Mangá ‘Fruits Basket Another’ terminará no próximo volume

Já pode vir pra cá?

Foi anunciado no segundo volume do mangá shoujo Fruits Basket Another, de Natsuki Takaya, que a série se encerrará em 2018, com o lançamento do terceiro e último volume da obra.

No Japão, o título é publicado desde 4 de setembro de 2015 no site Hana to Yume Online.

O mangá se passa no período após a graduação do ensino médio de Tohru e conta a trama de uma garota chamada Sawa, que acaba de entrar no colegial.

Em 2015, junto do anúncio do spinoff, Takaya já havia declarado que a série não passaria de três volumes e que ele faria parte da comemoração do lançamento da edição de colecionador do mangá principal. A autora ainda complementou que não é necessário ter conhecimento de Fruits Basket para ler a sequência e que aqueles que conhecem a história poderão dar boas risadas com a versão. Os protagonistas (Tohru, Yuki e Kyo) não aparecem na sequência, apesar de serem mencionados em alguns diálogos.

Miyuki

Tão normal, nem parece otaku. A louca das webcomics. Segue o mantra de ler e assistir de tudo um pouco (menos o que for terror, por favor). Tem um vício novo a cada mês e surta horrores na conta pessoal no Twitter.

Related Post

  • Jotape Ferreira

    Vou aproveitar que este é o post mais recente do Chunan! pra colocar o link do trailer da nova versão de um dos mais aclamados animes sci-fi já produzidos, “Legend of the Galactic Heroes”:

    • Marcos Correia

      Nova versão de um anime perfeito? Pra quê? 😛
      Será que vão resumir 110 episódios?
      Saudade de ouvir “Rainrrardosama”. 😛

      • Jotape Ferreira

        Sim, o original é foda mas foi feito nos anos 80/90. Já tava na hora de uma nova geração conhecer LotGH!

        • Marcos Correia

          Bah! Prefiro os clássicos! 😛

  • Vini

    Nossa, nem sabia desse mangá. Vale a pena ler?

    • Renato Koiti Yoneda

      Um dos melhores mangás que já li!

      • Vini

        Ok, vou checar!

  • Não conhecia esse mangá! E olha que os personagens principais são todos muito parecidos com a primeira coleção.
    Será que teremos essa edição comemorativa aqui no Brasil?

  • Marcos Correia

    Confesso que o preconceito com a arte me impediu de ler Fruits Basket. A Takaya melhorou bastante de lá pra cá, mas o original me dois nos olhos.