelo preço que é cobrado.

  • tiago

    Por isto sempre me recusei a comprar mangas brasileiro. Venho estuando o japonês e só compro manga/light novel japonês, mesmo que sofro para ler. Melhor que pagar valores absurdo no Brasil, por uma qualidade miserável e ainda ser tratado pelas editoras como mais um otário que os alimenta.
    Eu se fosse vocês boicotaria. Comprem dos EUA se for o caso.

    • “Venho estuando o japonês e só compro manga/light novel japonês”; “Eu se fosse vocês boicotaria. Comprem dos EUA se for o caso.” -> eu penso de maneira parecida quanto ao boicote em si, só que acho que boicotar apenas não vai nos levar a lugar nenhum. Acho que eu mesmo já fui mais radical quanto a isto, mas ainda, sim, boicoto várias coisas, mesmo às vezes podendo gastar um pouco mais. Hoje, com praticamente todas as lojas em linha usando boletos e depósitos como possíveis formas de pagamento, dá para boicotar sem precisar exatamente deixar de comprar…
      As editoras querem lucrar e para isto elas querem melhorar o produto, logo, querem nosso feedback a respeito. Eu apoio o boicote a curto prazo, e principalmente ao preço de capa, mas generalizar como você faz, não é uma alternativa que todos podem seguir. Você fala como se todos pudéssemos (e tivéssemos memórias privilegiadas) para aprender inglês e comprar mangás dos EUA, mas mesmo sendo uma língua paupérrima, o inglês não é tão fácil assim como parece para muita gente, e mesmo assim ler algo de entretenimento forçando a cabeça numa língua que você não domina, para mim parece nada agradável… e se penso assim em relação ao inglês, tudo piora muito mais quando se trata de japonês…
      Logo, generalizar e importar não é nem um pouco interessante e tampouco ajuda o mercado a melhorar…u_u